Início Site

Eurocopa: Itália aprova abertura de estádio com 25% da capacidade

0

Torneio foi adiado para abril deste ano e ocorrerá em 12 países-sede

O governo da Itália permitirá que torcedores assistam aos jogos do Campeonato Europeu deste ano no Estádio Olímpico de Roma com 25% da sua capacidade, disse a Federação Italiana de Futebol (FIGC) em comunicado nesta terça-feira (13).

A Eurocopa 2020 foi adiada por um ano devido à pandemia de covid-19, e a Uefa, órgão regulador do futebol europeu, pediu aos 12 países-sede que apresentassem seus planos para permitir que torcedores entrem nos estádios até o início de abril. A competição vai ocorrer de 11 de junho a 11 de julho.

Na semana passada, o Comitê Técnico-Científico (CTS) do governo italiano disse que não poderia dar sua opinião antes do prazo final e a Uefa deu até dia 19 de abril para uma decisão.

“Itália e Roma estão dentro. A aprovação do governo da presença do público nos jogos da Eurocopa 2020 em Roma é uma notícia maravilhosa que iremos imediatamente transmitir à Uefa”, disse o presidente da federação, Gabriele Gravina, em comunicado.

Roma deve receber três jogos da primeira fase – incluindo a partida de abertura do torneio entre Itália e Turquia, no dia 11 de junho – e uma das quartas de final.

Publicado em 13/04/2021 – 17:09 Por Elvira Pollina, Angelo Amante e Rohith Nair – Roma (Itália)

China quer trabalhar com o Brasil para promover parceria estratégica

0
MRE, Coletiva, China

Declaração é do chanceler chinês Wang Yi

O conselheiro de Estado e ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, disse neste sábado (10) que a China quer trabalhar com o Brasil para promover sua parceria estratégica abrangente a fim de continuar fazendo novo progresso.

Wang fez o comentário em uma conversa por telefone com Carlos Alberto Franco França, ministro das Relações Exteriores do Brasil.

Ao parabenizar França por sua nomeação como ministro das Relações Exteriores, Wang disse que como grandes países em desenvolvimento, representantes das economias emergentes e parceiros no Brics, a China e o Brasil são forças importantes impulsionando a multipolarização do mundo e compartilhando interesses comuns extensivos e estreitos.

A China, segundo Wang, sempre valoriza e desenvolve as relações com o Brasil de uma perspectiva estratégica de longo prazo, colocando o Brasil em uma das direções de prioridade para seus laços estrangeiros.

Após o surto da pandemia da covid-19, a China e o Brasil têm combatido a pandemia com solidariedade e superado as dificuldades juntamente. Apesar da tendência adversa, a cooperação pragmática tem crescido, com progresso estável em muitos projetos grandes, o que reflete completamente a forte resiliência da cooperação dos dois países, disse Wang.

Ao indicar que o vírus é o inimigo comum da humanidade, Wang disse que atualmente a pandemia no Brasil e outros países na América Latina está ainda muito severa.

A China se compadece com o Brasil e apoia firmemente os esforços do governo brasileiro para conter a pandemia e restaurar sua economia, disse Wang, acrescentando que a China, dentro de sua capacidade, quer continuar com a cooperação de vacina com o Brasil para satisfazer sua necessidade urgente.

Ele disse que as economias da China e do Brasil têm vantagens complementares óbvias e grande potencial de crescimento, e que a cooperação é de interesse fundamental dos dois países e povos.

Os dois lados devem promover o crescimento estável do comércio bilateral e expandir ativamente a cooperação em 5G, economia digital, inteligência artificial e outras áreas. Acredita-se que o Brasil fornecerá um ambiente de negócio justo e aberto para as empresas chinesas operando no país, disse Wang.

Ao destacar que a China e o Brasil buscam políticas estrangeiras independentes e respeitam a soberania e integridade territorial um do outro, Wang pediu que os dois países continuem a se entender e a se apoiar nos assuntos relacionados com seus interesses fundamentais respectivos.

Mirando a nenhum terceiro lado, a cooperação China-América Latina se foca no desenvolvimento comum e cooperação pragmática, o que satisfaz as necessidades dos dois lados, disse Wang, indicando que o Brasil desempenhará um papel importante e ativo nesse respeito.

Por sua parte, França, que agradeceu a Wang os parabéns, assinalou que as relações Brasil-China são de grande significado estratégico e que os dois países têm feito cooperação saudável em várias áreas.

O chanceler brasileiro acredita que a conversa telefônica injetará ímpeto na cooperação bilateral.

O Brasil espera desenvolver ainda mais as relações harmoniosas com a China e realizar a cooperação a longo prazo, disse Franca, sugerindo que os dois países façam uso completo e melhorem os existentes canais de comunicação e mecanismos de cooperação bilateral, fortalecem seu diálogo estratégico e continuem a aprofundar suas relações.

Ao agradecer à China sua ajuda generosa ao Brasil desde o surto da pandemia, França lembrou que a China é um produtor importante de matérias-primas farmacêuticas no mundo.

Indicando que o Brasil está em necessidade urgente de vacinas e suprimentos médicos na luta contra a pandemia, França disse que seu país espera contínuo suporte forte da China.

A cooperação científica e tecnológica é de grande significado aos dois países, e o Brasil quer fortalecer a cooperação com a China nas áreas como a economia digital e 5G, e manter a comunicação estreita com a China na promoção da cooperação China-América Latina, acrescentou França.

Publicado em 11/04/2021 – 11:50 Por Agência Xinhua – BEIJING

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 33 milhões

0
Mega-Sena, concurso da Mega-Sena, jogos da Mega-Sena, loteria da Mega-Sena

Foram sorteadas as dezenas 14, 21, 22, 29, 35 e 46

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.361 da Mega-Sena, realizado neste sábado (10) à noite no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo. Os números sorteados foram 14 – 21 – 22 – 29 – 35 – 46. O próximo concurso, na quarta-feira (14), deve pagar R$ 33 milhões.

A quina teve 61 ganhadores e cada um receberá R$ 42.932,72. A quadra teve 3.782  acertadores e pagará o prêmio individual de R$ 989,23.

As apostas podem ser feitas até as 19h do dia do sorteio nas lotéricas de todo o país ou pela internet, no site da Caixa. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Publicado em 11/04/2021 – 08:54 Por Agência Brasil – Brasília

Fux marca para terça-feira julgamento sobre CPI da covid-19

0
Fachada do Supremo Tribunal Federal (STF) com estátua A Justiça, de Alfredo Ceschiatti, em primeiro plano.

Ação será o primeiro item da pauta

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, marcou para quarta-feira (14), o julgamento em plenário da instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da covid-19 no Senado. O relator da ação no Supremo é o ministro Luís Roberto Barroso. A sessão de julgamento está marcada para as 14h e esse será o primeiro item da pauta.

Na quinta-feira (8), Barroso atendeu a um pedido de liminar feito pelos senadores Jorge Kajuru (GO) e Alessandro Vieira (RS), ambos do partido Cidadania, e determinou a adoção das medidas necessárias para a instalação, no Senado, de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para investigar eventuais omissões do governo federal no combate à pandemia de covid-19.

Como a decisão foi monocrática, agora deverá passar pelo plenário, onde os ministros devem decidir por sua confirmação. Inicialmente, a análise dessa liminar estava marcada para sexta-feira (16), mas os ministros conversaram e decidiram antecipar a votação.

Edição: Fábio Massalli

Publicado em 10/04/2021 – 19:09 Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Arco-íris em Marte? Perseverance captura imagem e esclarece mistério

0

Fenômeno considerado impossível em Marte foi identificado pela sonda

Um fenômeno inusitado foi capturado pelo sonda robô Perseverance, da agência aeroespacial norte-americana Nasa, que explora desde fevereiro o solo marciano. Uma foto tirada pela Perseverance mostra um arco-íris no céu do planeta vermelho – algo considerado impossível, já que o fenômeno ocorre por causa da refração da luz solar nas partículas de água suspensas na atmosfera. Como Marte possui uma atmosfera fina e gelada, não há possibilidade de haver água em estado líquido circulando livremente pelo ar.

Após ganhar repercussão em redes sociais, a foto publicada pela Nasa teve que ser elucidada. O perfil da sonda exploradora no Twitter frustrou teorias conspiratórias que tentavam explicar o fenômeno de forma não científica.

Segundo pesquisadores da Nasa, o fenômeno registrado não era exatamente um arco-íris, e sim um reflexo de lente muito comum, o lens flare. Esse fenômeno ocorre quando a luz bate diretamente sobre uma lente de câmera em um ângulo oblíquo e se espalha pela superfície de vidro, o que causa o registro de uma luz brilhante, geralmente em forma de gota ou círculos.

A imagem foi capturada pela câmera traseira da sonda, que serve para identificar possíveis perigos na rota de movimentação do veículo. Essa câmera, chamada HazCam, faz parte do sistema autônomo de movimentação da Perseverance.

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Publicado em 10/04/2021 – 08:00 Por Agência Brasil – Brasília

Bolsonaro visita hoje Chapecó, Foz do Iguaçu e São Paulo

0
O Presidente Jair Bolsonaro visitou, na manhã desta quarta-feira (7), as instalações do Centro Avançado de Atendimento Covid-19, em Chapecó (SC). 📷: Alan Santos/PR

Presidente visita Centro Avançado de Atendimento Covid-19

O presidente Jair Bolsonaro visitou hoje (7) o município de Chapecó, na região oeste de Santa Catarina, para conhecer o Centro Avançado de Atendimento Covid-19. A unidade foi desativada após a alta e a transferência de pacientes para outros setores.

Bolsonaro voltou a defender o tratamento off-label de infectados com covid-19. O medicamento chamado off-label é aquele prescrito pelo médico que diverge das indicações da bula. Desde o início da pandemia, no ano passado, o presidente defende o uso dessas medicações como, por exemplo, a hidroxicloroquina, que não tem eficácia científica comprovada contra a doença, mas pode ser prescrita por médicos com a concordância do paciente.

“É um direito e dever do médico, ele tem que buscar uma alternativa”, disse Bolsonaro. “Hoje têm aparecido medicamentos ainda não comprovados que estão sendo testados, e o médico tem essa liberdade, tem que ter”, completou.

Ontem (6), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) emitiu comunicado alertando sobre o uso indiscriminado de medicamentos e sobre os efeitos adversos resultados de práticas como a “falta de prescrição de acordo com as diretrizes clínicas baseadas em evidências científicas”. 

Segundo o sistema de notificações de farmacovigilância da Anvisa, o número de registros de reações adversas pelo uso da cloroquina saltou de 30 em 2019 para 242 em 2020, um aumento de mais de 800%. O medicamento também passou a encabeçar a lista dos remédios com maior número de reações adversas.

Após a parada em Chapecó, Bolsonaro segue viagem para Foz do Iguaçu (PR), onde participa de dois eventos nesta tarde. Às 14h, ele estará na solenidade de entrega da ampliação da pista de pouso e decolagem do aeroporto internacional da cidade e da inauguração do novo pátio de manobras e da duplicação da via de acesso ao aeroporto. Na sequência, participa da posse do novo diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general João Francisco Ferreira.

No fim da tarde, o presidente da República deixa Foz do Iguaçu com destino a São Paulo, onde jantará com empresários. O retorno a Brasília está previsto para 23h.

Centro de atendimento

De acordo com o prefeito de Chapecó, João Rodrigues, a estrutura do Centro Avançado de Atendimento Covid-19 foi montada em momento crítico de falta de leitos com ajuda de empresários da cidade, que doaram R$ 2,5 milhões. A unidade passou a atender no dia 24 de fevereiro como um local de passagem enquanto os pacientes aguardavam vagas em hospitais.

Agora, com a desativação, parte dos equipamentos será emprestada a outros municípios e parte será preservada no centro de eventos para o caso de uma nova onda de contágio.

Nos últimos meses, Chapecó adotou diversas medidas restritivas para conter o agravamento da pandemia de covid-19, como toque de recolher, fechamento do comércio e mais ações de fiscalização. Segundo o prefeito, a testagem rápida e o tratamento imediato também foram importantes no combate à doença.

De acordo com o boletim divulgado ontem (6), o município tem 34.116 casos confirmados e 541 óbitos por covid-19. Entre os 606 casos ativos, de pessoas que estão com doença, 187 vítimas estão internadas, sendo 121 em unidades de terapia intensiva. Com cerca de 220 mil habitantes, Chapecó já vacinou 21.023 pessoas com a primeira dose e 8.537 pessoas com a segunda dose de vacinas contra a covid-19.

Edição: Kleber Sampaio

Publicado em 07/04/2021 – 13:12 Por Andreia Verdélio – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Rodolffo será investigado por crime de racismo

0

Rodolffo será investigado por crime de racismo pela Polícia Civil do Rio de Janeiro.

O cantor sertanejo e atual participante do BBB, Rodolffo será investigado por seus comentário supostamente racistas feitos durante a participação do programa. A informação é da Revista Quem desta terça-feira (06/04). A investigação ficará por conta da Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância da Polícia Civil do Rio de Janeiro.

“De acordo com a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (DECRADI), foi instaurado procedimento para apurar o crime de preconceito racial. Imagens estão sendo analisadas e as investigações seguem em andamento”, afirma o comunicado divulgado pela Revista Quem.

O que aconteceu?

Acontece que no último sábado (04) quando Rodolffo recebeu a fantasia de homem das cavernas para cumprir o desafio do monstro, fez um comentário comparando a peruca que iria colocar com o cabelo do colega de programa e professor de geografia, João Luiz. 

Enquanto João ajudava Caio e Rodolffo a vestirem o personagem, Rodolffo comentou: “Nós tá com o cabelo quase igual o do João”. Na ocasião, João se calou e comentou com Camila ter se sentido triste por conta do ocorrido e, durante o último jogo da discórdia, ao apontar Rodolffo como um jogador que joga sujo. “Naquela hora lá no quarto, Rodolffo, eu me calei, eu fiquei calado lá dentro, eu não falei nada. Mas você não sabe o quanto que aquilo que você falou me machucou. Me machucou muito”, disse.

“Cara do céu, mas não foi pra doer não, mano”, tentou explicar Rodolffo, mas João continuou, em lágrimas: “Não adianta vir com discurso de que não foi sua intenção, de que você não teve a intenção de fazer, porque eu tô cansado de ouvir isso, não é só aqui dentro, é lá fora também. Nunca ninguém tem a intenção de machucar”.

Surpreso com a situação, Rodolffo reafirmou que o cabelo da peruca era realmente parecido com o cabelo do brother. “Se todo mundo observou como que era a peruca do monstro, acredito eu que é um pouco semelhante”, disse. “Porque que não é mais fácil você dizer que errou, cara?”, contestou João. “Eu não tô num desenho animado, eu não sou a Pedrita pra ficar usando peruca de pré-história não, mano. Tem osso no meu cabelo? Não tem não, irmão”, ponderou o professor.

Em seguida, após a dinâmica do jogo da discórdia, Camila de Lucas conversou com Rodolffo sobre e disse o brother está em 2021, onde há muita informação e que ele deve pesquisar a respeito. No entanto, em um momento, o cantor sertanejo alegou ser “muito complicado o mimimi”. “Não é mimimi… A partir do momento que alguém tá dizendo que não é legal, não é mimimi”, explicou Camila.

Rodolffo é um dos emparedados e está na berlinda que será revelada na edição desta terça-feira (06). O sertanejo é indicado há três semanas.

Por Diário de Goiás

by Domingos Ketelbey

Os Dez Mandamentos estreia na TV Brasil

0

Novela conta a saga de Moisés até a Terra Prometida

Sucesso de audiência, a novela Os Dez Mandamentos estreia na próxima segunda-feira (5), às 20h30, na TV Brasil. A superprodução reconta uma das mais famosas passagens da Bíblia: a saga de Moisés, desde seu nascimento até a chegada de seu povo à Terra Prometida, passando pela fuga do Egito através do Mar Vermelho e o encontro com Deus no Monte Sinai. A atração vai ao ar de segunda a sábado, sempre no mesmo horário.

Com direção de Alexandre Avancini e autoria de Vivian de Oliveira, a trama, exibida originalmente na Rede Record, narra conflitos entre Moisés e Ramsés e histórias do povo hebreu na conquista de uma nação. Ao todo, são 242 episódios, de aproximadamente 50 minutos cada.

A Empresa Brasil de Comunicação (EBC) adquiriu os direitos de exibição das 1ª e 2ª temporadas. O contrato de licenciamento permite a exibição da telenovela pela emissora, pelas afiliadas da Rede Nacional de Comunicação Pública (RNCP), pela TV Brasil Web e pelo aplicativo TV Brasil Play.

O Diretor de Conteúdo e Programação, Denilson Morales, conta que a aquisição da novela vem ao encontro da necessidade de buscar alternativas neste difícil momento para a produção audiovisual nacional e internacional, no qual todos foram afetados pelas restrições provocadas pela pandemia.

“Procuramos alternativas para cumprir a nossa missão e, uma delas, foi incentivar a produção nacional – aquelas que se encontram em acervos – e dar visibilidade a grandes obras, licenciando produtos de ponta de outras emissoras/distribuidores de conteúdo do país, como a novela Os 10 Mandamentos, que foi um case de sucesso na tv brasileira e, será revista aqui, na TV Brasil, canal que tem crescido em audiência e relevância ao longo dos anos”, afirma Morales.

Nova programação

A partir da próxima segunda (05), a TV Brasil estreia uma programação diferente com a credibilidade que os espectadores já conhecem. Tem mais notícias, de segunda a sexta, às 12h, com a chegada dos noticiários locais Repórter DF, Repórter Rio e Repórter SP. O Repórter Brasil Tarde está com novo horário e passa para as 12h15. O telejornal noturno Repórter Brasil continua às 19h e vai entregar mais 10 minutos de informação para o público.

O jornalismo das Rádios EBC chega à TV Brasil. De segunda a sexta, a partir das 7h30, o Repórter Nacional, da Rádio Nacional, faz um giro de 30 minutos com tudo o que você precisa saber para começar o dia bem informado.

O Sem Censura está de volta sob o comando da jornalista e escritora Marina Machado. Com 35 anos de história, o programa volta às origens com grandes entrevistas e debatedores discutindo assuntos da atualidade sobre diversos temas como comportamento, cultura, política, educação, entretenimento, saúde, esporte e tecnologia. Toda segunda às 21h30.

As novidades não param. Tem estreia e novas temporadas de atrações infantis e infantojuvenis na TV Brasil Animada, Valentins, Detetives do Prédio Azul, Os Chocolix, Martin Manha, A Mirette Investiga, entre outros.

Ao vivo e on demand

Acompanhe a programação da TV Brasil pelo canal aberto, tv por assinatura e parabólica. Veja como sintonizar no site da TV Brasil.

Os programas favoritos dos telespectadores também estão disponíveis no TV Brasil Play, aplicativo para plataformas Android e iOS, além do site http://play.ebc.com.br.

Edição: Kelly Oliveira

Publicado em 02/04/2021 – 15:31 Por EBC – Brasília

MP-GO sugere à Câmara de Jataí proposição de lei para proibir uso de canudos plásticos

0

O Ministério Público de Goiás (MP-GO), por meio da 5ª Promotoria de Justiça de Jataí, encaminhou sugestão à presidente da Câmara Municipal, Marina Silveira, para adoção de providências visando à proposição de lei que proíba o uso de canudos plásticos no município de Jataí. Em ofício enviado nesta segunda-feira (29/3), a promotora Patrícia Almeida Galvão Costa de Assis encaminhou cópia da Lei nº 10.353, aprovada e em vigência no Município de Goiânia, como sugestão para análise do teor da norma.

Conforme apontado no documento, em busca do meio ambiente ecologicamente equilibrado, faz-se necessário que os municípios se conscientizem do impacto ambiental dos canudos plásticos no meio ambiente. Considerando que eles são um dos produtos de plástico mais amplamente utilizados e, portanto, descartados no mundo, sendo que muitos tipos não podem ser reutilizados ou reciclados, devido aos produtos químicos utilizados em sua produção.

Além disso, a promotora destaca que os canudos plásticos são produzidos de polipropileno e poliestireno, materiais não degradáveis que, quando descartados de forma inadequada, desintegram-se lentamente em partículas cada vez menores, as quais liberam produtos químicos no solo, no ar e na água que são prejudiciais aos animais, plantas, pessoas e meio ambiente, bem como que são propensos a ingestão por animais e peixes, quando esses chegam aos rios e oceanos. Estudos apontam que esses materiais podem levar de 400 a mil anos para se decomporem.

“Os canudos são apontados como grandes poluidores do meio ambiente, já se tem notícia da proibição do seu uso em estabelecimentos comerciais em diversas cidades e Estados do Brasil”, aponta a recomendação. (Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO – foto: Banco de Imagem)

Felipe Neto quer Lula como candidato em 2022 para concorrer com Bolsonaro

0

O empresário e influenciador digital Felipe Neto quer Luís Inácio Lula da Silva, do PT, para concorrer com Jair Bolsonaro (sem partido) à presidência da República em 2022. Segundo o youtuber, “não existe terceira via possível para 2022”. As postagens foram feitas em uma rede social após o petista conceder entrevista ao jornalista Reinaldo Azevedo.

Neto que antes defendia uma via alternativa que não fosse encabeçada pelo PT agora mudou de postura. Ele argumentou, inclusive, que quanto mais tempo se perde debatendo esse cenário,  Bolsonaro acaba se fortalecendo.  “Não existe terceira via possível pra 2022 e quem não enxerga isso está completamente alucinado. E quanto mais se perde tempo debatendo isso, mais força vai pro Satanás 17”, pontuou.

Algumas horas depois fez uma nova publicação dizendo que revisionou seus pontos. “O jogo virou. Eu fiz coro ao cobrar que o PT tivesse a inteligência de não lançar candidato pra fortalecer frente ampla. Com a elegibilidade do Lula, tudo muda. Vamos ver quantos terão a coragem de fazer aquilo que exigiam do PT. Afinal, pra derrubar o Satã, essa é a via e TODOS sabem”, destacou.

Diário de Goiás

by Domingos Ketelbey

Saiba o que é o stalking e como se defender

0
Propostas sobre proteção de dados pessoais são debatidas no Congresso

Vítimas podem ter dificuldade de reconhecer o crime inicialmente

stalking é um termo usado para se referir ao ato de perseguir alguém na internet é por meio de invasão de contas nas redes sociais, de ligações, envio de SMS que o chamado cyberstalking ocorre. O constrangimento e a perseguição também podem aparecer de outras maneiras: em locais públicos, em casa, e , por exemplo, na divulgação de boatos ou importunações que podem ser causadas por paixão doentia , violência doméstica e ódio à vítima.

Segundo a SaferNet, organização não governamental que se dedica à defesa dos direitos humanos na internet, muitas vezes a pessoa que está sendo vítima de ciberstalking parece ter dificuldade de inicialmente reconhecer esse risco. Porém, a partir do momento em que esses comportamentos se tornam persistentes e perigosos, é possível identificar o ciclo de violência que começa a ser estabelecido. “ Em algumas situações, essa violação se inicia de forma sutil, quando o/a stalker começa a postar coisas em sua linha do tempo ou até mesmo em outros sites, sempre buscando estabelecer um vínculo de maior proximidade. Algumas vezes, ele/ela adiciona ou entra em contato com amigos, familiares, vizinhos e colegas de trabalho do seu alvo, com o intuito de ter informações sobre tudo o que a pessoa faz”, alerta a organização.

Ainda segundo a SaferNet alguns cuidados podem ajudar a evitar o problema:

Faça boas escolhas online. Evite divulgar dados como endereço, local de trabalho/estudo ou telefone em redes sociais, sempre configurando o perfil para que apenas pessoas próximas tenham acesso às suas informações.

Tenha cuidado com quem você se relaciona e mantém conversas online, nunca podemos ter certeza de quem está do outro lado da tela. 

Caso esteja sendo vítima de stalking, grave todas as possíveis provas, particularmente aquelas que são explicitamente abusivas ou ameaçadoras, pois elas podem servir de evidências para ser registrado um boletim de ocorrência nos órgãos competentes.

Não interaja com a pessoa que perseguir ou assediar, pois isso pode reforçar o comportamento dela para continuar tendo alguma forma de contato com você.

Bloqueie o contato do stalker em suas redes sociais e denuncie no próprio serviço.

Crime

No último dia 9, o Senado aprovou um projeto que criminaliza o stalking. O texto, sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro no dia 31 de março, altera o Código Penal e prevê pena de reclusão de seis meses a dois anos e multa para esse tipo de conduta. Antes, a prática era enquadrada apenas como contravenção penal, que previa o crime de perturbação da tranquilidade alheia, punível com prisão de 15 dias a dois meses e multa. Ainda de acordo com o projeto aprovado, o crime de perseguição terá pena aumentada em 50% quando for praticado contra criança, adolescente, idoso ou contra mulher por razões de gênero. Em outros países, como os Estados Unidos, a França e o Canadá, a prática já é prevista em lei.

Por ter pena prevista menor que oito anos, porém, o crime não necessariamente provocará prisão em regime fechado. Os infratores podem pegar de seis meses a dois anos de reclusão em regime fechado e multa.

O projeto também revoga o Artigo 65 da Lei de Contravenções Penais (Decreto-Lei 3.688, de 1941) que previa o crime de perturbação da tranquilidade alheia, com prisão de 15 dias a dois meses e multa. Com a aprovação da proposta, tudo passa a ser enquadrado no crime de stalking.

Edição: Graça Adjuto

Publicado em 02/04/2021 – 09:00 Por Karine Melo – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Rejeição a Bolsonaro sobe e chega a 59%, diz pesquisa

0

A desaprovação ao governo de Jair Bolsonaro saltou e chegou a 59% em março, segundo pesquisa divulgada nesta quarta-feira (31) pelo PoderData. Esse é o maior índice já registrado pelo levantamento. Há duas semanas, a reprovação era de 54%.

As pessoas que avaliam positivamente o governo mantém a fatia de 1/3 do eleitorado, com 33%. O número representa estabilidade em relação ao último levantamento, que aponta fidelidade de 32% dos eleitores a Bolsonaro.

A pesquisa foi realizada em todos os estados e o Distrito Federal, com 3,5 mil eleitores de 541 municípios. As opiniões foram colhidas entre 29 e 31 de março. A margem de erro é de 1,8 ponto percentual.

Houve redução expressiva dos que dizem não saber responder, que são 8% hoje e eram 14% há 15 dias.

Motoristas de aplicativo e entregadores são incluídos em linha de crédito a juro zero

0

A GoiásFomento anunciou nesta quinta-feira (1) a inclusão de motoristas de aplicativo e entregadores de encomendas à linha de crédito especial do Programa Estadual de Apoio ao Empreendedor (Peame). Dentro do programa, profissionais dessas categorias podem solicitar empréstimos a juro zero.

O trabalhador pode pedir funanciamento na categoria MEI/Autônomo. O valor máximo é de R$ 5 mil, com carência de seis meses e prazo de pagamento de até 24 meses.

Para requerer o crédito, é preciso exercer a atividade econômica há pelo menos seis meses e não possuir restrição de crédito anterior a 3 de março de 2020. Em caso de restrição posterior a essa data, o débito deve ser menor que 30% do valor do empréstimo.

Como solicitar o crédito

As propostas de financiamento podem ser enviadas pelo site da GoiásFomento. Estão disponíveis também outros canais de atendimento, que são os correspondentes de crédito da Agência de Fomento em todo o território goiano, o Sebrae-GO, pelo telefone: 0800-570-0800, a Sociedade Garantidora de Crédito, via: (62) 3237-2643.

by Redação / Diário de Goiás

AGU defende no STF suspensão de decretos que proíbem cultos religiosos

0
O ministro da Justiça, André Mendonça, durante solenidade de Ação de Graças, no Palácio do Planalto.

Procurador-Geral da República também se manifesta contra decretos

O advogado-geral da União, André Mendonça, defendeu hoje (1º) no Supremo Tribunal Federal (STF) a suspensão de decretos estaduais que proíbem a realização de cultos religiosos. 

A manifestação foi incluída na ação em que o PSD questiona no STF a legalidade do decreto do estado de São Paulo, que proibiu, de forma irrestrita, a realização de cultos como medida de prevenção à disseminação da covid-19. O relator da ação é o ministro Gilmar Mendes. 

Na manifestação, André Mendonça diz que as medidas restritivas aplicadas durante a pandemia devem respeitar a dignidade e as liberdades fundamentais dos cidadãos. 

Para Mendonça, a restrição total de atividades religiosas, mesmo sem aglomeração de pessoas, impacta o direito à liberdade de religião. 

“A completa interdição de atividades religiosas, traduz, em si mesma, uma medida excessivamente onerosa, porquanto poderia ser substituída por restrições parciais, voltadas a evitar situações em que haja o risco acentuado de contágio. Em outros termos, é particularmente excessiva, no ponto, a proibição irrestrita de realização de eventos religiosos”, argumenta Mendonça. 

O ministro também defendeu urgência na concessão da liminar, diante do feriado de Páscoa. 

“Para os mais de 2 bilhões de fiéis que professam a fé cristã no mundo, a Páscoa é talvez a celebração mais importante de todas, unindo todos os segmentos do cristianismo, como o catolicismo romano, a ortodoxia oriental e o protestantismo, nas suas mais variadas vertentes. No Brasil, país em que cerca de 80% da população é católica ou evangélica, mesmo descontando-se a parcela não praticante, a importância religiosa da efeméride é indiscutível para milhões de brasileiros”, afirmou. 

Na mesma ação, o procurador-geral da República, Augusto Aras, também defendeu a suspensão do decreto. Aras sustenta que a Constituição assegura o direito à liberdade religiosa. Para o procurador, igrejas e templos podem funcionar, desde que sejam respeitados os protocolos sanitários contra o novo coronavírus (covid-19).

Edição: Fernando Fraga

Publicado em 01/04/2021 – 16:33 Por André Richter – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Mega da Virada: prêmio não é resgatado e dinheiro vai para o Fies

0
Mega-Sena da virada

O prazo de 90 dias para resgate terminou nessa quarta-feira

Mais de R$ 162,6 milhões – metade do prêmio pago na Mega da Virada do dia 31 de dezembro – serão repassados ao Fundo de Financiamento do Ensino Superior (Fies), do Ministério da Educação, destino dos prêmios esquecidos. O prazo de 90 dias para resgate da bolada terminou nessa quarta-feira (31) e o ganhador ou ganhadora, que fez a aposta pela internet, não apareceu.

Procon

O Procon de São Paulo chegou a notificar a Caixa Econômica Federal para que o banco identificasse o ganhador da Mega da Virada que não foi buscar o prêmio. Segundo o Procon, a Caixa tem meios para saber quem ganhou o dinheiro. “A aposta efetuada através de meio eletrônico demanda a realização de cadastro e a indicação de cartão de crédito como meio de pagamento”, diz a nota divulgada pelo órgão de defesa do consumidor.

“Se é possível a identificação do apostador, a Caixa não pode comodamente aguardar o decurso do prazo e se apropriar do dinheiro. Caso o apostador esteja morto, o prêmio pertence aos seus herdeiros. E se a aposta foi feita por meio eletrônico, é dever da instituição financeira informar se não é possível identificar o seu autor”, ressaltou o diretor do Procon, Fernando Capez.

No fim da tarde de ontem, o Procon-SP informou que a Caixa respondeu ao requerimento. Segundo a instituição financeira, o cadastro efetuado no ambiente virtual serve apenas para verificar se o interessado cumpre os requisitos para apostar em loterias, como CPF válido, maioridade civil e residência em território brasileiro, e não pode ser usado para encontrar ganhadores.

Histórico

O sorteio mais cobiçado do país teve apenas dois vencedores para dividir o valor recorde de R$ 325,2 milhões, mas só o ganhador de Aracaju já não deve se preocupar mais com boletos no fim do mês. Ele retirou o dinheiro que ganhou: R$ 162,6 milhões. Seu nome não foi revelado, como ocorre com todos os ganhadores das loterias da Caixa.

Por incrível que pareça, não são raros os apostadores que deixam o prêmio para trás. Segundo a Caixa, somente em 2020, R$ 311,9 milhões em prêmios não foram resgatados. Os valores levam em conta todas as modalidades e faixas de premiação como Dupla-Sena, Quina, Lotofácil, Lotomania e Loteca, que não foram retiradas no prazo.

Para retirar o prêmio, além do bilhete, é preciso apresentar documento de identificação, como o CPF (Cadastro de Pessoas Físicas). Os números sorteados na Mega da Virada 2020 em dezembro último foram: 17 – 20 – 22 – 35 – 41 e 42.

Edição: Aécio Amado

Publicado em 01/04/2021 – 10:04 Por Agência Brasil – Brasília

Novo auxílio emergencial: trabalhador saberá se tem direito amanhã

0
Saque do auxílio emergencial

Consulta será feita no site da Dataprev

Trabalhadores poderão saber se foram incluídos no auxílio emergencial 2021 a partir de amanhã (2). Inicialmente prometida para hoje, a consulta teve de ser adiada “em função da necessidade de alinhamento dos canais de atendimento dos três órgãos diretamente envolvidos no programa – Ministério da Cidadania, Dataprev e Caixa”, explicou a Dataprev, em nota.

Consulta

A consulta poderá ser feita pelo Portal de Consultas da Dataprev. Para isso, o cidadão deverá informar CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento.

Quem já recebe o Bolsa Família e inscritos no CadÚnico não estarão na lista da Dataprev já que, nesses casos, as parcelas serão depositadas automaticamente – desde que o beneficiário se encaixe nos critérios de elegibilidade do auxílio.

Depósitos

Segundo calendário divulgado pela Caixa, os pagamentos começam no dia 6 de abril para os trabalhadores que fazem parte do Cadastro Único e para os que se inscreveram por meio do site e do aplicativo Caixa Tem. Os depósitos serão feitos na conta poupança digital da Caixa, acessada pelo aplicativo Caixa Tem. O beneficiário do auxílio emergencial terá direito, primeiramente, à movimentação digital e, posteriormente, aos saques.

Para os beneficiários do Bolsa Família, os pagamentos começam em 16 de abril e seguirão o calendário de pagamento do benefício.

Números

Em 2021, serão pagos R$ 43 bilhões a 45,6 milhões de brasileiros que atendem aos requisitos exigidos. Do montante, R$ 23,4 bilhões serão destinados ao público já inscrito em plataformas digitais da Caixa (28,6 milhões de beneficiários), R$ 6,5 bilhões para integrantes do Cadastro Único do Governo Federal (6,3 milhões) e mais R$ 12,7 bilhões para atendidos pelo Programa Bolsa Família (10,6 milhões).

Critérios

Para conceder as quatro parcelas do auxílio emergencial este ano o governo definiu novas faixas de pagamento:

– Mulheres chefes de família: R$ 375

– Famílias com duas ou mais pessoas, exceto aquelas com mães chefes de família: R$ 250

– Auxílio para pessoas que moram sozinhas: R$ 150

Podem receber

– Famílias com renda per capita de até meio salário mínimo (R$ 550) e renda mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.300);

– Público do Bolsa Família poderá escolher o valor mais vantajoso entre os benefícios e receber somente um deles.

– Trabalhadores informais;

– Desempregados;

– Microempreendedor Individual (MEI).

Não podem receber o auxílio

– Trabalhadores com carteira assinada e servidores públicos;

– Pessoas que não movimentaram os valores do auxílio emergencial e sua extensão em 2020;

– Quem estiver com o auxílio do ano passado cancelado;

– Cidadãos que recebem benefício previdenciário, assistencial ou trabalhista ou de programa de transferência de renda federal, com exceção do Bolsa Família e do Pis/Pasep;

– Médicos e multiprofissionais;

– Beneficiários de bolsas de estudo e estagiários e similares;

– Quem teve rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2019 ou tinha, em 31 de dezembro daquele ano, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil;

– Cidadãos com menos de 18 anos, exceto mães adolescentes.

– Quem estiver no sistema carcerário em regime fechado ou tenha seu CPF vinculado, como instituidor, à concessão de auxílio-reclusão.

Edição: Lílian Beraldo

Publicado em 01/04/2021 – 13:01 Por Karine Melo – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Fatos históricos, datas comemorativas e feriados de abril de 2021

0

Mês tem dois feriados, Páscoa e “descobrimento do Brasil” Abril será um dos poucos meses de 2021 com dois feriados (o outro mês é novembro): o da Sexta-Feira da Paixão (em 2021, será no dia 4) e do Dia da Inconfidência Mineira (21).

Acesse a tabela com as datas de abril de 2021 (fonte: acervo da EBC)

Além dos “dias de folga” e da Páscoa (que será no dia 6), abril de 2021 traz datas relevantes para a história nacional. Uma delas é o Dia do Índio (etimologia considerada ultrapassada para designar indígenas), no dia 19 de abril. A outra é o dia 22, data oficial do descobrimento do Brasil.

O mês também é marcado pelos 125 anos do início da primeira Olimpíada da Era Moderna (dia 6), Dia Mundial da Saúde (dia 7) e 30 anos da morte do cantor Gonzaguinha.

As datas são alguns dos 121 fatos históricos, datas comemorativas e feriados selecionados pelo Projeto Efemérides, da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). O Projeto Efemérides traz temas relacionados à história, cultura, ciência, a personalidades, sempre ressaltando as datas nacionais e regionais.

Ele foi criado com o objetivo de oferecer mais um serviço para as áreas produtoras de conteúdo por meio de sugestões de pautas para matérias jornalísticas. A equipe da Gerência de Acervo atende aos pedidos de pesquisa: basta enviar um e-mail para centraldepesquisas@ebc.com.br.

Lista dos fatos históricos, datas comemorativas e feriados de abril de 2021:

Abril de 2021

1

Nascimento do cantor de música sertaneja paulista José Marciano (70 anos) – em dupla com João Mineiro, fez sucesso nacional e ficou conhecido como O Inimitável

Fundação da empresa de tecnologia Apple Computer Inc. por Steve Jobs, Steve Wozniak e Ronald Wayne (45 anos)

Dia da Mentira

2

 Sexta-Feira da Paixão

Nascimento do músico paulista Eduardo Smith de Vasconcellos Suplicy, o Supla (55 anos)

Nascimento do ex-jogador paulista de futebol Dener Augusto de Sousa (50 anos)

Dia Mundial de Conscientização do Autismo – comemoração internacional aprovada pela ONU na Resolução Nº 62/139 de 18 de dezembro de 2007

Dia Internacional do Livro Infantil e Juvenil – data de nascimento do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, em 1805

Fundação do Guarani Futebol Clube (110 anos)

3

Nascimento da escritora, atriz e dramaturga mineira Maria Clara Machado (100 anos)

Nascimento do professor, músico, compositor, arranjador e pianista fluminense Luiz Eça (85 anos)

Lançamento do microcomputador modelo Osborne 1 pela Osborne Computer Corporation (40 anos) – foi o primeiro microcomputador portátil comercialmente bem-sucedido

4

Páscoa (data móvel)

Fundação da escola de samba Unidos de Vila Isabel (75 anos)

5

Nascimento do cantor e compositor paraibano Genival Lacerda (90 anos)

Morte do esportista, músico e empresário fluminense Pedro Paulo Guise Carneiro Lopes, o Pepê (30 anos)

6

Nascimento do ilustrador letão Eli Katz, o Gil Kane (95 anos) – sua carreira englobou os períodos conhecidos como Era de Ouro e Era de Prata dos Quadrinhos

Nascimento da atriz paulista Cacilda Becker Iaconis (100 anos)

Morte do compositor, pianista e maestro russo Ígor Fiódorovitch Stravinsky (50 anos) – considerado um dos compositores mais importantes e influentes do século 20

Início da primeira Olimpíada da Era Moderna, em Atenas (125 anos)

Dia Internacional do Esporte para o Desenvolvimento e a Paz – comemoração instituída pela 96ª sessão da Assembleia Geral da ONU na sua Resolução A/RES/67/296 de 18 de setembro de 2013

7

Nascimento do humorista, ator, músico, cantor e compositor fluminense Antônio Carlos Bernardes Gomes, o Mussum (80 anos) – integrou o quarteto humorístico Os Trapalhões e grupo de samba Os Originais do Samba

Treze crianças são assassinadas na Escola Municipal Tasso da Silveira, no Rio de Janeiro, episódio conhecido como Massacre do Realengo (dez  anos)

Abdicação de Dom Pedro I em favor de seu filho, D. Pedro de Alcântara, futuro D. Pedro II (190 anos) – o ato marcou o fim do Primeiro Reinado e o início do período regencial, no Brasil

Dia do Jornalista

Dia Mundial da Saúde – comemoração instituída por países-membros da Organização Mundial da Saúde para ser observada a partir de 1950

Fundação do Clube Náutico Capibaribe (120 anos)

8

Nascimento do músico, apresentador de TV paulista Luiz Thunderbird Fernando Duarte (60 anos)

Descoberta da supercondutividade pelo físico holandês Heike Kamerlingh Onnes (110 anos)

Criação da Universidade Federal da Bahia (UFBA) (75 anos)

Dia Nacional do Sistema Braille

Dia Mundial da Luta Contra o Câncer

Dia Internacional dos Ciganos

9

Início do programa Falando de Música, da Rádio MEC (68 anos)

10

A Holanda é o primeiro país a legalizar a eutanásia (20 anos)

Inauguração do Aeroporto de Congonhas (85 anos)

11

Nascimento do cantor, compositor, cronista e músico maranhense de MPB José Ribamar Coelho Santos, conhecido como Zeca Baleiro (55 anos)

Dia Mundial da Doença de Parkinson

12

Nascimento do professor cearense Lauro de Oliveira Lima (100 anos) – conhecido pela sua atuação política na educação e pelo desenvolvimento do Método Psicogenético, estruturado a partir da Epistemologia Genética de Jean Piaget

Nascimento do humorista, ator, radioator, produtor, locutor, roteirista, escritor, dublador, apresentador, compositor e pintor cearense Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho, conhecido artisticamente como Chico Anysio (90 anos)

Lançamento da Vostok 1, primeira espaçonave tripulada com ser humano (60 anos) – o cosmonauta russo/soviético Iuri Alexeievitch Gagarin tornou-se o primeiro ser humano a viajar pelo espaço

Início da Guerra Civil Americana, também conhecida como Guerra de Secessão ou Guerra Civil dos Estados Unidos (160 anos)

Ocorre o primeiro lançamento de um ônibus espacial, o modelo estadunidense Columbia, com a missão STS-1 (40 anos)

13

Nascimento do psicanalista francês Jacques-Marie Émile Lacan (120 anos)

Nascimento do dramaturgo, escritor e Nobel de Literatura irlandês Samuel Barclay Beckett (115 anos)

Nascimento do compositor paulista Carlos Henrique Paganetto Roma (85 anos) – conhecido por ter criado a música e letra do hino oficial do Santos Futebol Clube

Dia do Hino Nacional Brasileiro

14

Morte do músico, compositor e saxofonista fluminense Victor Assis Brasil (40 anos) – um dos mais aclamados instrumentistas do jazz brasileiro

Morte da estilista mineira Zuleika de Souza Netto, a Zuzu Angel (45 anos)

Morte da escritora, intelectual, filósofa existencialista, ativista política, feminista e teórica social francesa Simone Lucie-Ernestine-Marie Bertrand de Beauvoir, mais conhecida como Simone de Beauvoir (35 anos)

Morte do filósofo, jurista, político, professor universitário e poeta paulista Miguel Reale (15 anos)

Dia Mundial do Café

15

Morte do poeta fluminense Dante Milano (30 anos)

Morte do cantor e compositor estadunidense Joey Ramone (20 anos)

Dia Mundial do Desenhista – a data foi criada para comemorar o aniversário de Leonardo da Vinci

Dia Nacional do Desarmamento Infantil

Dia Nacional da Conservação do Solo

16

Nascimento do compositor e letrista fluminense Antônio de Pádua Vieira da Costa, o Luís Antônio (100 anos)

Dia Mundial da Voz

17

Nascimento do autor de telenovelas, escritor, dramaturgo, jornalista e publicitário paulista Benedito Ruy Barbosa (90 anos)

Nascimento do produtor, guitarrista, baixista, compositor e cantor baiano Hyldon de Souza Silva, o Hyldon (70 anos)

Dezenove membros do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra são mortos pela Polícia Militar durante o confronto no Pará, no chamado Massacre de Eldorado dos Carajás (25 anos)

Fim da Guerra dos Trezentos e Trinta e Cinco Anos entre os Países Baixos e as Ilhas Scilly (35 anos)

Dia Internacional dos Hemofílicos

Dia Nacional da Botânica – a data foi instituída pelo Decreto de Lei nº 1.147, de 24 de maio de 1994, em homenagem às comemorações dos 200 anos do nascimento do naturalista alemão Carl Friedrich Philipp von Martius

Estreia do programa Quadrante, na Rádio MEC (60 anos)

18

Dia Nacional do Livro Infantil – a data foi escolhida em homenagem a Monteiro Lobato

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

19

Nascimento do cantor e compositor fluminense Roberto Carlos (80 anos)

Morte do ator e humorista gaúcho Walter D’Ávila (25 anos)

Nascimento do poeta, crítico literário e de arte, professor de literatura e tradutor pernambucano Manuel Bandeira (135 anos) – dentre suas várias atividades, escreveu crônicas para o programa Quadrante, da Rádio MEC

Lançamento da primeira estação espacial soviética Salyut 1 (DOS 1) colocada em órbita pela humanidade (50 anos)

Dia do Índio

Dia do Exército Brasileiro

Início do programa Alô Daisy, da Rádio Nacional RJ (50 anos)

20

Dia do Disco – a data surgiu em homenagem ao músico Ataulfo Alves, que morreu em 20 de abril de 1968

Dia do Diplomata – marca a data de nascimento do Barão do Rio Branco, patrono da diplomacia brasileira

21

Nascimento de Elizabeth II (95 anos) – atual rainha do Reino Unido e de 15 outros Estados independentes conhecidos como Reinos da Comunidade de Nações, além de chefe da Commonwealth, formada por 53 estados

Morte do jogador de futebol e treinador mineiro Telê Santana da Silva (15 anos)

Morte do músico, cantor, compositor, multi-instrumentista, produtor, ator, filantrópico e dançarino estadunidense Prince Rogers Nelson, o Prince (cinco anos)

Dia da Inconfidência Mineira

Inauguração do Teatro Nacional Cláudio Santoro (40 anos)

Inauguração do Centro Cultural Banco do Brasil (20 anos)

22

Nascimento do saxofonista, flautista, compositor e arranjador mineiro Nivaldo Lima Ornelas (80 anos)

Nascimento da rainha espanhola Isabel I de Castela, também conhecida como Isabel, a Católica (570 anos) – juntamente com seu marido Fernando de Aragão, forneceu apoio financeiro e intelectual às grandes navegações espanholas, em especial a viagem de Cristóvão Colombo, que resultaria na chegada ao continente americano

Nascimento do compositor, cantor e instrumentista fluminense Aldacir Evangelista de Mendonça, o Aldacir Louro (95 anos) – atuou em rádio e televisão, apresentando-se na década de 1950 em vários programas da Rádio Nacional e Rádio Mayrink Veiga

Dia do Descobrimento do Brasil pelos portugueses

Dia Internacional da Mãe Terra – comemoração que foi iniciada em 1970 como o Dia da Terra ou Earth Day nos Estados Unidos da América, quando o senador norte-americano Gaylord Nelson convocou o primeiro protesto nacional contra a poluição do nosso planeta, tendo recebido a adesão de vários países após 1990 e sendo ratificada pela 80ª Assembleia Geral da ONU

23

Nascimento do cantor e compositor estadunidense Roy Kelton Orbison (85 anos) – um dos pioneiros do rock and roll, autor do hit Oh, Pretty Woman

Morte da atriz, jornalista e escritora australiana Pamela Lyndon Travers (25 anos) – autora dos livros com a babá Mary Poppins

Morte do escritor inglês William Shakespeare (405 anos)

Dia Mundial do Livro e do Direito Autoral – nesta data, no ano de 1616, morreram Miguel de Cervantes, William Shakespeare e Inca Garcilaso de la Vega

Dia Mundial dos Escoteiros

Dia Nacional do Choro

Dia de São Jorge – feriado estadual no Rio de Janeiro

24

Nascimento da educadora gaúcha Esther Pillar Grossi (85 anos)

Tombamento estadual do Centro Histórico e Igreja Matriz de São Thomé das Letras/MG (25 anos)

25

Nascimento do ator e produtor paulista Umberto Magnani Netto (80 anos)

Presidente Jânio Quadros assina Lei 3.890-A, autorizando a União a constituir a Eletrobras (60 anos)

Dia Mundial da Malária – comemoração internacional que foi oficializada em maio 2007 pela 60ª sessão da Assembleia Mundial da Saúde da OMS

Dia da Visão (campanha da capital paulista)

26

Nascimento do cantor, compositor e apresentador fluminense Diogo Nogueira (40 anos)

Acidente nuclear de Chernobyl (35 anos)

Dom João VI e família real retornam a Portugal (200 anos)

27

Dia Mundial do Design Gráfico

Dia da Empregada Doméstica

28

Nascimento da atriz e humorista paulistana Nair Bello Sousa Francisco (90 anos)

Primeira missão espacial a levar um turista espacial à órbita terrestre, o empresário estadunidense Dennis Tito (20 anos)

Dia Nacional da Educação – comemoração relacionada ao fim da Cúpula Mundial da Educação, realizada de 26 a 28 de abril de 2000 na cidade senegalesa de Dakar, com a participação de 180 países. No encontro foi assumido um compromisso de não poupar esforços políticos e financeiros para que a educação chegue a todas as pessoas do planeta. A Semana Mundial de Ação pela Educação ou Global Action Week for Education tem sido celebrada na última semana de abril, a partir da iniciativa da Campanha Global pela Educação ou Campaign for Education

Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trabalho

Dia Nacional da Caatinga

29

Morte do cantor e compositor fluminense Luiz Gonzaga do Nascimento Júnior, o Gonzaguinha (30 anos)

Nascimento da cantora e compositora fluminense Dinahir Tostes Caymmi, mais conhecida como Nana Caymmi (80 anos)

Dia Internacional da Dança – a Unesco escolheu esse dia por ser a data de nascimento do mestre francês Jean-Georges Noverre (1727-1810), que ultrapassou os princípios gerais norteadores da dança do seu tempo para enfrentar problemas relativos à execução da obra. Sua proposta era atribuir expressividade à dança por meio da pantomima, a simplificação na execução dos passos e a sutileza nos movimentos. Noverre se destaca na história por ter escrito um conjunto de cartas sobre o balé de sua época, Letters sur la Danse

Última edição do jornal carioca Jornal do Commercio, que circulou de 1827 a 2016. Na época de sua extinção, era o jornal mais antigo em circulação na América Latina (cinco anos)

30

Nascimento do matemático, engenheiro eletrônico e criptógrafo estadunidense Claude Elwood Shannon (105 anos) – conhecido como o pai da teoria da informação

Último gol de Zico, pela seleção brasileira (35 anos)

O então presidente da República, marechal Eurico Gaspar Dutra, baixou o Decreto-Lei nº 9.215, que proibia a prática ou exploração de jogos de azar em todo o território nacional

Dia Internacional do Jazz – comemoração criada e promovida pela Unesco a partir da iniciativa do pianista norte-americano Herbie Hancock

Edição: Nathália Mendes

Publicado em 01/04/2021 – 13:41 Por Edgard Matsuki – Brasília

Banco Central libera transferências bancárias por aplicativo de mensagem

0

Horas depois de o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, anunciar que o órgão liberaria transações pelo WhatsApp, o BC autorizou oficialmente as transferências bancárias pelo aplicativo. A decisão foi anunciada na noite desta terça-feira (30/01) pela autoridade monetária.

A empresa Facebook Pagamentos do Brasil, dona do WhatsApp, foi aprovada como “iniciador de transações”. As operadoras Visa e Mastercard receberam autorizações de dois arranjos de pagamentos: transferência/depósito e operações pré-pagas, em que o cliente abastece uma carteira virtual com dinheiro para gastar mais tarde.

As operações só poderão ser feitas dentro do Brasil. Transações com o exterior estão vetadas. Os pagamentos de compras por meio da plataforma Facebook Pay, que haviam sido pedidos pelas operadoras, continuam sob análise e não foram incluídos na autorização.

Em nota, o Banco Central informou que as autorizações “poderão abrir novas perspectivas de redução de custos para os usuários de serviços de pagamentos”. As transferências e as contas pré-pagas estarão disponíveis assim que o WhatsApp liberar a modalidade. Caberá ao próprio aplicativo definir as tarifas de transação.

Em junho do ano passado, o BC suspendeu o teste que o Facebook tinha começado a fazer no Brasil. Em parceria com as operadoras Visa e Mastercard, pessoas físicas e empresas poderiam usar a função pagamento dentro do aplicativo para transferirem dinheiro e fazerem pagamentos no país e em reais. O BC, na época, interrompeu o serviço para verificar os riscos da nova tecnologia.

by Domingos Ketelbey

Diário de Goiás

Raquel Teixeira assume Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul

0
Goiânia GO - A secretária de Educação, Raquel Teixeira fala, em entrevista coletiva, sobre a invasão de alunos nas escolas da cidade (Valter Campanato/Agência Brasil)

A goiana Raquel Teixeira assumiu nesta segunda-feira (29) Secretária de Educação do Rio Grande do Sul. Antes, a professora estava como Coordenadora da Escola de Formação e Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação de São Paulo, do governo paulista.

Raquel disse estar entusiasmada e que pretende levar a educação gaúcha a ter mais protagonismo a nível nacional.

“Sabemos da grande capacidade dos professores e estudantes da rede pública do Rio Grande do Sul. Aceitamos este desafio com entusiasmo para que possamos contribuir na retomada do protagonismo da educação gaúcha nacionalmente”, afirma.

Com uma extensa carreira de serviços prestados na área da educação, tem doutorado em Linguística pela University of California, em Berkeley, graduada em Letras e mestre em Letras e Linguística pela Universidade de Brasília (UnB). Também tem especialização em Etnolinguística pela Universidade Federal de Goiás e pós-doutorado em Língua e Cultura pela Escola de Altos Estudos de Paris.

A nossa secretária disse, em nota, que discutira com sua equipe os detalhes para que o retorno das aulas possam ser seguindo os protocolos sanitários no combate à pandemia da covid-19.

“Sabemos que as aulas presenciais retornarão apenas com a devida autorização por parte das autoridades sanitárias. Por isso, devemos executar a preparação adequada dentro de todas as normas estabelecidas para a segurança de professores, estudantes e servidores”, explicou.

Raquel Teixeira é membro fundadora e integrante do Comitê Técnico do Todos pela Educação, além de integrante da Academia Feminina de Letras de Goiás. Em 2017, durante a gestão como secretária da Educação, Goiás foi o único Estado a bater todas as metas do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Tags: Raquel Teixeira Educação Rio Grande do Sul.

by Thiago Humberto

Diário de Goiás

Vacina Pfizer/BioNTech é 100% eficaz em adolescentes de 12 a 15 anos

0

É o que mostram ensaios clínicos feitos pelos dois laboratórios

A vacina da Pfizer/BioNTech contra a covid-19 é 100% eficaz em adolescentes entre os 12 e os 15 anos, segundo os resultados de um ensaio clínico, anunciaram hoje (31) os dois laboratórios.

As empresas esperam que a vacinação dessa faixa etária comece antes do próximo ano letivo.

Os ensaios de Fase 3 realizados em 2.260 adolescentes nos Estados Unidos “demonstraram uma eficácia de 100% e respostas robustas de anticorpos”, declararam as empresas em comunicado.

A norte-americana Pfizer e a alemã BioNTech vão agora submeter os dados às diferentes autoridades de regulação no mundo, “na esperança de começar a vacinar esse grupo etário no início do próximo ano escolar”, declarou em comunicado Albert Bourla, diretor-geral do laboratório farmacêutico norte-americano.

Por parte do laboratório alemão, Ugur Sahin considerou que os resultados sobre a faixa dos 12 a 15 anos são “muito encorajadores, tendo em conta a tendência observada nas últimas semanas relativamente à propagação” da variante do vírus inicialmente detectada no Reino Unido.

A vacina da Pfizer/BioNTech, baseada na tecnologia inovadora de RNA mensageiro (mRNA), foi a primeira contra a covid-19 aprovada no ocidente, no final de 2020.

Os Estados Unidos e a União Europeia autorizaram a utilização para as pessoas com 16 anos ou mais.

Até agora, a vacina foi usada em milhões de adultos com mais de 65 anos.

Estudo realizado em 1,2 milhões de pessoas em Israel demonstrou eficácia de 94%.

As crianças são menos propensas a casos graves da doença, por isso a vacinação não é prioritária neste momento.

Publicado em 31/03/2021 – 10:46 Por RTP – Washington

Pagamento do novo auxílio emergencial começa na próxima terça-feira

0
O ministro da Cidadania, João Roma, o presidente da República, Jair Bolsonaro e o ministro das Comunicações, Fabio Faria, durante declaração à imprensa

Confira o pronunciamento sobre o ínicio do pagamento do auxílio

Milhões de famílias em situação de vulnerabilidade social começam a receber, na próxima terça-feira (6), a primeira das quatro parcelas do novo auxílio emergencial. O governo federal prevê conceder o benefício a cerca de 45,6 milhões de pessoas, este ano.

Os recursos serão depositados nas contas digitais que abertas pela Caixa para os beneficiários no ano passado.

Calendário

Na terça-feira, começam a receber os trabalhadores informais, microempreendedores individuais, desempregados e outras pessoas afetadas pela pandemia da covid-19 nascidas no mês de janeiro, além de integrantes do Cadastro Único do governo federal.

Beneficiários do Bolsa Família receberão de acordo com o calendário habitual do programa, que, em abril, começa a ser pago no dia 16.

As pessoas não terão direito a sacar os recursos no mesmo dia em que receberem, conforme explicou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, durante anúncio feito no Palácio do Planalto, esta manhã.

O objetivo do escalonamento é motivar as pessoas a usarem os dispositivos digitais e, assim, evitar a ida a bancos e agências lotéricas. “Nossa expectativa é que mais da metade das pessoas realize o pagamento de contas digitalmente”, disse Guimarães. “Já temos tudo muito bem organizado. Vamos minimizar as filas, pagando o mais rápido possível, com o mínimo de aglomeração possível”, acrescentou Guimarães.

O calendário completo de pagamentos e saques consta da Portaria nº 622, que o Ministério da Cidadania publicou hoje (31), no Diário Oficial da União.

Cerca de R$ 44 bilhões foram destinados ao auxílio emergencial por meio da promulgação da Emenda Constitucional 109/2021, a chamada PEC Emergencial.

A emenda constitucional abriu caminho para que o governo federal ultrapasse o limite do teto de gastos, sem comprometer a meta de resultado fiscal primário e sem afetar a chamada regra de ouro (espécie de teto de endividamento público para financiar gastos correntes).

Parcelas

Conforme destacou o ministro da Cidadania, João Roma, durante o anúncio desta manhã, as quatro parcelas de, em média, R$ 250, serão pagas a uma pessoa por família, sendo que mulheres chefes de família receberão R$ 375, enquanto indivíduos que vivem só – família unipessoal – receberão R$ 150.

Do valor total estabelecido pelo Congresso Nacional, R$ 23,4 bilhões serão destinados ao público já inscrito em plataformas digitais da Caixa, R$ 6,5 bilhões para integrantes do Cadastro Único do Governo Federal e R$ 12,7 bilhões para atendidos pelo Bolsa Família.

“Este é um alento para o povo brasileiro. São recursos públicos direcionados para o brasileiro vulnerável, para as pessoas que estão passando muitas dificuldades”, comentou Roma, lembrando que o auxílio será concedido automaticamente ao trabalhador informal com renda per capita de até meio salário mínimo e renda mensal total de até três salários mínimos que recebeu o benefício em dezembro de 2020 e que continue fazendo jus à ajuda federal. “O auxílio é uma ferramenta para minimizar o sofrimento e fazer com que nosso povo consiga superar esta pandemia.”

Atividade econômica

Durante o anúncio, o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender a necessidade de retomada de atividades comerciais. “Tínhamos e temos dois inimigos: o vírus e o desemprego. E não é ficando em casa que vamos solucionar este problema”, declarou o presidente, criticando as medidas que restringem o funcionamento de atividades consideradas não essenciais.

“Esta política continua sendo adotada. O espírito dela era buscar achatar a curva de contaminação enquanto os hospitais se preparavam com leitos de UTI e respiradores, para que pessoas não viessem a perder suas vidas por falta de atendimento. O governo federal dispensou bilhões de reais para a Saúde e sabe que não pode continuar por muito tempo com este auxílio [emergencial], que é um custo para toda a população e pode desequilibrar nossa economia”, declarou Bolsonaro.

“O Brasil tem que voltar a trabalhar. A fome está batendo cada vez mais forte na casa destas pessoas. Eu temo por problemas sociais gravíssimos no Brasil. O [valor do] auxílio é pouco, reconheço, mas é o que a nação pode dispensar à população”, acrescentou.

Ele apelou para que governadores e prefeitos “revejam” a adoção de medidas restritivas que, segundo o presidente, em alguns casos, “superam, e muito, o que seria [a decretação] de um estado de sítio”.

“A população não só quer, como precisa trabalhar. Nenhuma nação se sustenta por muito tempo com este tipo de política. Queremos voltar à normalidade o mais rápido possível”, enfatizou o presidente.

Ele destacou que, em termos de vacinação, o Brasil está “em uma posição bastante privilegiada” quando comparado a outros países. O Brasil atingiu, ontem, a marca de 8% da população vacinada com a primeira dose. “Gostaríamos de ser o primeiro, mas fazemos o possível para atender à população com vacinas”.

Auxílio emergencial em 2020

Em 2020, o governo federal destinou R$ 295 bilhões ao pagamento do auxílio emergencial e de sua extensão, beneficiando diretamente a 68 milhões de pessoas.

Instituída pela Lei nº 13.982, de 2 de abril de 2020, a ajuda foi paga em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1.200 para mulheres provedoras de família monoparental, enquanto a extensão do auxílio emergencial (MP nº 1000 – MIL) teve até 4 parcelas de R$ 300 para o público geral e de R$ 600 para a cota dupla.

Na página do Ministério da Cidadania é possível esclarecer dúvidas sobre o auxílio emergencial.

Hoje (31), às 15h, a Caixa Econômica Federal concederá entrevista coletiva sobre o pagamento do novo auxílio.

Confira o pronunciamento, nesta manhã, no Palácio do Planalto:

https://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2021-03/governo-concede-entrevista-sobre-pagamento-do-auxilio-emergencial

Publicado em 31/03/2021 – 11:36 Por Alex Rodrigues – Repórter da Agência Brasil – Brasília
Atualizado em 31/03/2021 – 13:55

Nova York aprova legalização da maconha

0

É o 15º estado norte-americano a permitir o uso recreativo da droga

Parlamentares de Nova York aprovaram nessa terça-feira (30) proposta que legaliza o uso de maconha por adultos, fazendo do estado o 15º dos Estados Unidos a permitir o uso recreativo da droga.

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, disse estar ansioso para sancionar a proposta e transformá-la em lei.

“Nova York tem uma história consolidada de ser a capital progressista da nação, e essa importante lei vai, mais uma vez, levar esse legado adiante”, disse ele em comunicado.

O Senado estadual de Nova York aprovou a lei por 40 votos a 23, enquanto a Assembleia votou por 100 a 49 a favor da proposta.

A decisão também foi saudada pela NORML, um grupo pró-maconha, que disse que dezenas de milhares de nova-iorquinos foram presos todos os anos por pequenas violações relacionadas à maconha e que a maioria era jovem, pobre e de cor.

“A legalização da maconha é um imperativo social e de justiça criminal, e a votação de hoje é uma passo crítico em direção a um sistema mais justo”, disse a procuradora-geral de Nova York, Letitia James, também em comunicado.

Publicado em 31/03/2021 – 13:07 Por Maria Ponnezhath – Repórter da Reuters – Washington

Rússia registra primeira vacina do mundo para animais contra covid-19

0

Testes mostraram anticorpos em cães, gatos, raposas e visons

A Rússia registrou a primeira vacina do mundo para animais contra covid-19, informou a agência reguladora agrícola do país nesta quarta-feira (31). Testes mostraram que ela gerou anticorpos contra o vírus em cães, gatos, raposas e visons.

A produção em massa da vacina, batizada de Carnivac-Cov, pode começar em abril, anunciou a agência Rosselkhoznadzor.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) manifestou preocupação com a transmissão do vírus entre humanos e animais. A agência reguladora disse que a vacina conseguirá proteger espécies vulneráveis e impedir mutações virais.

Até agora, a Rússia só registrou dois casos de covid-19 entre animais, ambos em gatos.

A Dinamarca abateu todos os 17 milhões de visons de seus criadouros no ano passado, depois de concluir que uma linhagem do vírus havia passado de humanos para visons e que linhagens do vírus que sofreram mutações apareceram por sua vez em pessoas.

A Rosselkhoznadzor disse que os criadouros russos de cultivo de peles planejam comprar a vacina, assim como negócios da Grécia, Polônia e Áustria. O cultivo de peles da Rússia representa cerca de 3% do mercado global, mas era de 30% nos tempos soviéticos, de acordo com a principal entidade comercial do setor.

Alexander Gintsburg, chefe do instituto que desenvolveu a vacina para humanos Sputnik V, afirmou que provavelmente os animais serão as próximas vítimas da covid-19, segundo citação de segunda-feira (29) do jornal Izvestia.

*Reportagem adicional de Anton Kolodyazhny 

Publicado em 31/03/2021 – 13:28 Por Maria Vasilyeva e Gabrielle Tétrault-Farber* – Reporteres da Reuters – Moscou

Juiz deve evitar multas e prisões contra gestores da Saúde

0
Conselho Nacional de Justiça (CNJ)

A resolução foi publicada ontem pelo CNJ

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou ontem (29) uma resolução que orienta os juízes do país a evitarem impor sanções pessoais, como multas e prisões, contra gestores do Ministério da Saúde e das secretarias estaduais, distrital e municipais de Saúde.

A Recomendação 92/2021 do CNJ destaca que os magistrados têm autonomia para decidir, mas que devem considerar “as consequências práticas” de suas decisões.

Segundo a recomendação, na atual situação de pandemia de covid-19, “decisões judiciais de urgência acabam, por vezes, impondo obrigações às autoridades de saúde de impossível cumprimento em curto prazo, em virtude da escassez de recursos humanos, de instalações, de equipamentos e de insumos para o enfrentamento à pandemia da covid-19”.

Assinada pelo presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, a recomendação orienta também que os juízes evitem multar entes públicos ou bloquear verbas.

O texto observa a existência de uma “multiplicação de demandas judiciais” com pedidos baseados no direito à saúde, o que pode “ensejar a desorganização do Sistema de Saúde”.

Em ações sobre pedido de leitos, a orientação é que os juízes, antes de decidir, busquem o auxílio dos Comitês de Saúde estaduais e distritais e observem as classificações de risco emanadas pelas autoridades sanitárias.

Edição: Valéria Aguiar

Publicado em 30/03/2021 – 10:27 Por Agência Brasil – Brasília

O direito de ser julgado por um juiz imparcial

0

O julgamento da parcialidade e suspeição do ex-juiz Sérgio Moro, serve de exemplo da importância da garantia constitucional do cidadão de ser julgado por um Juiz justo

A Constituição Federal garante que todos são iguais perante a lei, possuindo direito a um julgamento justo e imparcial, que ninguém será condenado sem sentença transitada em julgado. Portanto, faz-se necessário dizer que, independente de quão importante seja o personagem da relação processual penal, estes princípios constitucionais devem ser respeitados e preservados, além das garantias do contraditório e da ampla defesa da parte acusada.

O julgamento da parcialidade e suspeição do ex-juiz Sérgio Moro, serve de exemplo da importância da garantia constitucional do cidadão de ser julgado por um Juiz justo e imparcial, embora tribunais inferiores não tenham dado a merecida importância para o tema, coube ao Supremo Tribunal Federal, guardião da Constituição preservar um dos pilares de um julgamento justo, qual seja? A imparcialidade do julgador. Quem suportaria ser julgado por Magistrado parcial? Somente quem nunca vivenciou julgamentos por Juízes parciais poderia defender tal entendimento, é repugnante, é deplorável ver um julgador utilizar armas que as partes não possuem no processo, para condenar uma delas em benefício da outra, chegando em alguns casos a advogar interesses e deferir pedidos que sequer ao menos era objeto da ação ou da causa de pedir.

Com o julgamento do último dia 23 de março do HC 164493, a 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal conheceu o pedido da defesa de Lula para declarar a suspeição de Sérgio Moro no caso do Triplex do Guarujá. Frisa-se antes de tudo que o julgamento teve início em 2020, com o voto do Ministro Edson Fachin pela ausência de suspeição, tendo sido paralisado com o pedido de vista do Ministro Gilmar Mendes que divergiu reconhecendo a suspeição do Magistrado, tendo sido acompanhado pelo Ministro Ricardo Lewandowski e logo ouve o pedido de vista do Ministro Kassio Nunes Marques, que proferiu voto desfavorável em relação à suspeição, dando assim provisória maioria para o indeferimento do HC.

Em seu voto, o Ministro Nunes Marques, recém chegado ao STF, manifestou questões técnica pela Impossibilidade do conhecimento do HC, tendo como principais argumentos a ilicitude das provas pré constituídas pela defesa retiradas através dos vazamentos ilegais por Hackers, fazendo alusão ao princípio da árvore envenenada. Noutro ponto, o ilustre Ministro também entendeu que habeas corpus não é instrumento eleito para se tratar de suspeição de juiz, pois não garante ao direito do contraditório e da ampla defesa, necessários para que o juiz suspeito possa se defender das alegações. Nunes Marques ainda defendeu que, prover o HC, representaria supressão de instância, vez que o incidente de suspeição é previsto em procedimento próprio do CPP e deveria ser protocolado no tribunal de origem.

O Ministro Gilmar Mendes, presidente da 2ª turma, proferiu algumas argumentações para reforçar seu voto. Entendeu Ele, que as provas aos autos, como o excesso de condução coercitiva, sem prévia intimação para depoimento para comparecimento voluntário do investigado, era tática constrangedora da acusação, entendeu que esses motivos, bem como grampear os telefones de familiares e advogados do ex presidente eram abusos de poder, que o ex juiz Moro agia como totalitário, desrespeitando os princípios do estado democrático de direito, com clara parcialidade e vontade em ver o acusado condenado. O Ministro Redator ainda ponderou que não se fundamentava nas mensagens vazadas por hackers, mas que ajudaram a elucidar melhor a possível suspeição, entretanto, alegou que seu voto foi única e exclusivamente pautado aos fatos constados nos autos do HC. Gilmar Mendes ainda tratou a decisão de suspeição como histórica para o Brasil, reconhecendo as ilegalidades da investigação e ecoando a frase “não se pode combater ilegalidade com ilegalidade”, defendeu ainda que o HC é instrumento cabível para a suspeição de juiz, rebatendo o entendimento do Ministro Nunes Marques.

A reviravolta da sessão se deu com a Ministra Carmen Lúcia, que já havia proferido seu voto contra a suspeição de Moro em 2018, contudo, mudou seu voto e, dessa forma, finalizando o julgamento em 3 a 2 a favor da suspeição do ex-juiz. Em sua fala, afirmou que todos tem o direito de serem processados e julgados perante um tribunal justo e imparcial, afirmou que não estava emitindo juízo de valor sobre o combate a corrupção e que tal é necessário, porém, ressaltou que o foram demonstrados comportamentos inadequados no julgamento do paciente que suscitam a parcialidade do juízo.

Carmen Lúcia seguiu o voto do presidente da 2ª Turma do STF, Gilmar Mendes, com uma ressalva, que se trata das custas processuais, sendo nesse aspecto, favorável ao Ministro Nunes Marques, defendendo que não deve o ex juiz ser condenado ao pagamento das custas em um processo onde não houve ampla defesa e contraditório e que o presente julgamento não poderá servir de fundamento para os demais réus, considerando que o instituto da suspeição quando aplicado é personalíssimo.

O Ministro Fachin ainda defendeu seu voto, proferindo que não ocorrera mudanças ou fatos novos que ensejassem a reforma de seu voto.
Com a suspeição do ex juiz caracterizada pelo STF, todo o processo e investigação a respeito de Lula deve ser anulado desde o início, vez que, o Juiz declarado suspeito presidiu a Ação Penal desde o início. A priori, a decisão não deve abranger procedimentos em relação a outros réus, contudo, o presente julgado abre um precedente que poderá ser explorado pela defesa daqueles que também foram condenados pelo ex juiz.

Não defendo partido ou ideologia partidária, defendo o bom direito, e por certo, muitos criticaram a decisão da 2ª Turma do STF, mas será que você que reprova esse julgamento, suportaria ser julgado por um inimigo ou por uma pessoa mal-intencionada? Axiomático o Ministro Gilmar Mendes ao chamar a decisão de suspeição como “histórica para o Brasil” e da mesma forma a Ministra Carmen Lúcia ao declarar que “todos tem o direito de serem processados e julgados perante um tribunal justo e imparcial”.

Empresários buscam candidato que não seja Lula nem Bolsonaro

0

As eleições em 2022 ainda nem tem seus pré-candidatos, mas os nomes já começam a ser especulados. Tido como um dos principais responsáveis pela situação do Brasil chegar onde está, o empresariado não quer o atual presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) frente ao executivo por mais quatro anos. Mas também não querem o retorno do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Quem analisa o cenário é Luis Stuhlberger, gestor do Fundo Verde Asset em entrevista ao Estadão, publicada neste domingo (28/03)

Stuhlberger afirma com todas as letras que apesar de ter votado em Bolsonaro, não irá dar o mesmo voto. Com ele, diversos outros empresários. Também não quer ver Lula na presidência. Em um cenário hipotético, mas real de um segundo turno entre o petista e o capitão, o empresário acredita que votaria em branco. “Nunca, na minha vida, votei em branco, porque sempre acho que existe um mal menor. Dessa vez, se for Bolsonaro contra Lula, vou ter de votar em branco, porque não há mal menor entre os dois”, dispara. 

O empresário aqui deixa uma mensagem a Bolsonaro numa tentativa de que chegue a ele.  “É um recado para o presidente, no sentido de que melhore, porque há muitas pessoas e eleitores que pensam como eu”. Luis está desalentado assim como vários outros empresários que temem a possibilidade de sequer existir um candidato à terceira via competitivo para disputar uma eleição.

Esse cenário ‘apocalíptico’ para o empresariado causa desespero na categoria. “Se tivéssemos um único candidato do centro, haveria três disputando o primeiro turno, com uma chance de uma alternativa a Lula e Bolsonaro ir para o segundo turno. Mas, na prática, isso não existe. Os empresários – e eu estou junto a eles – estão literalmente apavorados com a hipótese de ter de escolher num segundo turno entre Bolsonaro e Lula, no ano que vem. O empresariado está desesperadamente buscando um candidato do centro.”

Stuhlberger avalia que uma coisa é um candidato “de centro” enfrentar apenas Bolsonaro. Outra coisa, é este nome disputar “contra Bolsonaro e Lula”. As chances dele ser pulverizado aumentam consideravelmente. Por isso, o empresário defende o nome do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB). Bem, a avaliação do empresário é que: João Doria e Luciano Hulk, tem muito à perder caso fracassem em 2022. Eduardo Leite, não. 

“Mesmo se perder, Leite é novo e seu nome se tornaria conhecido nacionalmente para, em 2026, ter mais chances. Ele é um bom candidato, que está fazendo um governo muito bom. Mas outros podem entrar na corrida”, conclui.

Eficiência de máscara desenvolvida pela UnB é testada em Brasília

0

Matéria prima utilizada é encontrada na casca de crustáceos

Uma molécula natural obtida a partir da casca de crustáceos pode ajudar na confecção de máscaras bastante eficientes para a inativação do novo coronavírus. Apelidada de Vesta, a máscara foi desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Brasília (UnB) por meio de nanotecnologia.

A ideia é disponibilizar o equipamento de proteção individual (EPI) inicialmente a profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS) e demais estabelecimentos de saúde interessados. Se tudo der certo, ele poderá ser disponibilizado, posteriormente, à população em geral.

A nova máscara já está sendo testada em profissionais que atuam na linha de frente de combate à covid-19 no Hospital Regional da Asa Norte (HRAN), em Brasília. 

“Iniciamos os ensaios clínicos com o objetivo de comparar o desempenho do respirador Vesta com os tradicionais. Estamos analisando vários fatores, como a eficiência do respirador em inativar o vírus. Há outras avaliações em paralelo, relacionadas a fatores de usabilidade, como conforto e vedação. Tudo está sendo mapeado”, explica a pesquisadora Graziella Joanitti, professora da Faculdade UnB Ceilândia.

Segundo ela, o diferencial da Vesta é que, na camada do meio, onde é feita a filtração em máscaras de três camadas, há um revestimento adicional com partículas à base de quitosana – substância obtida a partir da casca de crustáceos. “Esse material foi extraído, servindo de matéria-prima para a preparação de nanopartículas para esse equipamento de proteção individual”, acrescenta.

De acordo com a bióloga, essas nanopartículas são cerca de 100 mil vezes menores do que o diâmetro de um fio de cabelo. Ao entrar em contato com a quitosana, o novo coronavírus é desativado após ter sua estrutura desorganizada. 

“Nós reconstruímos e reorganizamos, na forma de nanopartículas, a matéria-prima obtida na casca de crustáceos, como os camarões. São essas partículas que compõem a camada filtrante, responsável pela proteção adicional da máscara”, detalha a pesquisadora.

Graziella explica que a próxima etapa para a disponibilização mais ampla da máscara é a certificação e a regularização junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para, em seguida, transferir a tecnologia a empresas interessadas. Como se trata de uma tecnologia 100% nacional, ela acredita ser “bem possível” que a máscara saia a um custo menor do que o de equipamentos similares.

Edição: Paula Laboissière

Publicado em 28/03/2021 – 18:48 Por Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Covid-19: trombose pode acontecer até quatro semanas após recuperação

0
Unidade de Terapia Intensiva, UTI, Hospital, pacientes, tratamento, internação, equipamento hospitalar

Uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular identificou que 39% dos profissionais da área atenderam pelo menos um caso de trombose venosa ou embolia em pacientes que testaram positivo para covid-19 em 2020.

“Já foi estudado e comprovado que chega a ser três vezes maior a incidência de tromboembolismo venoso em pacientes com covid-19 severo, mesmo quando comparado com outros pacientes graves em ambiente de UTI [unidade de terapia intensiva], mas que não possuem a doença infecciosa”, relata o cirurgião vascular Ivan Benaduce Casella, membro da Comissão de Tromboembolismo Venoso da entidade.

O especialista explica ainda que, principalmente em casos moderados e graves, há um grande processo inflamatório no organismo que, consequentemente, leva à formação de trombos (coagulações de sangue no interior do vaso sanguíneo).

Por isso, pessoas com pré-disposição à trombose, quando diagnosticadas com covid-19, precisam de acompanhamento com angiologista ou cirurgião vascular, para evitar a coagulação excessiva durante a infecção. Segundo o médico, é importante que esses pacientes, durante o quadro do novo coronavírus, mantenham supervisão da especialidade mesmo após a sua recuperação. 

“Para quem teve covid-19, particularmente nas formas mais severas, há uma tendência de risco de eventos de trombose venosa nas quatro semanas após o período de recuperação. Então, essas pessoas devem prestar atenção a edemas

[inchaço]

unilaterais – de uma única perna – ou sintomas súbitos ventilatórios, quando a pessoa sente falta de ar ou dor torácica. Esses são alguns dos sintomas de tromboembolismo venoso”, alerta Casella.

Alerta

O cirurgião vascular e responsável pela pesquisa sobre a relação entre os eventos trombóticos e a covid-19, Marcelo Calil Burihan, completa que a trombose pode ocorrer pelo processo inflamatório causado pelo vírus. Ele afirma ainda que os casos de entupimento das artérias tiveram um grande aumento em decorrência da covid-19.

“Muitas obstruções arteriais de membros superiores [braços, antebraços e mãos] estão ocorrendo em maior proporção, assim como dos membros inferiores, que normalmente já são mais frequentes. Os sintomas mais comuns nesses casos agudos são dor lancinante [pontadas, fisgadas internas], frialdade e palidez da extremidade acometida”, explica. 

Edição: Paula Laboissière

Publicado em 28/03/2021 – 16:21 Por Ludmilla Souza – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

Embraer apresenta protótipo de carro voador elétrico

0

Veículo de decolagem e pouso vertical será destinado a passageiros

A Embraer apresentou pela primeira vez em voo o seu novo carro voador elétrico. O protótipo em tamanho reduzido decolou da sede da Embraer em Gavião Peixoto (SP) na quarta-feira (24). 

O projeto faz parte da Eve Urban Air Mobility Solutions, dedicada a desenvolver o ecossistema de mobilidade aérea urbana. 

A empresa vem desenvolvendo um portfólio de soluções para preparar o mercado, incluindo a certificação do veículo elétrico de decolagem e pouso vertical (eVTOL) e a criação de soluções de gestão de tráfego aéreo urbano.

Detalhamento

O projeto de eVTOL da Embraer conta com dez hélices, sendo oito na horizontal e duas na vertical e se parece com um drone grande, porém, com o objetivo de transportar passageiros.

No início, o veículo deverá ter no comando um piloto, mas a intenção do projeto é que, no futuro, o voo seja totalmente autônomo.

Edição: Paula Laboissière

Publicado em 28/03/2021 – 13:19 Por Ludmilla Souza – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

Apóstolo Ulysses publicou uma forte mensagem

0

Apóstolo Ulysses Oliveira de Pires do Rio, Goiás, postou em suas redes sociais, vídeo com forte mensagem e pediu para que todos assistam e divulguem.

Veja o vídeo:

https://www.facebook.com/100000652328228/posts/4094334943931543/?sfnsn=wiwspwa

Alvan Alves surpreendeu com mais uma de suas composições

0

O cantor e compositor de Pires do Rio, Goiás, Alvan Alves, em forma de desabafo e homenagem publicou em suas redes sociais uma de suas composições e acabou surpreendendo pela música, letra e alcance da postagem.

Veja o Vídeo:  

https://www.facebook.com/100007382611154/posts/2858923681030358/?sfnsn=wiwspwa

Fiocruz recebe insumos para produção de vacina da Oxford/AstraZeneca

0

O voo com os insumos chegou hoje, às 6h22, no Aeroporto do Galeão

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebeu no início da manhã de hoje (28), no Rio de Janeiro, mais duas remessas de insumo farmacêutico ativo (IFA) suficientes para produzir 12 milhões de doses da vacina Oxford/AstraZeneca, usada na imunização contra a covid-19.

O produto, procedente da China, chegou ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Tom Jobim/Galeão) às 6h22 deste domingo. Inicialmente, o voo estava previsto para chegar às 18h de ontem (27). O motivo da mudança da data se deveu a um atraso na conexão do voo.

Na última quinta-feira (25), a Fiocruz já havia recebido uma remessa para produzir 6 milhões de doses. Esta semana, está prevista a chegada de uma nova carga suficiente para fabricar 5 milhões de vacinas.

As 23 milhões de doses serão produzidas pela própria Fiocruz e, uma vez prontas, serão entregues ao Ministério da Saúde, entre abril e maio.

Este mês, a Fiocruz já produziu e entregou 1,8 milhão de doses de vacinas produzidas no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos).

Ainda está prevista a entrega de mais 2,1 milhões de doses nesta semana, que irão completar os 3,9 milhões de vacinas previstas até o fim desta semana.

Edição: Aécio Amado

Publicado em 28/03/2021 – 11:10 Por Ana Cristina Campos – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Vacinação para policiais civis em Goiás começa na segunda-feira (29)

0

A vacinação contra a covid-19 de policiais civis em Goiás começará na próxima segunda-feira (29). Segundo a corporação, serão imunizados, inicialmente, policiais da ativa, com idade a partir de 51 anos.

A campanha ocorre até terça-feira (30), na Academia da Polícia Militar. No dia 29, receberão a imunização os policiais com idade de 56 anos ou mais. Já no dia 30, será a vez  dos policiais civis com idade entre 51 e 55 anos.

A vacinação ocorrerá no sistema drive thru e são obrigatórios o uso do uniforme da Polícia Civil e a apresentação da carteira funcional.

Clique e veja a lista dos policiais Civis de 51 a 55 anos
Clique e veja a lista dos policiais Civis de 56 anos e acima

Caso o policial civil – na ativa e dentro da faixa etária delimitada – não encontre seu nome na lista, poderá entrar em contato com o delegado Rilmo Braga, gerente de Planejamento Operacional, pelo telefone (62) 984581103, enviando nome completo e foto da carteira funcional.

O horário exato da vacinação será confirmado no site da Polícia Civil no domingo (28).

by Redação / Diário de Goiás

Universidade oferece curso de libras para profissionais de saúde

0

Meta é facilitar diálogo com deficientes auditivos

A Pontifícia Universidade Católica do Paraná está com inscrições abertas um para curso gratuito e online de libras (língua brasileira de sinais) voltado para profissionais da área da saúde. A meta é facilitar o entendimento e a comunicação entre profissionais que atuam no combate à covid-19 e pacientes surdos.

O minicurso Libras na Linha de Frente oferece 40 vagas. Terão preferência profissionais formados e estudantes da área da saúde de todo o Brasil. O curso começa na próxima segunda-feira (29) e se estenderá até o dia 2 de abril, sempre às 17h, com duração de uma hora e meia por encontro. 

As aulas são dadas por Alexsander Pimentel, professor, tradutor e intérprete de libras. Quem tiver, no mínimo, 75% de presença ganhará certificado de participação.

A iniciativa é de acadêmicos do Programa de Pós-Graduação em Tecnologia em Saúde da universidade. Eles participam do projeto Unidos pela Saúde, desenvolvido por mestrandos e doutorandos em conjunto com profissionais de saúde voluntários e estudantes de outras instituições. O projeto tem como foco principal levar informações de cuidados de saúde à população em geral de maneira acessível e adaptada às pessoas com deficiências.

Acolhimento

A mestranda Luana Bastos afirmou que, quando um paciente surdo é atendido por um profissional de saúde que conhece libras, ele se sente muito mais acolhido. 

“O curso tem o propósito de romper o isolamento da comunicação e a exclusão das pessoas com deficiência auditiva. Essa é a terceira turma que abrimos e as avaliações dos grupos anteriores têm sido bastante positivas”, disse.

Vivianne Cristina Carvalho de Menezes, de Manaus (AM), achou a experiência proveitosa. “Adorei participar do grupo e poder aprender um pouco mais de libras, língua que me encanta. Agradeço, de coração, pela oportunidade e pela iniciativa. É muito importante que hospitais e unidades de saúde tenham profissionais que possam se comunicar com os surdos”. 

Ana Alice Venâncio Pontes Medeiros, de Mogi das Cruzes (SP), participou de curso anterior e achou excelente. “A didática e a interação fizeram com que eu aprendesse muito melhor. Trata-se de uma introdução à língua brasileira de sinais e me ajudou muito”, finalizou. 

Edição: Kleber Sampaio

Publicado em 27/03/2021 – 13:11 Por Alana Gandra – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Hora do planeta: energias renováveis ganham destaque

0
A Barragem de Itaipu é uma enorme barragem hidroelétrica no rio Paraná, entre o Brasil e o Paraguai. É conhecida pelos espetáculos de luzes noturnos e as vistas do miradouro central. O centro de comando do edifício de produção controla as turbinas da barragem. Nas proximidades, na parte paraguaia, o Museu da Terra Guarani exibe exposições sobre a cultura indígena. A norte, o refúgio Tatí Yupí é uma reserva de vida selvagem com trilhos e ave

Com matriz predominantemente renovável, Brasil pode ser líder do setor

Em todo o mundo, hoje, no dia 27 de março, às 20h30, no horário de Brasília, as pessoas apagarão suas luzes em sinal de apoio a um movimento que pede uma transição energética urgente. O objetivo é amenizar os efeitos causados pelo uso indevido dos recursos do planeta na geração de energia.

Enquanto a maior parte dos países tem como principal fonte energética os combustíveis fósseis, no Brasil a matriz é predominantemente renovável, mas para atender ao crescimento da demanda e garantir segurança energética, a diversificação das fontes também se faz urgente.

“A fonte hidrelétrica praticamente está esgotada, nós usamos todos os recursos viáveis do ponto de vista econômico, social e ambiental, afirma Élbia Gannoum, presidente da Associação Brasileira de Energia Eólica (Abeéolica).

Segundo o diretor do Departamento de Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energias (MME), Carlos Príncipe Pires, essa transformação já vem acontecendo nos últimos 21 anos, período em que as hidrelétricas deixaram de representar 82,9% e passaram a 60,9% de todas as fontes de geração elétrica, e deram espaço à energia eólica com participação de 9,6%, a biomassa que hoje representa 8,6% e a solar, com 4,4% da matriz elétrica brasileira.

Outras fontes não renováveis também passaram a ter maior participação na geração de energia no Brasil, mas, segundo Carlos Pires, nesses casos foram estimuladas as fontes com menor emissão, como é o caso do gás natural que cresceu de 2,7% para 8,3%.

“Nossa matriz é três vezes mais renovável que dos países desenvolvidos”, diz.

Ainda que o potencial torne as fontes renováveis semelhantes em abundância no Brasil, a vocação, o ritmo do desenvolvimento tecnológico e o investimento em pesquisa e inovação acabam determinando como cada uma dessas fontes ocupam o mercado brasileiro.

 “A geração distribuída é uma vocação da fonte solar e a eólica tem uma vocação de grande escala, porque as turbinas são melhores, do ponto de vista técnico e econômico, quando encontra ventos melhores e esses ventos estão localizados, ao passo que o sol está distribuído”, afirma a presidente da Abeeólica.

Nos últimos 10 anos, a geração de energia eólica não apenas ocupou a maior fatia da matriz elétrica depois da hidráulica, como também é responsável pela façanha de desenvolver um mercado com 80% de conteúdo nacional. “Dessa forma, nós não estamos sujeitos às variações cambiais e isso talvez seja um dos fatores que explique o crescimento forte e estável da eólica, mesmo em períodos de crise”, afirma Élbia.

Para o coordenador do Núcleo Interdisciplinar de Planejamento Energético da Unicamp, Gilberto Januzzi, a natureza diferenciada dos ventos brasileiros levaram a uma necessidade de incremento na inovação do que veio de fora e a indústria se adaptou.

No entanto, essas adaptações não significam um processo produtivo que garanta uma energia mais barata para quem está na ponta.

 “Tem que haver soluções baratas para um mercado que é muito desigual. A gente não pode esquecer que nem todos brasileiros conseguem pagar pelos serviços de energia”, afirma Gilberto.

Com uma vocação mais voltada para atender ao consumo doméstico na modalidade de geração distribuída, que é quando o pequeno consumidor gera a própria energia, a fonte solar, conhecida como fotovoltaica, é um exemplo claro em que a falta de inovação nacional tornou o custo para o crescimento desse mercado muito alto.

Segundo o professor Felipe Almeida, do campus de Boituva do Instituto Federal de São Paulo, atualmente o que há de mais moderno no mercado de fotovoltaica são tecnologias como as células tipo PERC, desenvolvidas na Austrália, os módulos half cell e bifaciais, desenvolvidos na China e Estados Unidos.

“Um estudo da Abesolar desse ano mostra que em 2021 teremos cerca de 147 mil empregos a mais no Brasil, então, isso pede mão de obra qualificada, cada vez mais”, explica.

Para Gilberto Januzzi, embora o Brasil seja rico em recursos energéticos, tenha um mercado crescente e seja o país em desenvolvimento com maior recurso destinado por lei para fomento de pesquisa e desenvolvimento na área de energias renováveis, ainda é muito dependente da inovação de outros países.

“O nosso estágio, em termos de pesquisa e desenvolvimento não é bom. A gente está comercializando, é um mercado crescente, há um mercado bom para essas tecnologias, mas em termos de conteúdo inovador brasileiro é ainda pequeno”, diz

Hidrogênio verde

No dia 9 de março, o Conselho Nacional de Políticas Energéticas (CNPE) publicou no Diário Oficial da União a Resolução nº 2, de 10 de fevereiro de 2021, que determina um direcionamento dos recursos destinados à pesquisa e ao desenvolvimento e prioriza estudos de fontes como hidrogênio, energia nuclear, biocombustíveis e tecnologias de armazenamento.

 “Todas essas são temáticas que desempenharão um papel de suma importância para transição energética para economia de baixo carbono”, afirma Agnes da Costa, chefe da Assessoria Especial em Assuntos Regulatórios do MME.

Gilberto Januzzi considera um acerto focar os recursos em tecnologias que são promissoras para o país, como é o caso do hidrogênio, que tem se mostrado promissor quando o assunto é geração de energia e redução de emissão de gases do efeito estufa. “É um tipo de um energético que pode nos ajudar muito, porque temos várias maneiras de produzir hidrogênio, ou células à combustível e também podemos armazenar essa energia”.

O pesquisador explica que embora o uso do hidrogênio como fonte energética seja antigo, novas formas de produzir utilizando as fontes renováveis no processo revelam um enorme potencial brasileiro. O que colocaria o país em uma posição privilegiada na corrida global pela descarbonização, tanto no processo de produção, como na solução de armazenamento e exportação de energia. “É uma oportunidade muito grande que a gente não poderia perder”, diz Gilberto.

Energia Nuclear

Essa oportunidade faz com que o mercado da energia eólica também esteja atento a tecnologia de produção do hidrogênio verde e do uso dos ventos como fonte para gerar outras energias exportáveis.

“Nós temos outra forma da exportação da energia quando nós pensamos na produção dos nossos produtos exportáveis, como são a indústria de mineração de forma geral”, afirma Élbia Gannoum. 

Embora sejam fontes não renováveis, os minerais são a principal forma de obter a energia nuclear, hoje gerada principalmente a partir da fissão nuclear do urânio. Esse processo não tem emissão de gases do efeito estufa e também pode ter sua produção associada a outras fontes renováveis.

“Em termos de pesquisa tem coisas fascinantes a serem pesquisadas, mas em termos de ampliar isso no mercado brasileiro eu não consigo ver viabilidade, no ponto de vista até econômico, no médio prazo”, diz.

Bons ventos

Para fins energéticos, Gilberto acredita que o interesse internacional no Brasil está mais ligado às fontes renováveis. Ele alerta para o grande potencial das eólicas offshore, que ficam em regiões extraterritoriais, como é o caso de regiões em alto-mar, por exemplo. “A estimativa que a própria Empresa de Planejamento Energético faz é de cerca de 900 gigawatts de potencial”, afirma.

Na visão da presidente da Abeéolica, o início dos investimentos na tecnologia offshore podem ajudar o Brasil a avançar na tecnologia aplicada à geração de energia por meio de ventos no território nacional, as chamadas onshore, servindo como modelo.

Ela explica que isso já ocorreu em países europeus, onde a falta de território para geração de energia onshore gerou uma tecnologia mais robusta.

“Nós estamos vendo máquinas offshore já com capacidade de 15 megawatts e já ouvi falar de uma máquina com 18 megawatts, para offshore. Quando a trajetória tecnológica vai para esse caminho dessas máquinas com potência maior, com torre maior, a trajetória da onshore também vai seguindo esse caminho” afirma.

Em diferentes regiões brasileiras, grupos de pesquisa já trabalham em busca de inovações para geração de energia eólica offshore. Para Gilberto Januzzi, esses grupos podem ser alavancados ainda pela vantagem do país já possuir o knowhow para atuação em plataformas de exploração de petróleo e gás, como no caso do Pré-Sal.

Versatilidade no biogás

Além da capacidade de gerar biometano para substituir diesel, GLP (gás de cozinha), energia térmica ou elétrica, o biogás também é armazenável. Por toda essa versatilidade, a indústria do biogás seguiu diferentes caminhos pelo mundo.

Enquanto na Alemanha ela gera a maior parte da energia elétrica consumida por lá, no Brasil essa indústria acabou se desenvolvendo mais no setor de tratamento ambiental de resíduos sólidos.

Para Alessandro Gardemann, presidente da Associação Brasileira do Biogás, o potencial do biogás é tão grande que solucionaria diversas questões pendentes na geração das demais fontes, como é o caso do armazenamento.

“O biogás é a solar de bateria direto, então, é uma alternativa às baterias e às térmicas a gás natural. Com térmicas à biogás você consegue a descarbonização, com produção descentralizada, perto do consumo e tratando resíduos”, afirma.

Assim como na eólica, o setor inovou apenas em adaptações necessárias à indústria nacional e praticamente absorve as tecnologias criadas e testadas em outros países. Para Alessandro, ainda cabem mudanças no marco regulatório para pesquisa e desenvolvimento no setor, onde o risco seja aceito como parte do processo de investigação em um processo. “O insucesso faz parte de um modelo de P&D”, afirma.

Sistemas Digitais

Somados aos desafios e potenciais tecnológicos que a transição energética traz em cada uma das fontes, a integração delas por meio dos sistemas inteligentes, ou smart grids, também exigirá do país um novo olhar para inovação no setor de tecnologia da informação. Por meio desses sistemas também é possível mais eficiência de geração e melhoria na utilização dos recursos naturais de forma individual ou integrada.

Segundo a executiva de uma empresa brasileira de inovação, Gabriella Seiler, o avanço dessas tecnologias pode beneficiar o sistema elétrico como um todo, desde os grandes geradores, até o consumidor.

“A digitalização e a Inteligência Artificial são fundamentais nessa transformação que depende de sistemas e equipamentos descentralizados, que precisam se comunicar de forma inteligente e em tempo real”, diz.

Com tantas possibilidades e potencial, Gilberto Januzzi afirma que o Brasil precisa alinhar recursos financeiro, estruturais e humano no setor de pesquisa e desenvolvimento, que existem em abundância, às demandas do setor produtivo, para que assas inovações possam chegar de forma rápida, com custos que o consumidor possa suportar. “A política pública é muito importante nesse sentido, porque grande parte do esforço em pesquisa básica vem de fundos públicos, não vem do mercado sozinho”, diz.

Segundo Gabriela, esse abismo entre ambiente acadêmico e inovação aplicada fica claro quando o Brasil aparece entre os 15 países que mais publicam e têm citações em artigos científicos, mas essa inovação pouco chega a ser aplicada na sociedade. Para ela, na área de inteligência artificial, esse desafio soma-se a outros como a escassez de talentos, baixo investimento e ainda um bloqueio cultural na aplicação de tecnologias que transformam estruturas fundamentais.

Publicado em 27/03/2021 – 07:00 Por Fabíola Sinimbú – Repórter da Agência Brasil – Brasília

SAÚDE – Chá de Espinheira Santa para o Estômago e Intestino. Será verdade?

0

Em vídeo, Dr. Fernando Lemos, fala das verdades, benefícios e de como fazer uso da Espinheira Santa.

Veja o vídeo:

Decreto regulamenta o pagamento do Auxílio Emergencial 2021

0
Aplicativo Auxílio Emergencial ao Trabalhador A Caixa Econômica Federal lançou o aplicativo para a liberação do auxílio emergencial a trabalhadores de baixa renda prejudicados pela pandemia do coronavírus. O pedido para receber o benefício pode ser feito no site auxilio.caixa.gov.br ou pelo APP CAIXA | Auxílio Emergencial, disponível nas lojas de aplicativos para celulares Android e IOS. O Senado aprovou a medida no dia 30 de março e a lei foi sancionada em 2 de abril de 2020 (Lei 13.982). Foto: Leonardo Sá/Agência Senado

Beneficiários começam a receber em abril 

O presidente Jair Bolsonaro editou decreto que regulamenta o pagamento do Auxílio Emergencial 2021, instituído no último dia 18 de março por meio de Medida Provisória. O texto foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), na tarde desta sexta-feira (26). O apoio financeiro será pago a trabalhadores informais de baixa renda e aqueles inscritos em programas sociais como o Bolsa Família, caso o novo benefício seja mais vantajoso. A previsão é que os pagamentos comecem a partir do dia 4 ou 5 de abril, segundo informou o próprio presidente em sua live semanal nas redes sociais.   

A nova rodada do Auxílio Emergencial pagará quatro parcelas com valor médio de R$ 250 cada uma. Esse valor pode chegar a R$ 375, no caso de famílias que tenham apenas a mãe como provedora, ou R$ 150, no caso de família unipessoal (formada por uma única pessoa). Ao longo do ano passado, o auxílio chegou a atingir 68 milhões de pessoas, mas agora o novo programa deve atender, nas projeções do governo, cerca de 45,6 milhões de famílias. Essa redução se dá, segundo o governo, após o cruzamento de dados que concentrou as transferências no público considerado mais vulnerável.   

Pelo decreto, as parcelas do auxílio serão pagas independentemente de novo requerimento, desde que o beneficiário atenda aos requisitos estabelecidos na Medida Provisória. O governo vai usar a mesma base de dados de quem se cadastrou para o programa no ano passado, pelo aplicativo ou pelo site da Caixa Econômica Federal, além daquelas pessoas inscritas no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico) e no Bolsa Família. Uma das novidades é o recebimento do benefício ficará limitado a um beneficiário por família. 

Critérios

Os trabalhadores formais (com carteira assinada e servidores públicos) continuam impedidos de solicitar o auxílio emergencial. Além disso, cidadãos que recebam benefício previdenciário, assistencial ou trabalhista ou de programa de transferência de renda federal, com exceção do Bolsa Família e do PIS/PASEP, não fazem parte do público que receberá as parcelas de R$ 250. Para fins de elegibilidade, serão avaliados os critérios com base no mês de dezembro de 2020, informou o governo.

O novo auxílio será pago somente a famílias com renda per capita de até meio salário mínimo e renda mensal total de até três salários mínimos. Para o público do Bolsa Família, segue valendo a regra quanto ao valor mais vantajoso a ser recebido entre o programa assistencial e o auxílio emergencial 2021. Os integrantes do Bolsa Família receberão o benefício com maior parcela (R$ 375).

As pessoas que não movimentaram os valores do Auxílio Emergencial e sua extensão, disponibilizados na poupança digital em 2020, não terão direito ao novo benefício, assim como quem estiver com o auxílio do ano passado cancelado no momento da avaliação de elegibilidade para 2021.

O auxílio emergencial 2021 ainda prevê outros critérios de elegibilidade. Estão excluídos os residentes médicos, multiprofissionais, beneficiários de bolsas de estudo, estagiários e similares. Quem teve rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2019 ou tinha em 31 de dezembro daquele ano a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil, ou tenha recebido em 2019 rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte superior a R$ 40 mil, também não poderá solicitar o novo benefício.

Quem ainda não terá direito a receber o novo auxílio são pessoas com menos de 18 anos, exceto mães adolescentes, quem estiver no sistema carcerário em regime fechado ou tenha seu CPF vinculado, como instituidor, à concessão de auxílio-reclusão, quem tiver indicativo de óbito nas bases de dados do governo federal ou tenha seu CPF vinculado, como instituidor, à concessão de pensão por morte.

Edição: Aline Leal

Publicado em 26/03/2021 – 19:05 Por Pedro Rafael Vilela – Repórter da Agência  – Brasília

Federação Italiana prevê abertura da Eurocopa com público

0

Início da competição está programada para 11 de junho em Roma

O presidente da Federação Italiana de Futebol (FIGC), Gabriele Gravina, afirmou nesta sexta-feira (26) que o jogo de abertura da próxima Eurocopa, programado para o estádio Olímpico de Roma, terá a presença de torcedores.

O torneio, que foi adiado no ano passado por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19), terá início no dia 11 de junho, quando a Itália recebe a Turquia.

“Tenho certeza de que iniciaremos a Eurocopa em Roma e que o faremos com a presença de público no estádio”, afirmou Gravina em coletiva de imprensa.

“Ainda não sei quantos espectadores haverá, mas com certeza haverá público”, declarou o dirigente.

A Itália é uma das 12 sedes da Euro, e os planos para que o torneio de um mês de duração aconteça como concebido originalmente são questionados porque a covid-19 continua a se disseminar no Velho Continente.

Em janeiro, após uma reunião com os países-sede, a Uefa afirmou que mudou o prazo final para que as federações submetam seus planos de acomodação de torcedores nos estádios para o início de abril.

“Investimos dois anos de trabalho duro, e estamos convencidos de que até 7 de abril teremos respostas para apresentar à Uefa, que não poderá ignorá-las”, acrescentou Gravina.

Ainda nesta sexta-feira, a FIGC anunciou que a Itália programou amistosos de preparação para a Euro 2020 contra San Marino e República Tcheca. Além da Turquia, os italianos enfrentam Suíça e País de Gales no Grupo A.

Publicado em 26/03/2021 – 17:44 Por Alasdair Mackenzie – Roma (Itália)

Revezamento da tocha dá esperança de retomada econômica em Fukushima

0

Atletas chegaram à cidade japonesa que mais sofreu com terremoto

Quando os corredores do revezamento da tocha olímpica chegaram à cidade japonesa de Fukushima nesta sexta-feira (26), Masahiro Abiko saiu para saudá-los com seus empregados, torcendo para que os Jogos revigorem seu negócio com a fabricação de bandeiras e trajes de festival.

“Desde o início da pandemia de coronavírus, festivais e outros eventos evaporaram. As encomendas de happi (casacos de mangas curtas usados em ocasiões festivas) não caíram para a metade, nem dois terços, mas para nove décimos”, disse Abiko à Reuters.

“Quero que a Olimpíada ocorra, aconteça o que acontecer”, acrescentou.

O revezamento da tocha começou ontem (25) e passou por outras partes da região de Fukushima antes de seguir para sua capital.

Abiko ecoa as esperanças de proprietários de negócios de todo o Japão, abalados por restrições de viagem e limites à frequentação de locais de alimentação.

A Olimpíada de Tóquio estava programada originalmente para 2020, mas foi adiada em um ano por causa da pandemia.

Abiko, que tem 27 empregados ocupados em tingir, costurar e passar a ferro, já está testemunhando sinais de recuperação.

“Com a Olimpíada se aproximando, estamos vendo a demanda de bandeiras, de bandeiras do Japão e daquelas de países estrangeiros, aumentando. Não chega a dobrar, mas um aumento substancial”, disse.

Alguns jogos de beisebol e softball acontecerão na cidade de Fukushima, aumentando as esperanças dos comércios locais, mas espectadores internacionais não poderão ingressar no país para assistir os Jogos.

Publicado em 26/03/2021 – 14:12 Por Kiyoshi Takenaka – Fukushima (Japão)

Flamengo X Palmeiras poderá ter público no estádio

0

Flamengo X Palmeiras poderá ter profissionais da saúde já vacinados nas arquibancadas

Partida entre Flamengo e Palmeiras está marcada para 11 de abril, e plano é ter profissionais de saúde vacinados contra a Covid-19 nas arquibancadas em Brasília; CBF ainda não confirma local

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, afirmou que a Supercopa 2021, entre Flamengo e Palmeiras, será realizada no estádio Mané Garrincha – jogo marcado para o dia 11 de abril.

O governador também confirmou que o plano é que a disputa entre os campeões do Brasileirão e da Copa do Brasil seja a primeira partida com público no DF desde o início da pandemia: a ideia é que profissionais de saúde vacinados possam assistir ao jogo das arquibancadas.

Questionado nesta quinta-feira sobre o assunto, o governador Ibaneis Rocha foi enfático na resposta.

“Vamos fazer – afirmou, Ibaneis”.

A questão ainda é tratada com cautela nos bastidores, mas a ideia do governo do Distrito Federal, em conjunto com a CBF, é adotar em Brasília modelo semelhante ao utilizado na última edição do Super Bowl – a decisão da NFL (Liga de Futebol Americano dos Estados Unidos). Na partida, disputada no dia 7 de fevereiro, cerca de 7.500 profissionais de saúde vacinados contra a Covid-19 puderam ir ao estádio na região de Tampa, na Flórida.

Para a Supercopa no Mané Garrincha, a proposta confirmada pelo governador seria ter público de 10% da capacidade do estádio: cerca de 7 mil pessoas. Os ingressos seriam entregues pela CBF aos profissionais de saúde de Brasília como forma de agradecimento ao empenho durante o combate à pandemia.

Ainda não se sabe, entretanto, como seria feita a distribuição das entradas. A única obrigatoriedade é que os profissionais já tenham recebido as duas doses da vacina contra a Covid-19 e cumprido o período necessário para a imunização.

A CBF também ainda não se pronunciou sobre a possibilidade de público vacinado.

Kits de alimentação para estudantes

0

Goiás inicia entrega de Kits de alimentação para estudantes da rede pública estadual

Kits contam com 2kg de arroz, 1 kg de feijão, 1 molho de tomate de 340 g, 1 kg de macarrão e 3 kg de frutas, além de verduras e legumes variados

A entrega dos kits de alimentação, realizada pelo Governo de Goiás por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) teve início nesta quinta-feira (25), para os 521.724 alunos matriculados na rede pública estadual. A distribuição será realizada pelas unidades escolares, de forma agendada, de forma que não haja aglomerações, com a adoção dos protocolos de biossegurança, definidos pelo Centro de Operações de Emergências (COE), como o uso de máscara e de álcool em gel.

A segunda entrega do ano letivo de 2021, é referente ao mês de março. Com a suspensão das aulas presenciais, por conta da segunda onda de pandemia da Covid-19, a merenda escolar foi substituída pela entrega de alimentos aos alunos. No ato da entrega, os pais ou responsáveis dos alunos devem assinar um termo de recebimento, atestando ter retirado o kit para benefício do estudante.

De acordo com a Secretaria de educação, os kits são compostos por 2kg de arroz (tipo 1), 1 kg de feijão (tipo 1), 1 molho de tomate de 340 g, 1 kg de macarrão e 3 kg de frutas, verduras e legumes variados, adquiridos pelas escolas, de forma descentralizada, por meio de licitação ou chamada pública. Os recursos usados para a compra foram destinados pelo Governo de Goiás, por meio do Fundo Protege, e somam aproximadamente R$ 15 milhões somente neste mês.

A gerente de Orientação e Articulação das Coordenações Regionais e Alimentação Escolar da Seduc, Terezilda Luiz da Silva, alegou que algumas unidades iniciaram as entregas na última terça-feira (23). No entanto, esse adiantamento teve como objetivo atender a uma demanda dos fornecedores locais e evitar atrasos ou perca de qualidade dos produtos.

A Seduc informou ainda que, desde o início da pandemia da Covid-19, o Governo de Goiás já destinou R$ 136.286.425,00 para o programa Auxílio Alimentação, no primeiro semestre de 2020, e para a compra de kit de alimentação, no segundo semestre. O benefício de Auxílio Alimentação atendeu aos estudantes que eram beneficiários do programa Bolsa Família, Já os kits de alimentação foram entregues a todos os estudantes da rede estadual.

Publicado por diario de goias

 by REDAÇÃO / DIÁRIO DE GOIÁS

Laboratório oferece vacinas para empresas, afirma Fieg

0

Laboratório chinês oferece vacinas para empresas de Goiás, afirma Fieg

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, entregou nesta quinta-feira (25/03) ofício ao secretário de Estado da Saúde, Ismael Alexandrino, detalhando proposta para aquisição de 5 milhões de doses da vacina Coronavac. A carga está disponível na China para pronta-entrega e, caso o Governo de Goiás manifeste interesse na aquisição das doses, poderá ser importada e imunizar a população goiana em até 30 dias.

De acordo com Sandro Mabel, o interesse da Fieg é de somar esforços com o Programa Nacional de Imunização e, por isso, o Centro Internacional de Negócios da Federação buscou articular negociações com produtores dos imunizantes. Mabel destaca que esse esforço gerou uma negociação que pode ter sucesso na sua viabilidade. “Encontramos disponibilidade de 5 milhões de doses pela empresa Fosun Pharma”, destacou.

Trata-se de uma empresa chinesa, de capital misto, com faturamento de US$ 20 bilhões ao ano e representante de grandes indústrias farmacêuticas na Ásia. A Fosun Pharma oferece as vacinas Coronac, da farmacêutica Sinovac Biotech, e a vacina Ad5-nCoV, desenvolvida e produzida pela CanSino Biologics, já registrada na China.

Para conclusão da compra, é preciso que o Governo de Goiás envie carta de intenção de compra à Diretoria Executiva da Fosun Pharma. Uma vez enviado o documento, estima-se que todos os trâmites de importação devem ser concluídos em até 30 dias, incluindo aprovação de venda, liberação do governo chinês, preparação e translado da carga e chegada do produto em Goiás.

Em outra

Publicado por DIÁRIO DE GOIÁS  frente, a Fieg negocia a compra de 300 mil doses de vacina para Goiás, por meio de consórcio com federações das indústrias dos Estados de Minas Gerais, Santa Catarina, Ceará e Espírito Santo.

Nesta quinta-feira (25/03) a CNN noticiou que o juiz de primeira instância Rolando Valcir Spanholo, da 21ª Vara Federal Cível do Distrito Federal, autorizou que o Sindicato dos Servidores da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais, o Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo e a Associação Brasiliense das Agências de Turismo Receptivo importem imediatamente vacinas contra a Covid-19 e imunizem seus associados sem necessidade de doar as doses para o SUS, abrindo uma prerrogativa para que outros entes privados façam o mesmo.

A decisão do juiz de primeira instância pode ser derrubada por instâncias superiores. De acordo com a CNN, a Advocacia-Geral da União (AGU) deve recorrer da decisão no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1)

A Medida Provisória 1026, conhecida popularmente como MP das Vacinas, autoriza a compra de entes privados desde que sejam doadas para o Plano Nacional de Imunização, enquanto a vacinação do grupo prioritário não for concluída.

 by DOMINGOS KETELBEY

Operação para desbaratar pirâmide financeira

0

MP-GO participa de operação nacional para desbaratar organização criminosa especializada em pirâmide financeira

O Ministério Público de Goiás (MP-GO), por intermédio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), participou da Operação Black Monday, desencadeada pelo MP de Minas Gerais, por intermédio da 8ª Promotoria de Justiça de Pouso Alegre e do Gaeco MPMG. A ação teve como objetivo desbaratar organização criminosa voltada para a prática de crimes de pirâmide financeira, contra as relações de consumo e de lavagem de capitais. A estimativa é que o grupo tenha causado prejuízo de R$ 60 milhões, com a aplicação de golpe em 1,5 mil pessoas.

Durante a operação, foram cumpridos 28 mandados de busca e apreensão, resultando na apreensão de quatro carros de luxo, com valor estimado em R$ 3,5 milhões, nos Estados da Paraíba e de Pernambuco; e R$ 500 mil em espécie. Foram cumpridos 29 mandados de busca e apreensão específicos para criptoativos, que conseguiu apreender uma grande quantidade de criptomoedas, cujo montante ainda será apurado. Seis pessoas foram presas, em cumprimento a mandados de prisão preventiva.

Em Goiás, a operação contou com a participação de 3 promotores de Justiça, 3 oficiais e 14 praças da Polícia Militar e 4 servidores do MP-GO. Foram apreendidos, na cidade de Anápolis, documentos e um aparelho de celular.

A apuração que resultou na Operação Black Monday teve início em maio de 2020, a partir de denúncia de um morador da cidade de Pouso Alegre (MG). Foram detectados indícios de que, através dos sites Aprenda Investindo e Investing Brasil, centenas de pessoas, na expectativa de realizar investimentos financeiros, foram direcionadas para as corretoras VLOM e LBLV – o MPMG está apurando se as duas empresas existem legalmente ou são apenas de fachada. Assim, as vítimas realizavam transferências bancárias para diversas pessoas jurídicas e os valores não eram revertidos no desejado investimento.

Educação financeira

Conforme apurado pelo MPMG, o dinheiro das vítimas era convertido em bitcoins e em bens de alto valor. De acordo com o promotor de Justiça Eduardo Machado, do Gaeco do MPMG, foi desbaratado um sistema sofisticado de lavagem de dinheiro, criado a partir da percepção da baixa rentabilidade de investimentos tradicionais. Segundo ele, foram criados sites para propagandear educação financeira.

O contato com a vítima era feito após o acesso ao site, por supostos analistas financeiros, que ofereciam pacotes de investimentos com rentabilidade maior. A promessa era de aplicações nos Estados Unidos. Após a transferência do dinheiro captado, os valores eram dispersados em contas bancárias de várias pessoas jurídicas espalhadas pelo Brasil.

Abrangência

A Operação Black Monday foi desenvolvida também em Pernambuco, São Paulo, Paraíba, Bahia, Alagoas, Maranhão, Rondônia, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, com o cumprimento de 29 mandados de busca e apreensão e 6 mandados de prisão. No total, participaram da operação 26 Promotores de Justiça, 42 servidores dos MPs, 20 delegados de Polícia, 91 agentes da Polícia Civil, 30 policiais militares, 2 peritos e 9 policiais rodoviários federais.

O líder do grupo, que reside em Caruaru (PE), foi localizado e detido na cidade de João Pessoa (PB). Com ele, foram encontrados automóveis de luxo das marcas Lamborghini e BMW. Em Pernambuco, duas pessoas foram detidas em Gravatá e conduzidas à delegacia local. Em Recife, entre o material apreendido, estavam documentos bancários, R$ 287 mil em espécie e veículos, totalizando um valor aproximado de R$ 600 mil.

Black Monday (segunda-feira negra, na tradução para o português) faz referência ao dia 19 de outubro de 1987, quando ocorreu o pior crash da bolsa de valores da história de Wall Street, em Nova York. (Texto: João Carlos de Faria/Assessoria de Comunicação Social do MP-GO, a partir de informações do MPMG e MPPE)

No Senado, Tereza Cristina fala em regularizar 130 mil terras em 2021

0

Segundo ministra, regularizações tiveram impacto da pandemia

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, atribuiu à pandemia o atraso no processo de regularização fundiária. Durante audiência na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado, ela defendeu as ações do governo acerca do tema e informou que foram emitidos pouco mais de 109 mil títulos de propriedade no ano passado.

“Gostaríamos de ter feito muito mais, mas a pandemia realmente nos atrasou. Pretendemos entregar, este ano, mais de 130 mil títulos, de 130 a 170 mil títulos entre 2021 e 2022, alcançando a marca de 300 mil títulos nestes dois anos”, disse a ministra. Segundo ela, o Incra está modernizando os sistemas e integração das bases de dados fundiários para possibilitar as entregas.

Na visão dos senadores que participaram da audiência, o sistema de regularização de terras no Brasil ainda é burocrático. O presidente da comissão, Acir Gurgacz (PDT-RO), reafirmou a importância da realização dessas regularizações. “A regularização dará autonomia aos nossos produtores, acesso ao crédito, aumentará a arrecadação do Estado e será um precioso instrumento para diminuir os desmates ilegais e os incêndios florestais, pois, quando o agricultor é proprietário da sua terra, lá está o seu CPF, aí sim ele vai cuidar”.

A senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) defendeu mais crédito para o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), com a redução dos juros dos financiamentos. Ela também ressaltou como medidas importantes a assistência técnica, o acesso às tecnologias e a organização na comercialização como instrumentos para auxiliar na redução do preço dos alimentos para a população.

Segundo Tereza Cristina, a expectativa do ministério é de que este ano sejam direcionados R$ 15 bilhões ao Pronaf. “Estamos trabalhando com a perspectiva de R$ 15 bilhões. Ano passado tivemos R$ 11,5 bilhões. Para que a gente possa financiar mais, um número maior de produtores, aproveitando essa janela de oportunidade que o Brasil tem de estar tão demandado por alimentos, por produtos, para não só abastecer o nosso mercado interno, o pequeno agricultor é que faz isso, mas também para gerar divisas”.

Ouça na Radioagência Nacional:

*com informações da Agência Senado

Edição: Aline Leal

Publicado em 25/03/2021 – 20:53 Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil* – Brasília

Alemanha inicia Eliminatórias para a Copa com vitória sobre Islândia

0

Espanha fica no empate de 1 a 1 com Grécia

A seleção alemã começou bem a campanha nas Eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2022 (Catar) ao derrotar a Islândia por 3 a 0, nesta quinta-feira (25), com gols de Goretzka, Havertz e Gundogan em partida válida pelo Grupo J.

Goretzka e Havertz marcaram 2 a 0 para a Alemanha nos sete primeiros minutos do confronto. E Gundogan fechou a vitória com um chute rasteiro aos 11 minutos do segundo tempo.

Já a seleção da Espanha ficou no empate de 1 a 1 com a Grécia em sua primeira partida do Grupo B das Eliminatórias para o Mundial.

Álvaro Morata abriu o marcador para os anfitriões aos 32 minutos, momentos após Dani Olmo acertar a trave. No entanto, na segunda etapa, Íñigo Martínez, que substituiu o capitão Sergio Ramos, cometeu pênalti no meio-campista grego Giorgos Masouras. Na cobrança, Anastasios Bakasetas empatou.

Já a Itália conquistou uma confortável vitória de 2 a 0 sobre a Irlanda do Norte no Grupo C, com gols de Domenico Berardi e Ciro Immobile no primeiro tempo.

Em outros jogos, a Inglaterra goleou San Marino por 5 a 0 no Grupo I, Hungria e Polônia empataram por 3 a 3 na mesma chave, e a Suécia venceu a Geórgia por 1 a 0, pelo Grupo B, no retorno de Zlatan Ibrahimovic.

Publicado em 25/03/2021 – 22:01 Por Reuters – Duisburg (Alemanha)

Nascidos em setembro podem atualizar dados no Caixa Tem

0

Objetivo é dar maior segurança para o recebimento de benefícios

Às vésperas de retomar o pagamento do auxílio emergencial, a Caixa Econômica Federal convida os usuários do aplicativo Caixa Tem a atualizar os dados cadastrais no aplicativo. Clientes nascidos em setembro podem fazer o procedimento a partir de hoje (26).

A atualização é feita inteiramente pelo celular, bastando o usuário seguir as instruções do aplicativo, usado para movimentar as contas poupança digitais. Segundo a Caixa, o procedimento pretende trazer mais segurança para o recebimento de benefícios e prevenir fraudes.

Ao entrar no aplicativo, o usuário deve acessar a conversa “Atualize seu cadastro”. Em seguida, é necessário enviar uma foto (selfie) e os documentos pessoais (identidade, CPF e comprovante de endereço).

O calendário de atualização segue um cronograma escalonado, conforme o mês de nascimento dos clientes. O cronograma começou no último dia 14 para os nascidos em janeiro e encerrará em 31 de março, para os nascidos em dezembro.

Confira o cronograma completo abaixo:

Mês de nascimento Data de atualização
Janeiro 14/3 (domingo)
Fevereiro 16/3 (terça)
Março 18/3 (quinta)
Abril 20/3 (sábado)
Maio 22/3 (segunda)
Junho 23/3 (terça)
Julho 24/3 (quarta)
Agosto 25/3 (quinta)
Setembro 26/3 (sexta)
Outubro 29/3 (segunda)
Novembro 30/3 (terça)
Dezembro 31/3 (quarta)

No ano passado, a Caixa abriu mais de 105 milhões de contas poupança digitais, das quais 35 milhões para brasileiros que nunca tiveram contas em banco. Além do auxílio emergencial, o Caixa Tem foi usado para o pagamento do saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm).

Uma lei sancionada no fim de outubro autorizou a ampliação do uso das contas poupança digitais para o pagamento de outros benefícios sociais e previdenciários. Desde dezembro, os beneficiários do Bolsa Família e do abono salarial passaram a receber por essa modalidade.

Edição: Graça Adjuto

Publicado em 26/03/2021 – 06:30 Por Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Tornados deixam ao menos cinco mortos e danos nos EUA

0

Foram destruídas casas e outras estruturas

Tornados poderosos varreram o estado norte-americano do Alabama nessa quinta-feira (25), matando pelo menos cinco pessoas no nordeste e ferindo dezenas, além de destruir casas e outras estruturas.

Cinco mortes foram confirmadas em Ohatchee, Alabama, a nordeste de Birmingham, disse uma porta-voz da agência de emergências do condado de Calhoun. Equipes de resgate procuram desaparecidos.

“O clima perigoso e significativo continua a causar impacto em partes do Alabama, e peço a todas as pessoas no caminho desses tornados e sistemas de tempestades que permaneçam em alerta máximo”, disse o governador do Alabama, Kay Ivey, em comunicado publicado na mídia social.

O Serviço Meteorológico Nacional emitiu avisos de tornado para grande parte do estado e o Departamento do xerife do condado de Jefferson alertou moradores de que o tornado estava se dirigindo para as comunidades de lá.

Moradores de Pelham, uma cidade de aproximadamente 21 mil habitantes a cerca de 30 quilômetros ao sul de Birmingham, também foram orientados a se procurar a se abrigar porque uma segunda onda de tornados era esperada, informou o site de notícias do Alabama Al.com.

Publicado em 26/03/2021 – 07:34 Por Dan Whitcomb – Repórter da Reuters – Washington

PF investiga aplicação irregular de vacinas em empresa de viação em BH

0
Sede da Polícia Federal em Brasília

Estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão

A Polícia Federal deflagrou hoje (26) a Operação Camarote, por meio da qual investiga “suposta importação” e “administração irregular de vacinas” que teria ocorrido na garagem da empresa de viação Saritur, em Belo Horizonte (MG).

As suspeitas de que a vacina teria sido aplicada irregularmente no local surgiram após a divulgação de um vídeo, em matéria publicada no site da revista Piauí.

Quatro mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos por determinação da 35ª Vara Federal Criminal de Belo Horizonte, com o objetivo de “angariar provas acerca dos fatos noticiados”.

De acordo com a PF, a suspeita é de que houve importação irregular e receptação de vacinas contra covid-19, o que configuraria a prática dos delitos segundo o Código Penal, tanto pelos importadores como pelos que teriam recebido a vacina. O delito poderá ser agravado caso tenha ocorrido antes de a lei que aprova o uso da vacina ter entrado em vigor ou caso ela tenha sido aplicada antes de seu registro junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Edição: Valéria Aguiar

Publicado em 26/03/2021 – 09:09 Por Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Estudo brasileiro com polvos aumenta compreensão sobre o sono

0
An octopus in seen in its "active sleep" state during a laboratory study at the Brain Institute of the Federal University of Rio Grande do Norte in Natal, Brazil, in this undated handout photograph. Sylvia Medeiros/Handout via REUTERS THIS IMAGE HAS BEEN SUPPLIED BY A THIRD PARTY. MANDATORY CREDIT. NO RESALES. NO ARCHIVES.

Pesquisa mostra que estágios de sono são semelhantes aos de humanos

O polvo é uma criatura extraordinária – e não apenas por seus oito membros, três corações, sangue azul, spray de tinta, capacidade de camuflagem e o trágico fato de que morre após se reproduzir. 

Um estudo conduzido por pesquisadores do Brasil e publicado nessa quinta-feira (25) mostra que o animal, já considerado o mais inteligente dos invertebrados, passa por dois estados de sono diferentes, estranhamente semelhantes aos dos humanos, podendo até sonhar. 

As descobertas, que segundo os pesquisadores oferecem novas evidências de que os polvos têm uma neurobiologia complexa e sofisticada, que fundamenta um repertório comportamental igualmente sofisticado, dão também uma visão mais ampla sobre a evolução do sono, função biológica crucial.

Anteriormente, sabia-se que os polvos experimentavam o sono e trocavam de cor enquanto adormeciam. No novo estudo, os pesquisadores observaram espécies chamadas de Octopus insularis em laboratório e descobriram que as mudanças de cor estão associadas a dois estágios do sono: “o sono quieto” e o “sono ativo”.

Durante o “sono quieto”, o polvo se mantém estático, com a pele pálida e as pupilas contraídas em frestas. Durante o “sono ativo”, o animal muda dinamicamente sua cor de pele e textura e move ambos os olhos enquanto contrai suas ventosas e corpo, com espasmos musculares. 

Um ciclo de repetição foi observado durante o sono. O “sono quieto” dura tipicamente cerca de sete minutos. O subsequente “sono ativo” dura tipicamente menos de um minuto.

O ciclo parece análogo, segundo os cientistas, aos chamados sono REM (sigla em inglês que significa “movimento rápido dos olhos”), estágios do sono vividos por seres humanos, além de outros mamíferos, aves e répteis.

Sonhos vívidos ocorrem durante o sono REM, enquanto os olhos de uma pessoa se movem com rapidez, a respiração se torna irregular, a taxa de batimentos cardíacos aumenta, e os músculos ficam paralisados para não agir durante os sonhos. O estágio não REM apresenta um sono mais profundo e menos sonhos. 

A principal autora do estudo, Sylvia Medeiros, disse que as descobertas sugerem que os polvos podem estar sonhando, ou experimentando algo semelhante. 

“Se os polvos sonham de fato, é improvável que eles experimentem enredos simbólicos complexos como nós fazemos”, disse Sylvia, do Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. 

“O ´sono ativo´ do polvo tem duração muito curta, tipicamente de alguns segundos a um minuto. Se durante esse estágio há sonhos acontecendo, eles devem ser como pequenos videoclipes, ou até mesmo GIFs”, acrescentou a pesquisadora. 

Os cientistas buscam melhor entendimento das origens da evolução do sono. Como o último ancestral comum de vertebrados, inclusive humanos, e cefalópodes, grupo que abrange os polvos, viveu há mais de meio bilhão de anos, parece improvável que os padrões similares de sono tenham sido estabelecidos antes de sua divergência evolutiva, afirmaram os pesquisadores.

Isso significaria, segundo os cientistas, que os padrões semelhantes de sono surgiram de forma independente nos dois grupos, um fenômeno chamado de “evolução convergente”.

“A investigação do sono e dos sonhos nos polvos nos dá um ponto de vantagem para a comparação psicológica e neurobiológica com os vertebrados, já que o polvo tem várias características cognitivas sofisticadas que são vistas apenas em espécies vertebradas, mas com uma arquitetura cerebral muito diferente”, afirmou o coautor do estudo Sidarta Ribeiro, fundador do Instituto do Cérebro.

Publicado em 26/03/2021 – 08:29 Por Will Dunham – Repórter da Reuters – Londres

Anvisa autoriza teste do soro do Instituto Butantan em humanos

0
Fachada do edifício sede da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Soro pode evitar o agravamento dos sintomas e curar a covid-19

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu hoje (24) a anuência para pesquisa clínica com o soro hiperimune anti-Sars-CoV-2, desenvolvido pelo Instituto Butantan, contra a covid-19. Com isso, o instituto tem autorização para fazer o teste do soro em humanos. Até o momento, o soro foi testado somente em animais.

O teste em humanos é uma etapa chave para que o Instituto possa avançar no desenvolvimento do medicamento e, posteriormente, solicitar seu registro junto à Anvisa, condição necessária para que ele seja usado no mercado.

A autorização foi condicionada a um Termo de Compromisso que prevê a entrega de informações complementares. Para o início do estudo, o Butantan ainda deverá apresentar tais informações, que, segundo a Anvisa, não foram integralmente disponibilizadas.

No início de março o Instituto entregou à Anvisa um dossiê com dados sobre o desenvolvimento da substância. A agência fez considerações sobre o primeiro pedido.

Em seguida, no dia 10 de março, o Instituto enviou dados sobre o ensaio clínico. Em 19 de março foi realizada uma reunião sobre o protocolo clínico. No encontro, técnicos da Anvisa fizeram uma solicitação adicional de informações. Ontem o Instituto Butantan repassou respostas sobre as questões feitas na reunião.

“O objetivo da avaliação de uma proposta de pesquisa clínica é verificar se o estudo é suficiente para produzir dados confiáveis sobre a segurança e a eficácia do medicamento. Isso envolve a avaliação do desenho estatístico da pesquisa, perfil de voluntários, definição de doses que serão testadas, entre outros aspectos”, explicou a Anvisa, em nota.

O soro foi produzido a partir da inoculação do vírus inativo em cavalos. O corpo dos animais reage ao microrganismo e produz anticorpos para combater a infecção. Depois, o sangue dos equinos é coletado e esses anticorpos isolados para que possam ser usados contra a doença. O Butantan já é referência na produção de soros, como os antiofídicos, que neutralizam os efeitos de venenos de cobras, e o antirrábico, contra a raiva.

De acordo com o instituto, o soro tem potencial para evitar o agravamento dos sintomas e curar os pacientes infectados pela covid-19. Ao contrário da vacina, que busca prevenir a infecção, o soro atua no tratamento da doença. No começo do mês, o Butantan já havia divulgado que o soro demonstrou em testes pré-clínicos que é seguro e efetivo em dois tipos de estudos animais.

Edição: Claudia Felczak

Publicado em 24/03/2021 – 19:54 Por Camila Boehm e Jonas Valente – Repórteres da Agência Brasil – Brasília e São Paulo

Papa corta salários de cardeais e clérigos

0
O Papa Francisco gesticula ao proferir a oração do Angelus de sua janela no dia do lançamento de sua nova encíclica, intitulada "Fratelli Tutti" (Irmãos Todos), na Praça de São Pedro no Vaticano, 4 de outubro de 2020. REUTERS / Remo Casilli

Covid-19 faz papa cortar salários de cardeais e clérigos

Redução será entre 3% e 8%. Aumentos estão suspensos até 2023

O papa Francisco determinou que os cardeais tenham um corte de 10% em seus salários e reduziu o salário de outros clérigos que trabalham no Vaticano para salvar o emprego dos funcionários, uma vez que a pandemia do coronavírus tem afetado a renda da Santa Sé.

O Vaticano disse nesta quarta-feira (24) que Francisco emitiu um decreto incluindo cortes proporcionais a partir de 1º de abril. Um porta-voz afirmou que os funcionários de nível inferior não seriam afetados pelos cortes. Francisco sempre insistiu que não deseja demitir pessoas.

Acredita-se que os cardeais que trabalham no Vaticano e lá vivem, ou em Roma, recebem salários de cerca de 4 mil a 5 mil euros por mês, e muitos deles moram em grandes apartamentos com aluguéis bem abaixo dos valores de mercado.

Aumentos suspensos até 2023

Outros chefes do departamento, principalmente clérigos, verão seus salários reduzirem entre 3% e 8%. Os aumentos salariais programados serão suspensos até março de 2023. As condições também se aplicarão a funcionários de alto escalão de outras basílicas papais, além da Basílica de São Pedro, no Vaticano.

A Santa Sé, órgão administrativo central da Igreja Católica em todo o mundo, pode ter que usar 40 milhões de euros em reservas pelo segundo ano consecutivo, enquanto a pandemia da covid-19 queima suas finanças, disse o principal funcionário econômico do Vaticano no início deste mês.

O órgão espera um déficit de cerca de 50 milhões de euros neste ano. A pandemia forçou os museus do Vaticano, tradicionais

Publicado em 24/03/2021 – 14:34 Por Philip Pullella – da agência Reuters – Cidade do Vaticano

Estuprador em série é condenado a mais 8 anos

0

Denunciado pelo MP, estuprador em série é condenado a mais 8 anos de reclusão em regime fechado

Denunciado pelo Ministério Público de Goiás (MP-GO), por intermédio da 15ª Promotoria de Justiça de Aparecida de Goiânia, Welinton Ribeiro da Silva foi condenado, pela 3ª Vara Criminal daquela comarca a mais 8 anos de reclusão em regime fechado, por um estupro praticado em setembro de 2009, em uma rua do Jardim Buriti Sereno. Contra o réu há outras 17 ações penais em tramitação pelo mesmo crime e já houve condenação em 1 delas.

De acordo com a denúncia neste caso, oferecida pela promotora de Justiça Valéria Cristina de Paula Magalhães, a vítima caminhava pela rua quando foi surpreendida por Welinton Ribeiro da Silva, que pilotava uma motocicleta. Ele sacou uma arma e anunciou um assalto, ordenando que a mulher lhe entregasse o celular e a bolsa. Em seguida, ordenou que ela subisse na garupa da motocicleta e a levou até um lote baldio, onde cometeu o estupro.

A vítima denunciou o caso à Delegacia de Polícia Civil de Aparecida de Goiânia. Exames realizados pelo Instituto de Criminalística identificaram que o DNA do material genético colhido coincidia com o coletado em outras mulheres vítimas de estupro. Foi instalada, pela 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil, a Força-Tarefa 213, que conseguiu prender Welinton Ribeiro da Silva depois de localizar o aparelho de celular de outra vítima, que havia sido vendido para uma loja de celulares. Ao ser abordado pelos policiais, Welinton Ribeiro da Silva apresentou documentos falsos e estava em posse de uma motocicleta furtada. Depois de ser identificado, foi descoberto que, contra ele, havia dois mandados de prisão em aberto, na comarca de Rondonópolis, também por crimes de estupro.

Ao proferir a sentença, a juíza Débora Letícia Dias Veríssimo ponderou que os relatos da vítima no Boletim de Ocorrência na Polícia Civil e no Termo de Declarações em juízo foram coerentes e harmônicos, inexistindo contradições ou mudanças de narrativa sobre sua versão do ocorrido, o que lhe confere credibilidade. Segundo a magistrada, a palavra da vítima, nos delitos sexuais, cometidos às escondidas e longe de outras testemunhas, “assume preponderante importância, por ser a principal fonte de provas de que dispõe a acusação para demonstrar a responsabilidade do acusado”.

DNA

Além disso, de acordo com a magistrada, o exame de perícia criminal verificou a presença de DNA de origem masculina nas amostras biológicas relacionados à vítima e estabeleceu condição de verossimilhança com o perfil genético masculino obtido do réu. “Desta forma, considerando as palavras da vítima e testemunhas ouvidas em juízo, aliadas aos resultados do laudo de perícia criminal, verifico que a materialidade e autoria do delito restaram cristalina, de forma que o conjunto probatório carreado ao feito se mostra robusto e suficiente para ensejar um decreto condenatório”, afirmou.

Ao dosar a pena, a juíza condenou Welinton Ribeiro da Silva a 7 anos de reclusão, como pena-base, e aumentou 1 ano em razão da agravante da reincidência. No entanto, o absolveu do crime de roubo, em razão da falta de provas. Também arbitrou indenização de R$ 5 mil em favor da vítima – o MP-GO havia pedido indenização de R$ 50 mil. Débora Letícia Dias Veríssimo manteve a prisão preventiva do réu.

Banco de perfis

Welinton Ribeiro da Silva é considerado um dos maiores estupradores em série do Brasil e, contra ele, a 15ª PJ de Aparecida de Goiânia, representada pela promotora de Justiça Valéria Cristina de Paula Magalhães, já promoveu 18 ações penais, por crimes sexuais praticados entre 2008 e 2019, cuja autoria foi identificada através de prova pericial genética. Já foram apresentadas 11 alegações finais, com pedido de condenação, nos quais se aguarda sentença, enquanto 6 outros processos encontram-se em tramitação. No outro processo, já houve condenação.

De acordo com Valéria Cristina de Paula Magalhães, “a prova pericial genética foi de suma importância para a elucidação dos casos, uma vez que ela traz confiabilidade e grau de certeza máximo à prova de autoria”. Segundo ela, com o pedido do MP-GO para realização de exame de DNA nas amostras das secreções das vítimas de estupro e sua inserção no Banco de Perfis Genéticos, tornando este procedimento uma praxe, foi possível a identificação dos estupros em série e, posteriormente, a sua autoria. “A qualidade do trabalho da Polícia Técnico-Científica nestes casos resultou em premiação internacional, tratando-se de um dos maiores casos de estupros em série identificados no Brasil”, ressaltou a promotora de Justiça.

Antes da sentença divulgada agora, Welinton Ribeiro da Silva já foi condenado a 9 anos e 4 meses de reclusão em regime fechado por estupro, pela 2ª Vara Criminal de Aparecida de Goiânia, no dia 24 de setembro de 2020. O crime, neste caso, foi cometido por volta das 19h55, de 13 de maio de 2016, na Vila Romana, em Aparecida de Goiânia, tendo o acusado se utilizado de uma arma de fogo para dominar a vítima. A mulher havia saído da escola em que estudava e seguia para sua residência, quando foi abordada e obrigada a entrar em um lote baldio, onde ocorreu o estupro. Atuou neste processo a promotora Simone Disconsi de Sá Campos. (Texto: João Carlos de Faria/Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

Petrobras reduz preço de gasolina e diesel nas refinarias

0
Petrobras reajusta em 12% o preço da gasolina nas refinarias a partir desta quinta-feira

Preço médio do litro da gasolina passará a custar R$ 2,59

A Petrobras anunciou hoje (24) uma redução de R$ 0,11 nos preços do litro da gasolina e do óleo diesel em suas refinarias. A partir de amanhã (25), o preço médio do litro da gasolina passará a custar R$ 2,59, uma queda de 4%.

Já o litro do diesel teve uma redução de 3,8% e passará a custar, a partir de amanhã, R$ 2,75, segundo informações divulgadas pela empresa.

A nota da Petrobras reforça que a companhia baseia os preços dos combustíveis em variações no mercado internacional e na taxa de câmbio. O preço para o consumidor final, no entanto, ainda sofre o acréscimo de impostos, da mistura obrigatória de etanol e das margens das distribuidoras e postos de combustíveis.

Edição: Fernando Fraga

Publicado em 24/03/2021 – 11:54 Por Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Butantan entrega mais 2,2 milhões de doses de vacina CoronaVac

0
São Paulo - Vacinação contra covid-19 aos profissionais da saúde do Hospital das Clínicas, no Centro de Convenções Rebouças.

Em março foram produzidas quase 25 mil vacinas por hora

Mais 2,2 milhões de doses da vacina CoronaVac fabricadas pelo Instituto Butantan contra o novo coronavírus foram liberadas nesta quarta-feira (24), para uso em todo o país. Desde o começo do mês de março foram entregues 14,3 milhões de doses, quantitativo maior do que o disponibilizado em janeiro e fevereiro juntos, o que representa a produção de quase 25 mil vacinas por hora, informou o órgão.

Segundo o governador de São Paulo, João Doria, o volume de vacinas distribuído é quatro vezes maior do que a Espanha aplicou e o dobro das doses da Alemanha. “Hoje o Butantan é um orgulho para o Brasil, um orgulho para os brasileiros que já tiveram a oportunidade de receberem as suas vacinas”, destacou Doria.

Com o novo carregamento, o total de imunizantes oferecidos por São Paulo ao Programa Nacional de Imunizações chega a 27,8 milhões de doses desde o início das entregas, em 17 de janeiro. Até o fim de abril, o total de vacinas garantidas pelo Butantan ao país somará 46 milhões de doses.

O Butantan deve entregar outras 54 milhões de doses para vacinação dos brasileiros até o dia 30 de agosto, totalizando 100 milhões de unidades. Atualmente, 85% das vacinas disponíveis no país contra a covid-19 são fabricadas pelo Butantan.

A produção da vacina segue em ritmo constante e acelerado. No último dia 4, uma remessa de 8,2 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), correspondente a cerca de 14 milhões de doses, desembarcou em São Paulo para produção local.

Outros 11 mil litros de insumos enviados pela biofarmacêutica Sinovac, parceira internacional no desenvolvimento do imunizante mais usado no Brasil contra a covid-19, chegaram ao país em fevereiro.

Até o fim de março, o Butantan aguarda nova carga de IFA correspondente a cerca de 6 milhões de doses, o que permitirá o cumprimento integral do acordo inicial de 46 milhões de doses contratadas pelo Ministério da Saúde.

De acordo com o Instituto Butantan, o órgão formou uma força-tarefa para acelerar a produção de doses da vacina para todo o país. Uma das medidas foi dobrar o quadro de funcionários na linha de envase para atender à demanda urgente por imunizantes contra o novo coronavírus.

Edição: Valéria Aguiar

Publicado em 24/03/2021 – 11:01 Por Agência Brasil – São Paulo

Cristovão Pereira no “Positivo Esportes” da Legal-FM

0

Hoje, quarta-feira (24/03), o Pastor e Repórter Esportivo, Cristovão Pereira, estará participando do Programa “Positivo Esportes” na Rádio Legal-FM / 102.3, a partir das 20 horas.

A entrevista desta quarta-feira (24/03), com o Pastor e Repórter Esportivo, Cristovão Pereira, também será publicada na edição impressa, do Jornal Positivo, que estará circulando no início de abril.

O Programa “Positivo Esportes” pela Rádio Legal-FM é apresentado pelos Advogados Dr. Washington Luiz, Dr. Luiz Alberto, Dr. Leandro Tavares e professor Jene, de segunda a sexta, das 20 as 21 horas.

PF deflagra Operação Athoótita para investigar pedófilos no Tocantins

0
A Polícia Federal e a Receita Federal

Policiais cumprem mandados de busca e apreensão em Tabocão

A Polícia Federal deflagrou hoje (23) a Operação Athoótita, com o objetivo de combater “possível prática de estupro de vulnerável”, além de crimes de compartilhamento e posse e produção de pornografia infantil no Tocantins.

Cerca de dez policiais federais estão cumprindo mandados de busca e apreensão, bem como de prisão preventiva, no município de Tabocão – todos expedidos pela 4ª Vara Federal da Seção Judiciária no Tocantins.

De acordo com a PF no Tocantins, a investigação teve início após cooperação jurídica internacional com os Estados Unidos, que encaminhou o material, à Polícia Federal, material compartilhado contendo pornografia infantojuvenil.

“No endereço da pessoa relacionada aos fatos, houve reporte de pornografia infantil por meio da Interpol em razão do upload de vídeo pedopornográfico em site de conteúdo adulto”, informou a PF.

O nome dado à operação – Athoótita – significa “inocência” em grego.

Edição: Valéria Aguiar

Publicado em 23/03/2021 – 11:01 Por Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil – Brasilia

Em situação de calamidade, Caldas Novas publica novo decreto com flexibilizações

0

Após 19 dias de medidas rígidas contra a Covid-19, o Prefeitura de Caldas Novas publicou, neste domingo, 21, um novo decreto em que restringe a capacidade máxima do comércio, hotéis e clubes a 50% de ocupação e com horário de funcionamento das 6h às 22h.  O prefeito Kleber Marra afirma que recebeu com respeito e cautela o decreto estadual que determina o fechamento de todas as atividades não essenciais por 14 dias, mas que é seu dever considerar que Caldas Novas, principal cidade turística de Goiás, permaneceu por três finais de semana operando apenas com as atividades essenciais. 

LEIA MAIS: Caldas Novas vive ‘realidade devastadora’ e Prefeitura movimenta equipes para ampliar cemitério municipal

O novo decreto, divide o município em quatro regiões (Norte, Sul, Leste e Oeste) e destina um Posto de Saúde (ESF) em cada uma destas regiões para o atendimento exclusivo de pessoas com sintomas ou suspeita de Covid-19, das 17h às 21h, onde será feito o teste e atendimento médico inicial, inclusive com medicação que será disponibilizada de acordo com o receituário médico. 

“Hoje, contamos com 20 leitos de UTI no município destinados exclusivamente para o tratamento da Covid-19 e destes, cinco são pagos pela iniciativa privada, que precisa trabalhar para mantê-los ativos”, afirma Kleber Marra ao anunciar novas medidas para o enfrentamento da pandemia, tanto na área da saúde, quando na da Economia. 

O documento também informa que o Hospital de Retaguarda Waldo Machado Xavier, localizado no Setor Caldas do Oeste, será destinado ao tratamento exclusivo dos pacientes que necessitam de internação por Covid-19. O decreto também garante a aquisição, por meio de dispensa de licitação e na proporção baseada em número de infectados dos últimos 30 dias, de medicamentos para disponibilizar à população a profilaxia pré-hospitalar (tratamento preventivo) a ser dispensado de acordo com a bioética, ou seja, conforme a convicção de cada médico e vontade do paciente. 

Caldas Novas informa ainda que será enviando um Projeto de Lei à Câmara Municipal que autoriza a aquisição de vacinas para o enfrentamento da pandemia da Covid-19.

Retomada da economia 

Na área da economia, o órgão destaca, através do decreto que também irá enviar à Câmara Municipal de Caldas Novas um Projeto de Lei que institui o Programa Facilita Caldas 2021, que cria medidas facilitadoras para que o contribuinte negocie seus débitos com a Fazenda Pública Municipal concedendo até 99% de descontos em juros e multas.

O decreto ainda traz o compromisso de firmar com a Associação Comercial e Industrial de Caldas Novas (ACICAN) uma Parceria Público-Privada, no sentido de ceder um servidor para que auxilie os Empresários, Microempreendedores Individuais (MEIs) e Trabalhadores Autônomos a formalizarem os processos para acessarem as linhas de crédito anunciadas pelo Governo do Estado de Goiás, via GoiásFomento tendo opções de R$ 5 mil a até R$ 50 mil, com carência de seis meses e até 36 meses para pagamento.

by Diario de Goiás

Israel e Nova Zelândia aprovam venda de spray nasal que pode prevenir Covid-19

0

Deputado Federal José Nelto, publicou em suas redes sociais, na manhã desta terça-feira (23/03), notícia bastante animadora no enfrentamento ao Covid-19.

O Deputado disse: “Uma excelente notícia! Produzido pela empresa de biotecnologia canadense SaNOtize, o spray protege os usuários de vírus que entram no corpo através das vias nasais superiores.

Na última semana, a SaNOtize e o Fundo dos Hospitais Ashford e St Peter’s, do Reino Unido, anunciaram os resultados dos testes clínicos do spray, que mostraram que ele é um tratamento antiviral efetivo e que pode ajudar a prevenir a transmissão da Covid-19, diminuir os dias de infecção e reduzir a severidade dos sintomas e danos em pessoas que já estão com a doença”.

Mirassol e Corinthians vão jogar em Volta Redonda

0

Mais cedo, entidade havia suspendido Paulista durante Fase Emergencial

A Federação Paulista de Futebol (FPF) confirmou nesta segunda-feira (22) a partida entre Mirassol e Corinthians, que abre a quinta rodada do Campeonato Paulista, às 21h (horário de Brasília) desta terça-feira (23) no Estádio Raulino de Oliveira em Volta Redonda (RJ). O anúncio foi feito horas depois de a entidade suspender o torneio até o dia 30 de março, devido à impossibilidade de realizar jogos durante a Fase Emergencial do combate à disseminação do novo coronavírus (covid-19) no estado de São Paulo.

Segundo a FPF, o duelo foi marcado após acordo entre Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), governo do estado do Rio de Janeiro e prefeitura de Volta Redonda. O Corinthians informou que a equipe foi nesta segunda à noite para o município fluminense, onde também terá compromisso pela segunda fase Copa do Brasil nesta sexta-feira (26), às 21h30, contra o Retrô-PE. O Mirassol viaja na terça-feira.

“O agendamento da partida segue o conceito de realizar alguns jogos pontuais da competição que haviam sido suspensos pela paralisação das partidas em São Paulo, com o intuito de minimizar os impactos no calendário das equipes mais afetadas com esta situação, especialmente as que já têm compromissos de competições nacionais e internacionais”, diz o comunicado da FPF.

Em nota, a prefeitura de Volta Redonda confirma o duelo entre Mirassol e Corinthians (embora informe o horário como 19h), e menciona a realização de São Bento e Palmeiras, pela terceira rodada do Paulista, às 15h30, no estádio. A mudança desta outra partida ainda não foi ratificada pela FPF. No site oficial, o confronto consta como marcado para o Estádio Independência, em Belo Horizonte, onde ocorreria na quarta-feira passada (17), também devido às restrições em São Paulo. Um dia antes, o governo de Minas Gerais vetou jogos de outros estados em território mineiro e o compromisso foi adiado.

“De acordo com o protocolo [da Ferj], deverá ser feita a testagem em todos os atletas e comissão técnica antes do jogo, aferição de temperatura na chegada ao estádio e disponibilização de álcool gel em todos os ambientes. Além disso, as delegações devem chegar ao estádio no máximo 1h30 antes das partidas e os vestiários serão separados por equipe”, informa o comunicado da prefeitura.

Mais cedo, após uma reunião virtual com os 16 clubes da Série A1 (primeira divisão) do Paulista e representantes dos sindicatos dos Atletas, dos Árbitros e dos Treinadores, a FPF divulgou nota afirmando que o Estadual seguiria a paralisação determinada aos eventos esportivos em São Paulo, sendo retomado a partir do dia 31 e concluído “na data prevista, 23 de maio”. Também conforme o comunicado anterior, os jogos das rodadas afetadas (quinta, sexta e sétima) “serão reagendados e publicados em momento oportuno”.

A interrupção do futebol e de outros eventos esportivos em São Paulo se deu após recomendação do Ministério Público Estadual devido ao avanço da pandemia. Conforme números apresentados nesta segunda pelo Centro de Contingência do Coronavírus, 91,2% dos leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) no estado estão ocupados por pacientes com covid-19.

Edição: Fábio Massalli

Publicado em 22/03/2021 – 21:49 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional  – São Paulo

Com 71 anos, Caiado irá se vacinar contra Covid-19 nesta terça-feira (23)

0

Chegou a vez daqueles que têm mais de 71 anos se imunizarem contra a Covid-19 e com isso, o governador Ronaldo Caiado (DEM) irá se vacinar, nesta terça-feira (23/03), em Goiânia na Área 1 da PUC.

Caiado receberá a primeira dose ainda pela manhã. Ele foi um dos principais defensores do Plano Nacional de Imunização, quando pouco antes da campanha o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) anunciou um cronograma próprio para São Paulo, à parte do divulgado pelo Ministério da Saúde. À época, ambos bateram boca nas redes sociais e também por meio da imprensa. 

Atendimento do próximo público

Goiânia recebeu nesta quarta-feira (22/3) mais 43.600 doses de vacina contra a Covid-19, com isso, vai ampliar a faixa etária de vacinação para pessoas com 71 anos ou mais, sem divisão de letras. Para atender a esse público, as equipes nos nove locais de vacina serão reforçadas e o horário estendido, indo das 8h da manhã às 18h.  Uma outra alteração é que a PUC – Área I também atenderá pedestres.

Para tomar a vacina, o idoso precisa apresentar cópias do RG, CPF e do comprovante de residência na capital. Confira a lista dos locais de vacinação para a próxima semana (23 a 25/3):

Modalidade pedestre:

Região Leste: Escola Municipal Bárbara de Sousa Morais

Endereço: Av. Uruguaiana – Jardim Novo Mundo, Goiânia – GO

Região Sudoeste: Escola Municipal Francisco Matias

Endereço: R. Carlos Gomes – Parque Anhanguera, Goiânia – GO

Região Oeste: Escola Municipal Lions Club Bandeirante.

Endereço: Praça da Bandeira, 200, Quadra 30, Bairro Goiá, Goiânia-GO

Região Noroeste: Escola Municipal Coronel José Viana

Endereço: Rua CM7 – St. Cândida de Morais, Goiânia – GO

Região Sul: Escola Rotary Goiânia Oeste

Endereço: Rua C-118, n. 389, Qd. 238, Lt.19, Jardim América, Goiânia – GO

Região Norte: Escola Municipal Pedro Costa de Medeiros

Endereço: R. Caiapônia, 240 – Jardim Guanabara I, Goiânia

Região Campinas-Centro: Escola Municipal Santa Helena

Endereço: Av. Curitiba, 400 – Vila Paraíso, Goiânia

Modalidade drive-thru:

Drive Thru Shopping Passeio das Águas

Av. Perimetral Norte, 8303 – Fazenda Caveiras, Goiânia. Acesso exclusivo pela entrada da Av. Perimetral

Drive Thru Pontifícia Universidade Católica de Goiás – Área I

R. 235, 722 – Setor Leste Universitário, Goiânia – GO

Drive Thru Shopping do Cerrado

Av. Anhanguera, nº 10790 – Setor Aeroviário, Goiânia – GO.

by Domingos Ketelbey

Publicado por Diário de Goiás

CoronaVac parece segura e cria anticorpos em crianças, diz pesquisa

0
São Paulo - Vacinação contra covid-19 aos profissionais da saúde do Hospital das Clínicas, no Centro de Convenções Rebouças.

Testes preliminares foram apresentados nesta segunda-feira

A CoronaVac, vacina da Sinovac Biotech contra a covid-19 parece ser segura e capaz de provocar reações imunológicas em crianças e adolescentes, conforme resultados preliminares de testes iniciais a intermediários.

A empresa informou nesta segunda-feira (22) que os dados preliminares são de testes clínicos iniciais a intermediários com mais de 500 crianças e adolescentes com idades entre 3 e 17 anos, que receberam duas doses médias ou baixas da vacina ou um placebo.

A maioria das reações adversas foi branda, disse Zeng Gang, pesquisador da empresa, em uma conferência acadêmica em Pequim.

Segundo relatos, duas crianças que receberam a dose menor tiveram febre alta e foram categorizadas como grau 3, disse pesquisador, sem dar detalhes ou especificar as temperaturas.

Os níveis de anticorpos desencadeados pela vacina CoronaVac foram maiores do que aqueles vistos em adultos de 18 a 59 anos e em pessoas idosas em testes clínicos anteriores, disse Zeng na apresentação.

Para crianças de 3 a 11 anos, a dose menor conseguiu induzir reações de anticorpos favoráveis, e a dose média funcionou bem nos jovens de 12 a 17 anos, acrescentou o pesquisador.

Os dados preliminares ainda não foram publicados em um periódico científico analisado pela comunidade científica.

Os testes de estágio avançado da Sinovac no exterior, que avaliam a capacidade da vacina para impedir a covid-19, ainda não incluíram menores de idade.

A empresa também está testando uma terceira dose como mais um reforço em ensaio clínico na China, com os participantes recebendo esta dose cerca de oito meses após receber a segunda.

A Sinovac já forneceu 160 milhões de doses de vacina a 18 países e regiões, incluindo a própria China. Mais de 70 milhões de doses do imunizante já foram aplicadas.

Publicado em 22/03/2021 – 20:31 Por Agência Reuters – Pequim

Novo estudo mostra que vacina da AstraZeneca é segura e eficaz

0
vacina Oxford,AstraZeneca

Estudo envolveu 32 mil voluntários no Chile, Peru e nos Estados Unidos

A vacina contra a covid-19 que a AstraZeneca desenvolveu com a Universidade de Oxford se mostrou 79% eficaz na prevenção de doenças sintomáticas em um grande teste no Chile, no Peru e nos Estados Unidos, informou a empresa nesta segunda-feira (22), o que abre caminho para um pedido de aprovação de uso do imunizante nos EUA.

A Covishield também se mostrou 100% eficaz contra complicações graves ou críticas e hospitalizações e se mostrou segura, disseram os parceiros ainda nesta segunda-feira, ao divulgar os resultados do estudo de estágio avançado em humanos com mais de 32 mil voluntários de todas as faixas etárias.

Os dados darão credibilidade à vacina britânica, depois de estudos de estágio avançado anteriores terem provocado dúvidas sobre a robustez dos dados.

Eles também ajudarão a apaziguar temores de segurança que levaram à suspensão do uso da Covishield na União Europeia depois de um número pequeno de relatos de coágulos sanguíneos raros em pessoas que receberam a vacina.

Depois de interromperem brevemente sua aplicação, muitos países europeus retomaram o uso da vacina em seus programas de inoculação depois que uma agência reguladora regional disse que ela é segura, e vários outros países também estão adotando o imunizante para aumentar a confiança.

Coágulos

Já a AstraZeneca disse que um comitê de segurança independente realizou uma análise específica dos coágulos sanguíneos no teste norte-americano, além de trombose venosa cerebral (TVC), que é um coágulo sanguíneo raro no cérebro, com ajuda de um neurologista independente.

A empresa, listada na bolsa de Londres, disse que o comitê não encontrou “nenhum risco adicional de trombose ou de acontecimentos caracterizados por trombose entre os 21.583 participantes que receberam ao menos uma dose da vacina. A procura específica por TVC não encontrou nenhum acontecimento neste teste”.

“Estes resultados são uma ótima notícia, já que mostram a eficácia notável da vacina em uma nova população e são condizentes com os resultados dos testes liderados pela Oxford”, disse Andrew Pollard, que administra o Grupo de Vacinas de Oxford.

FDA

A AstraZeneca disse que está se preparando para submeter os dados do estudo à Agência de Alimentos e Medicamentos dos EUA (FDA) e para o lançamento do imunizante nos EUA, caso obtenha uma autorização de uso emergencial.

Sarah Gilbert, professora da Universidade de Oxford, disse à rádio BBC que o trabalho de preparação do pedido tomará algumas semanas.

A medição de eficácia ficou acima de uma taxa de cerca de 60%, citada pela agência reguladora da União Europeia em sua recomendação de dezembro.

Publicado em 22/03/2021 – 15:26 Por Ludwig Burger – Repórter da Reuters – Frankfurt

Olimpíada: divulgada data do sorteio dos grupos do torneio de futebol

0

Serão 16 times masculinos e 12 femininos. Sorteio será em 21 de abril

Nesta segunda-feira (22), a Federação Internacional de Futebol (FIFA) divulgou através das redes sociais que fará o sorteio dos grupos do torneio futebol dos Jogos de Tóquio em 21 de abril. Participarão do evento 16 seleções no naipe masculino e 12 na disputa feminina.

A Seleção brasileira já está garantida nos dois torneios. Entre os homens, o Japão como país-sede também está classificado. Alemanha, Espanha, França e Romênia representarão a Europa. Nova Zelândia é a seleção da Oceania. Costa do Marfim, Egito e África do Sul são os africanos. Arábia Saudita, Coreia do Sul e Austrália entrarão na Olimpíada através do Campeonato Asiático. Argentina e Brasil são os classificados da América do Sul. Para fechar os classificados, está acontecendo o Pré-Olímpico das Américas do Norte, Central e Caribe (CONCACAF) em Guadalajara, no México. São oito seleções (México, Estados Unidos, Costa Rica, República Dominicana, Honduras, Canadá, El Salvador e Haiti) na briga por uma das duas vagas.  O torneio masculino acontecerá entre 23 de julho e 8 de agosto.

Na disputa feminina, além do Brasil (campeão da Copa América de 2018) e do Japão (país-sede), a Nova Zelândia já se classificou no Campeonato da Oceania de 2018, Inglaterra, Holanda e Suécia estarão na Olimpíada depois de conquistarem a vaga na Copa do Mundo de 2019, Canadá e Estados Unidos faturaram a vaga na Qualificatório Olímpico da CONCACAF, o time classificado no Pré-Olímpico da África foi  Zâmbia e a Austrália também já está garantida. A vaga veio através do Qualificatório Asiático. China e Coreia do Sul ainda brigam pela última vaga da Ásia e Camarões e Chile, através de um playoff América do Sul/África, definirão a última das 12 seleções do torneio previsto para ocorrer entre 21 de julho e 6 de agosto.

Edição: Marcio Parente

Publicado em 22/03/2021 – 16:07 Por Juliano Justo – Repórter da Tv Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

Rodrigo Pacheco pede pacto nacional para enfrentar pandemia

0
Presidente do Senado, senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG) concede entrevista. Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

Presidente do Congresso Nacional falou na Associação Comercial de SP

O presidente do Congresso Nacional, o senador Rodrigo Pacheco (Democratas), disse hoje (22), durante palestra, na Associação Comercial de São Paulo (ACSP), que negar a pandemia da covid-19 é uma brincadeira de mau gosto, macabra, medieval, abominável  e que não se pode permitir, e por isso é preciso que o país faça um grande pacto nacional entre os presidentes da República, da Câmara, do Senado, do Supremo Tribunal Federal, procurador da República, governadores e prefeitos, para encontrar soluções para a crise sanitária atual.

“Que possamos sentar à mesa e entender que a situação é gravíssima e que precisamos encontrar os pontos de convergência. As divergências sempre existirão, mas que sejam dirimidas da melhor forma possível dentro do que a Constituição determina. Cada qual tem o seu ponto de vista, mas não façamos prevalecer o ponto de vista individual sob o senso comum de urgência e de necessidade de solução desse problemas nacionais que atingem severamente a vida de brasileiros e a economia”, pediu.

Ele disse que é preciso dar exemplo à sociedade brasileira de que é necessário tomar os cuidados e medidas contra o novo coronavírus. Pacheco falou também que o Brasil precisa de ajuda internacional e de um plano de ação coordenado pelo presidente da República e executado pelo Ministério da Saúde. “E com a colaboração de nós todos para passarmos por isso de maneira ‘menos pior’ do que temos enfrentado até agora. Há dois caminhos que podemos seguir em uma pandemia, o da união nacional ou do caos nacional. Cabe a nós com amor ao Brasil escolhermos o melhor caminho”.

Pacheco destacou que em um momento no qual pessoas estão morrendo por conta da covid-19, sem ar, sem atendimento adequado, sem vagas nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) o povo brasileiro continua resiliente e aguardando a solução dos problemas. “O destaque maior nesse enfrentamento da pandemia é para o povo, pacífico, ordeiro, esperançoso, com a maioria obediente às recomendações sanitárias e de isolamento e não será uma minoria desordeira e negacionista que pautará o povo brasileiro neste momento que precisamos de união”.

Ele ressaltou ainda que é preciso buscar a salvação do setor produtivo especialmente dos micro pequenos e médios empresários, reeditando medidas de assistência ao setor, já que neste ano a pandemia tem se mostrado pior do que no ano passado. Para ele é preciso dar condições de prorrogação de pagamento de parcelas de financiamento, diferir o pagamento de impostos e tomar medidas como suspensão do contrato de trabalho. “Estamos cobrando do Ministério da Economia que estabeleça um papel de socorro na crença de que isso agora será temporário porque temos muita expectativa na vacina”, disse.

Edição: Valéria Aguiar

Publicado em 22/03/2021 – 16:11 Por Flávia Albuquerque – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

DF começa a vacinar amanhã idosos com 69, 70 e 71 anos

0
Vacinação drive-thru contra a covid-19 no Parque da Cidade, em Brasília.

Imunização acontece em 47 postos, dos quais 14 são drive-thru

O Distrito Federal começa a vacinar amanhã (22) idosos com 69, 70 e 71 anos contra a covid-19. De acordo com a secretaria de Saúde, a partir das 13h, o grupo pode procurar os 47 pontos de vacinação que estarão disponíveis pela cidade. Do total de postos, 14 operam na modalidade drive-thru, na qual não é necessário sair do carro para ser atendido.

A ampliação da vacinação do grupo prioritário foi decidida ontem (20) pelo comitê local de vacinação, após a chegada de um novo lote de vacinas. A estimativa é imunizar 42,9 mil pessoas nesta nova etapa. Não será necessário fazer agendamento prévio para receber o imunizante.

Segundo a secretaria de Saúde, ainda nesta semana, serão vacinados profissionais de saúde da rede privada. Neste caso, a partir de quinta-feira (25), será necessário fazer o agendamento pelo site. A aplicação das doses começará na sexta-feira (26).

Terão prioridade para receber o imunizante médicos, médicos veterinários, biomédicos, enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos, psicólogos, fonoaudiólogos, odontólogos e assistentes sociais.

Os locais de vacinação podem ser consultados no site da secretaria.

Edição: Denise Griesinger

Publicado em 21/03/2021 – 12:04 Por André Richter – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Beber Água em Jejum! Opinião do Especialista. Dr. Fernando Lemos

0

Em suas redes sociais o Dr. Fernando Lemos deu todos os detalhes da importância de beber água em jejum.

Assista ao vídeo:

Procon multa Apple em R$ 10 milhões por celulares sem carregador

0

Gigante do mercado de celulares é alvo de queixas e abusos de mercado

A Fundação Procon de São Paulo multou a Apple Computer Brasil em R$ 10.546.442,48 pela venda do smartphone iPhone 12 sem o adaptador do carregador de energia – acessório fundamental para o funcionamento do aparelho – e por diversas práticas que desrespeitam o Código de Defesa do Consumidor (CDC). A empresa pode recorrer.

Segundo o Procon, consumidores reclamaram também que smartphones do modelo iPhone 11 Pro – cuja publicidade afirma ser resistente à água – apresentam problemas relacionados à umidade que não são reparados pela empresa. As propagandas do modelo, segundo o órgão de defesa, fazem afirmações como  “resistente à água a até quatro metros por até 30 segundos”, “feito para tomar respingos e até um banho.”

Além disso, o Procon encontrou, na análise do termo de garantia dos produtos, cláusulas abusivas – em uma delas a empresa se isenta de todas as garantias legais e implícitas e contra defeitos ocultos ou não aparentes; em outra, informa que “a Apple não garante que o funcionamento do produto Apple será ininterrupto ou sem erros.”

“A Apple precisa entender que no Brasil existem leis e instituições sólidas de defesa do consumidor. Ela precisa respeitar essas leis e essas instituições”, destacou o diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez.

Em nota, a Apple afirmou que não se manifestará sobre o caso.

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Publicado em 20/03/2021 – 16:51 Por Bruno Bocchini – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

Brasileirão Feminino da série A-1 começará dia 17 de abril

0

Dezesseis equipes disputam a competição

A CBF divulgou, na última sexta-feira (19), a tabela detalhada das oito primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro Feminino A-1. A principal competição do calendário de futebol feminino tem início previsto para o dia 17 de abril.

Dezesseis equipes disputam a competição: Corinthians, atual campeão, Avaí/Kindermann, Palmeiras, São Paulo, Santos, Internacional, Ferroviária, Grêmio, Flamengo, Cruzeiro, São José, Minas Brasília, e as quatro equipes que conquistaram o acesso pela série A-2, Napoli-SC, campeão da segunda divisão, Botafogo, Bahia e Real Brasília.

A primeira fase do Brasileirão feminino será realizada em formato de pontos corridos. As oito melhores equipes avançam para as quartas de final, disputadas em jogos de ida e volta em modelo de mata-mata. Definidos os oito clubes classificados, o campeonato para por conta da realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio, em julho. A fase final está prevista para iniciar em agosto e as finais estão marcadas para 12 e 26 de setembro. 

Confira os jogos da primeira rodada

17 de abril

15h – Internacional x Santos
17h – São Paulo x Grêmio
19h – Corinthians x Napoli-SC

18 de abril

15h – Botafogo x Bahia
15h – São José x Avaí/Kindermann
15h – Flamengo x Minas Brasília
18h – Cruzeiro x Real Brasília
20h – Palmeiras x Ferroviária

Edição: Gustavo Faria

Publicado em 20/03/2021 – 22:15 Por Agência Brasil – Rio de Janeiro

Ter um filho com Down é “enxergar o mundo de outras perspectivas”

0
Henri Zylberstajn e do filho Pedro

Empresário cria projeto de acolhimento a famílias

Enxergar o mundo através de outras perspectivas. É dessa forma que o empresário Henri Zylberstajn se refere, hoje, à experiência de ter um filho com Síndrome de Down. Na avaliação dele, é uma “oportunidade de vida” que acabou modificando para sempre a sua forma de enxergar a paternidade, a inclusão social e, até mesmo, o voluntariado.

Há três anos, quando seu filho caçula, Pedro, nasceu, ele não tinha ideia do que era essa síndrome. “Eu e minha esposa, Marina, fomos pegos de surpresa, já que a informação da síndrome só nos foi dada um dia depois do nascimento. E, por pura falta de informação e falta de oportunidade prévia de convívio com pessoas com condições análogas à do Pedro, eu, inicialmente, achei que era uma coisa ruim”, relembra o empresário. 

Pedro nasceu prematuro e ficou 21 dias na UTI. Durante esse período, Zylberstajn lembra que começou a receber muitas informações e se sentiu menos desamparado. “Pude perceber que tê-lo ao meu lado não era um castigo, não era algo ruim. Pelo contrário, era uma oportunidade de vida, de enxergar o mundo através de outras perspectivas”, destacou.

Do susto à aceitação, veio a promessa: ninguém ia olhar seu filho com os mesmos pré-conceitos que ele teve um dia.

Foi assim que Zylberstajn começou a se envolver na luta de pessoas com necessidades diferenciadas. Para dividir um pouco da jornada da família que, além de Pedro, contava com duas crianças um pouco mais velhas, eles criaram o perfil @pepozylber, no Instagram.

“A partir de então, eu comecei a ter contato com o terceiro setor, virei voluntário de instituições que atuavam com inclusão e acabei, pelo meu envolvimento, pelo alcance do Instagram, e pela vontade que as pessoas também tinham, fundando uma organização não governamental (ONG) que se chama Instituto Serendipidade.”

O nome significa descobertas afortunadas feitas, aparentemente, por acaso.

Inclusão e acolhimento

O propósito do instituto é transformar o olhar da sociedade e torná-lo mais empático ao tema inclusão. Entre iniciativas próprias do instituto está o Projeto Laços, cujo objetivo é fazer a ponte entre quem precisa de ajuda e quem já passou pela experiência de ter um filho atípico e tem muito a ensinar. O projeto capacita pais e mães em um método sistemático de acolhimento, que possa ser medido e repetido, sem deixar de respeitar as individualidades de cada família. 

Henri  Zylberstajn lembra que Pedro nasceu em um hospital de referência em São Paulo e, com isso, a família teve chances de conversar com vários especialistas, entre médicos, enfermeiros e psicólogos. Mas eles só se sentiram realmente acolhidos e conseguiram “virar a chave daquela notícia inesperada”, quando passaram a conversar com pais e mães de crianças com Síndrome de Down e que já tinham passado pela mesma situação.

“O Laços nasceu de uma experiência pessoal, de como é importante receber esse acolhimento de pais de crianças com Síndrome de Down”, disse, destacando a preocupação com famílias em situação de vulnerabilidade social.

O projeto teve início em 2019. O trabalho de acolhimento, que pode durar até um ano, é feito por uma rede de voluntários, conduzida pelas psicólogas Marina Zylberstajn e Claudia Sartori Zaclis e coordenada por Deise Campos e Fernanda Rodrigues.

“O método é o mesmo, tem diretrizes iguais para todos. Agora, cada acolhedor aplica essa metodologia com ajustes necessários à realidade e individualidade de cada família.”

Todos os voluntários são pais e mães de filhos com Síndrome de Down, e o grupo busca a diversidade entre os integrantes reunindo pessoas de todas as regiões do Brasil, de todas as classes sociais, raças e religiões.

“A gente acredita que, quanto maior o nível de identificação da situação e do nível socioeconômico, maior a possibilidade de a gente conseguir, por meio do acolhimento, se colocar no lugar daquela família e oferecer o serviço de uma maneira mais adequada”, disse Zylberstajn.

Mãe de Marina, de quase 2 anos, Érika Ramos afirma que participar do projeto deu a ela uma outra dimensão sobre a vida e os próximos passos. “Foi um divisor de águas para mim. No primeiro atendimento, fiquei três horas com a minha acolhedora ao telefone. Eu estava muito confusa e ela me ajudou bastante”, afirmou.

Segundo a voluntária Hadla Issa, que já deu suporte a três famílias, o atendimento varia, mas a vontade de acolher, não. “Umas [mães] me perguntam sobre assuntos práticos, outras me ligam quando estão tristes. Sou uma pessoa que sabe ouvi-las. Afinal, estamos na mesma”, declarou.

Hoje, o Projeto Laços tem uma equipe de 31 pais e mães voluntários no Brasil inteiro, que atendeu, ao longo dos últimos 18 meses, mais de 150 famílias brasileiras e do mundo. “Como os atendimentos hoje são todos online, a gente tem famílias do Canadá, da Austrália, da Espanha.”

Outras síndromes

Há cinco meses, o escopo do projeto foi ampliado e os voluntários passaram a atender famílias cujos filhos foram diagnosticados com outras síndromes e, até mesmo, com doenças raras. Na lista de casos atendidos estão a Síndrome de Williams, Síndrome de Prader Willi, Síndrome de Cornélia de Lange, paralisia cerebral, entre outras.

Uma das pessoas a receber o atendimento do projeto foi Fabíola Brandt Arrais de Sá, moradora de Recife, cujo filho, Miguel, foi diagnosticado com Síndrome de Williams [que tem impacto no desenvolvimento comportamental, cognitivo e motor] aos quatro meses.

“Descobri que era uma condição muito rara, só há registro de 1.200 casos no Brasil. Me senti perdida, mas o Projeto Laços me permitiu conhecer outra mãe que já tinha enfrentado tudo isso. No primeiro acolhimento, ela me contou sua experiência e não me senti mais só. Pude ver que a vida é cheia de possibilidades. Ela me ajudou a enxergar que meu bebê vai ter limitações, mas que há um caminho possível”, disse Fabíola  que recebeu o acolhimento de uma mãe de São Paulo.

Mãe de Isabela, uma jovem de 19 anos que nasceu com Síndrome de Rubinstein, a paulistana Flávia Piza decidiu se tornar uma voluntária do projeto. Ela espera dar a outras famílias o acolhimento que não recebeu. “Acho que passarei uma experiência mais empática para os pais que tiverem uma criança com a mesma síndrome. Eu sei exatamente o que o outro está sentindo. Os médicos, por melhor que sejam, não têm a mesma conexão”, afirmou.

Para se tornar voluntário do Projeto Laços, é preciso passar por um treinamento de três dias. O objetivo da capacitação de pais acolhedores é multiplicar o conhecimento e tornar os voluntários aptos para a escuta.

Os interessados podem entrar em contato por meio do site do Instituto Serendipidade. O Projeto Laços é gratuito e conta com o apoio do hospital Israelita Albert Einstein.

Edição: Lílian Beraldo

Publicado em 21/03/2021 – 08:15 Por Alana Gandra – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Primeira repórter com Down diz que sonha em entrevistar o rei Roberto

0
A repórter da TV Brasil Fernanda Honorato

Bate-papo com a cantora Ivete Sangalo também está nos planos

Primeira repórter com síndrome de Down do Brasil, Fernanda Honorato se orgulha de estar à frente das câmeras há 15 anos e afirma que seu papel é levar informação de qualidade para pessoas com deficiência.

“Eu me orgulho muito de apresentar e trazer informações para pessoas com várias deficiências”, afirma Fernanda, que é repórter do Programa Especial, da TV Brasil, e já teve sua história contada na Itália. “Aquilo me marcou muito.”

Fernanda lembra que foi convidada para fazer um teste como repórter do programa depois de ter entrevistado, meio que por brincadeira, pais de jovens com alguma deficiência durante uma noite em que ela se divertia com amigos.

À época, Fernanda era rainha de bateria da organização não governamental (ONG) Projeto de Samba Mestre Robson para pessoas especiais. “Naquele dia, eu nem quis sambar. Já peguei o microfone e saí entrevistando pais de alguns amigos meus. Eu me dei tão bem que eles me contrataram para fazer a repórter”. O teste ficou guardado na TV Brasil e só foi ao ar no segundo programa.

Atualmente, Fernanda Honorato é rainha de bateria da organização social Embaixadores da Alegria, a primeira escola de samba voltada a pessoas com deficiência, que desfila no Sambódromo do Rio abrindo o grupo especial. “Essa escola é totalmente inclusiva.”

Sonho

Acostumada aos holofotes e a conversar com celebridades, Fernanda afirma que seu grande sonho é entrevistar o “rei” Roberto Carlos. “Eu tenho tanto para te falar, mas com palavras, não sei dizer, como é grande o meu amor por você”, cantarolou, durante a entrevista à Agência Brasil, destacando que sabe decoradas as canções de que mais gosta do ídolo.

Também na lista de desejos, está um bate-papo com a cantora Ivete Sangalo – “aquela baiana arretada, que eu adoro de paixão também”, definiu Fernanda.

Entrevistas marcantes

Durante os 15 anos como repórter, Fernanda afirma que a entrevista mais marcante da carreira foi com a cantora Maria Bethânia. “A Bethânia é um amor de pessoa.”

Ela destaca também as entrevistas que fez com Chico Buarque, Zezé de Camargo e Luciano, Daniel e o sambista Diogo Nogueira. “Eu estou sempre com ele na minha Portela”, afirmou, referindo-se a Diogo e ao Grêmio Recreativo Escola de Samba Portela.

“Chefa”

Fernanda conta que tem um carinho especial por sua “chefa” na televisão, a diretora do Programa Especial Ângela Patrícia Reiniger. “Ela acreditou no meu potencial e no meu ponto de vista. Ela sabe tirar o melhor de mim.”

A nova temporada do Programa Especial estreou ontem (20) destacando, no primeiro episódio, a carreira de Fernanda, suas entrevistas e coberturas especiais, como a das Paralimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016. Na edição, a repórter conversa também com a psicopedagoga Alessandra Almeida, autora do livro Downadinha, inspirado na história da filha, Clarice, que tem síndrome de Down.

De acordo com a diretora Angela Reiniger, a temporada trará uma nova série de entrevistas de Fernanda sobre atividades artísticas. O Programa Especial é dedicado à inclusão das pessoas com deficiência e vai ao ar todos os sábados, às 9h30, na TV Brasil (veja como sintonizar).

O Dia Internacional da síndrome de Down foi proposto pela Down Syndrom International e é celebrado no dia 21 de março desde 2006. A data (21/03 ou 3-21) foi escolhida como alusão à trissomia 21. A síndrome de Down é um distúrbio genético causado quando uma divisão celular anormal resulta em material genético extra do cromossomo 21.

Edição: Lílian Beraldo

Publicado em 21/03/2021 – 08:30 Por Alana Gandra – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Nascidos em abril podem atualizar dados no Caixa Tem

0

Procedimento pode ser feito totalmente pelo celular

Às vésperas de retomar o pagamento do auxílio emergencial, a Caixa Econômica Federal convida os usuários do Caixa Tem a atualizar os dados cadastrais no aplicativo. Clientes nascidos em abril podem fazer o procedimento a partir de hoje (20).

A atualização é feita inteiramente pelo celular, bastando o usuário seguir as instruções do aplicativo, usado para movimentar as contas poupança digitais. Segundo a Caixa, o procedimento pretende trazer mais segurança para o recebimento de benefícios e prevenir fraudes.

Ao entrar no aplicativo, o usuário deve acessar a conversa “Atualize seu cadastro”. Em seguida, é necessário enviar uma foto (selfie) e os documentos pessoais (identidade, CPF e comprovante de endereço).

O calendário de atualização seguirá um cronograma escalonado, conforme o mês de nascimento dos clientes. O cronograma começou no último domingo (14) para os nascidos em janeiro e encerrará em 31 de março, para os nascidos em dezembro.

Confira o cronograma completo abaixo:

Mês de nascimento Data de atualização
Janeiro 14/3 (domingo)
Fevereiro 16/3 (terça)
Março 18/3 (quinta)
Abril 20/3 (sábado)
Maio 22/3 (segunda)
Junho 23/3 (terça)
Julho 24/3 (quarta)
Agosto 25/3 (quinta)
Setembro 26/3 (sexta)
Outubro 29/3 (segunda)
Novembro 30/3 (terça)
Dezembro 31/3 (quarta)

No ano passado, a Caixa abriu mais de 105 milhões de contas poupança digitais, das quais 35 milhões para brasileiros que nunca tiveram contas em banco. Além do auxílio emergencial, o Caixa Tem foi usado para o pagamento do saque emergencial do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda.

Uma lei sancionada no fim de outubro autorizou a ampliação do uso das contas poupança digitais para o pagamento de outros benefícios sociais e previdenciários. Desde dezembro, os beneficiários do Bolsa Família e do abono salarial passaram a receber por essa modalidade.

Edição: Valéria Aguiar

Publicado em 20/03/2021 – 09:18 Por Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Rodrigo Pacheco solicita vacinas estocadas à vice-presidente dos EUA

0

Em ofício, senador pediu ajuda para acelerar vacinação no Brasil

O presidente do Congresso, senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), pediu à vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris, o envio de vacinas estocadas no país e sem previsão de uso para a população norte-americana. O ofício foi enviado à vice-presidente porque ela acumula a função de presidente do Senado.

No documento, Pacheco pediu que “seja autorizada, pelas autoridades norte-americanas competentes, a eventual concessão de autorização especial que permita a aquisição, pelo governo brasileiro, de doses de vacina estocadas nos EUA e ainda sem a previsão de serem utilizadas localmente”. O presidente do Congresso afirmou que o auxílio “daria impulso decisivo ao esforço de imunização dos 210 milhões de brasileiros.”

Pacheco destacou ainda que os dois países têm sido os mais atingidos pela pandemia, ao mesmo tempo em que elogiou a administração do presidente democrata Joe Biden. “Com mais de 100 milhões de doses de vacina já aplicadas, a nova administração transformou os EUA em um caso de sucesso”. O senador também relatou esforços do Brasil na contenção da pandemia, como a produção de vacinas pelas brasileiras Fiocruz e Butantan.

Em redes sociais, Pacheco divulgou o pedido feito à autoridade dos EUA. “Solicitei, nesta sexta-feira, aos Estados Unidos, por meio de ofício enviado à vice-presidente Kamala Harris, pedido de socorro ao Brasil nas ações de combate à pandemia da Covid-19”, disse.

https://twitter.com/rpsenador?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1373029698591199232%7Ctwgr%5E%7Ctwcon%5Es1_&ref_url=https%3A%2F%2Fagenciabrasil.ebc.com.br%2Fpolitica%2Fnoticia%2F2021-03%2Frodrigo-pacheco-solicita-vacinas-estocadas-vice-presidente-dos-eua

Publicado em 19/03/2021 – 23:03 Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Após internação por covid-19, ex-lateral Branco tem piora e é intubado

0

Campeão mundial em 1994 está hospitalizado no RJ desde a última quarta

Campeão mundial pela seleção brasileira de futebol em 1994, o ex-lateral Branco precisou ser intubado na unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Copa Star, na zona sul do Rio de Janeiro, após piora da covid-19. Segundo o último boletim médico, divulgado nesta sexta-feira (19), o ex-jogador, atualmente com 56 anos, teve “piora clínica” na noite de ontem (18) e necessitou “de ventilação mecânica por aparelhos”. Branco deu entrada no hospital na noite da última quarta (17).

Ainda conforme o boletim, o ex-atleta e atual coordenador das seleções masculinas de base na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) está “sob monitoração contínua, sedado” e o quadro “está evoluindo de maneira estável nas últimas 24h”, sem previsão “de quando vai poder respirar por meios próprios”. 

No início de março, Branco integrou o grupo da seleção sub-18 que realizou uma etapa de preparação no centro de treinamento do clube pernambucano Retrô, em Recife, finalizada há duas semanas. No retorno, alguns membros da delegação testaram positivo para a covid-19, entre eles, o ex-lateral.

Na Copa de 1994, o ex-jogador entrou para a história do futebol nacional ao selar a vitória do país sobre a Holanda, por 3 a 2, com um gol de falta, colocando a seleção canarinho nas semifinais. Anteriormente, Branco já havia  defendido o Brasil nas edições de 1986 e 1990. No país, destacou-se atuando por Internacional e Fluminense, passando também em Grêmio, Corinthians e Flamengo. Na Europa, foi jogador de Brescia, Genoa (ambos Itália) e Porto (Portugal) O ex-lateral se despediu dos gramados em 1998, pelo Tricolor carioca.

Confira o boletim médico:

“O paciente Claudio Ibraim Vaz Leal, 56 anos, também conhecido como Branco, foi internado no Hospital Copa Star em 16 de março com quadro grave de acometimento pulmonar por covid-19. Recebeu toda assistência intensiva de suporte respiratório-fisioterápico e medicamentosa, evoluindo ontem com piora clínica, necessitando de ventilação mecânica por aparelhos. No momento, encontra-se em leito de terapia intensiva, sob monitorização contínua, sedado e respirando por aparelhos. O quadro está evoluindo de maneira estável nas últimas 24h e ainda não há previsão de quando vai poder respirar por meios próprios.

Dr. João Pantoja – Médico Assistente e Diretor Geral do Copa Star

Dr. Bruno Celoria – Diretor Técnico do Copa Star”

Publicado em 19/03/2021 – 16:46 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional – São Paulo

Brasil receberá primeiro lote de vacinas da Covax Facility

0

Mais de um milhão de doses chegam no domingo

O Brasil vai receber neste domingo (21) o primeiro lote de vacinas contra a covid-19 provenientes do consórcio Covax Facility. Serão 1.022.400 doses que chegarão ao país às 18h. A chegada das vacinas foi confirmada pela representante da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) no Brasil, Socorro Galiano.

Galiano enviou hoje (19) uma carta ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. “É com satisfação que informamos que o primeiro embarque, referente a 1.022.400 doses da vacina contra COVID-19, adquiridas através do mecanismo COVAX, chegará ao Brasil no dia 21 de março de 2021”, disse na carta. 

A representante da Opas/OMS no Brasil informou que 90% das doses têm vencimento em 31 de maio de 2021 e as demais 10% em 30 de abril de 2021. A Covax Facility é uma aliança internacional da Organização Mundial da Saúde que tem como principal objetivo acelerar o desenvolvimento e a fabricação de vacinas contra a covid-19. Trata-se de um consórcio internacional com o objetivo de garantir acesso igualitário à imunização.

A Covax Facility é uma plataforma colaborativa, subsidiada pelos países-membros, que também visa possibilitar a negociação de preços dos imunizantes. De acordo com o comunicado do consórcio, a projeção é que sejam enviadas 330 milhões de doses das vacinas da Pfizer/BioNTech e Oxford/AstraZeneca na primeira metade de 2021 para 145 países integrantes da aliança, que reúne mais de 150 nações.

Edição: Fernando Fraga

Publicado em 19/03/2021 – 15:34 Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Petrobras anuncia redução do preço da gasolina nas refinarias

0
Edifício sede da Petrobras na Avenida Chile, centro da cidade.

O reajuste começa a valer a partir de amanhã

A Petrobras anunciou hoje (19) que o preço médio da gasolina em suas refinarias terá redução de R$ 0,14 por litro, o que representa uma queda de 4,95%. O reajuste começa a valer a partir de amanhã (20). O preço médio do combustível ficará em R$ 2,69 por litro. O diesel não sofre alteração, permanecendo em R$ 2,86 por litro.

O impacto do reajuste nas refinarias, porém, não repercute de forma imediata no custo da gasolina nos postos de combustível. De acordo com nota divulgada pela estatal, as variações para mais ou para menos estão associadas ao mercado internacional e à taxa de câmbio e têm influência limitada sobre o valor repassado aos consumidores finais.

“Como a legislação brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, a mudança no preço final dependerá de repasses feitos por outros integrantes da cadeia de combustíveis. Até chegar ao consumidor são acrescidos tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de etanol anidro, além das margens brutas das companhias distribuidoras e dos postos revendedores de combustíveis”, diz a nota.

Esta é a primeira redução anunciada em 2021. Desde janeiro, o preço médio da gasolina já havia sofrido seis aumentos. Com o novo anúncio, o combustível passa a acumular alta de R$ 46,2% desde o início do ano. Já o diesel subiu 41,6%.

A sequência de aumentos gerou críticas públicas do presidente Jair Bolsonaro. No mês passado, ele anunciou mudança no comando da Petrobras, indicando general Joaquim Silva e Luna para a presidência. Ele deverá substituir Roberto Castello Branco, cujo mandato se encerra amanhã (20). O anúncio da troca gerou queda nas ações da empresa.

Na terça-feira (16), o Comitê de Pessoas da Petrobras considerou que Luna preenche os requisitos legais para a indicação e o considerou apto para exercer o cargo. O general precisa ainda ser eleito em assembleia geral dos acionistas convocada para o dia 12 de abril. Em seguida, seu nome deve ser aprovado pelo Conselho de Administração da estatal, composto por 11 membros. Sete deles são indicados pela União que é a acionista majoritária, três pelos demais acionistas e um pelos empregados.

Edição: Valéria Aguiar

Publicado em 19/03/2021 – 15:35 Por Léo Rodrigues – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Condenação por contratação de assessoria contábil e jurídica

0

MP-GO requer cumprimento de sentença que condenou ex-presidente da Câmara de Bela Vista

A condenação refere-se à contratação, em janeiro de 2009, da empresa, pela Câmara, com inexigibilidade de licitação, para assessoria contábil e assessoria jurídica.

O Ministério Público de Goiás (MP-GO), por intermédio da 1ª Promotoria de Justiça de Bela Vista de Goiás, requereu o cumprimento da sentença, proferida em ação civil pública (ACP) por atos de improbidade administrativa, que condenou Eliézer Divino Fernandes Machado Borges, Amarildo Domingos Cardoso e Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda., ao ressarcimento ao erário, entre outras sanções, dos valores pactuados em dois contratos firmados com a Câmara Municipal da cidade. Conforme explica o promotor de Justiça Augusto Henrique Moreno Alves, a condenação refere-se à contratação, em janeiro de 2009, da empresa, pela Câmara, com inexigibilidade de licitação, para assessoria contábil e assessoria jurídica.

Eliézer Divino Fernandes Machado, então presidente da Câmara Municipal de Bela Vista de Goiás, contratou a Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda., para prestação de serviços, por R$ 77.760,00, parcelados em 12 vezes. Já com o advogado Amarildo Domingos Cardoso, o contrato, também por 12 meses, chegou ao valor total de R$ 68.880,00, com pagamento mensal de R$ 5.740,00.

O MP-GO ingressou com a ACP, que foi julgada procedente pelo juiz Paulo Afonso de Amorim Filho em 18 de maio de 2018, condenando os três a devolver os valores pactuados pela prestação de serviços. O magistrado também determinou a nulidade dos contratos, pagamento de multa civil correspondente a duas vezes o valor do dano ao erário, bem como suspensão dos direitos políticos e proibição, pelo período de cinco anos, de contratar ou receber benefícios do poder público.

Valores

O ex-presidente da Câmara Municipal interpôs apelação no Tribunal de Justiça de Goiás, que lhe negou provimento. A decisão transitou em julgado (quando não há mais possibilidade de recorrer) em 10 de agosto de 2020, após a negativa de seguimento do recurso especial.

De acordo com os cálculos apresentados pelo MP-GO, Eliézer Divino Fernandes Machado terá de devolver R$ 1.515.517,47 –, pelos contratos de advocacia e contabilidade anulados; R$ 505.172,49 pelo dano ao erário e R$ 1.010.344,98 de multa civil correspondente a duas vezes o dano ao erário. Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda. terá de devolver R$ 1.106.956,98 – R$ 368.985,66 de dano ao erário e R$ 737.971,32 de multa civil. Amarildo Domingos Cardoso terá de devolver R$ 408.560,49 – R$ 136.186,83 de dano ao erário e R$ 272.373,66 de multa civil. (Texto: João Carlos de Faria/Foto: João Sérgio – Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

Condenação por contratação de assessoria contábil e jurídica

0

MP-GO requer cumprimento de sentença que condenou ex-presidente da Câmara de Bela Vista

A condenação refere-se à contratação, em janeiro de 2009, da empresa, pela Câmara, com inexigibilidade de licitação, para assessoria contábil e assessoria jurídica.

O Ministério Público de Goiás (MP-GO), por intermédio da 1ª Promotoria de Justiça de Bela Vista de Goiás, requereu o cumprimento da sentença, proferida em ação civil pública (ACP) por atos de improbidade administrativa, que condenou Eliézer Divino Fernandes Machado Borges, Amarildo Domingos Cardoso e Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda., ao ressarcimento ao erário, entre outras sanções, dos valores pactuados em dois contratos firmados com a Câmara Municipal da cidade. Conforme explica o promotor de Justiça Augusto Henrique Moreno Alves, a condenação refere-se à contratação, em janeiro de 2009, da empresa, pela Câmara, com inexigibilidade de licitação, para assessoria contábil e assessoria jurídica.

Eliézer Divino Fernandes Machado, então presidente da Câmara Municipal de Bela Vista de Goiás, contratou a Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda., para prestação de serviços, por R$ 77.760,00, parcelados em 12 vezes. Já com o advogado Amarildo Domingos Cardoso, o contrato, também por 12 meses, chegou ao valor total de R$ 68.880,00, com pagamento mensal de R$ 5.740,00.

O MP-GO ingressou com a ACP, que foi julgada procedente pelo juiz Paulo Afonso de Amorim Filho em 18 de maio de 2018, condenando os três a devolver os valores pactuados pela prestação de serviços. O magistrado também determinou a nulidade dos contratos, pagamento de multa civil correspondente a duas vezes o valor do dano ao erário, bem como suspensão dos direitos políticos e proibição, pelo período de cinco anos, de contratar ou receber benefícios do poder público.

Valores

O ex-presidente da Câmara Municipal interpôs apelação no Tribunal de Justiça de Goiás, que lhe negou provimento. A decisão transitou em julgado (quando não há mais possibilidade de recorrer) em 10 de agosto de 2020, após a negativa de seguimento do recurso especial.

De acordo com os cálculos apresentados pelo MP-GO, Eliézer Divino Fernandes Machado terá de devolver R$ 1.515.517,47 –, pelos contratos de advocacia e contabilidade anulados; R$ 505.172,49 pelo dano ao erário e R$ 1.010.344,98 de multa civil correspondente a duas vezes o dano ao erário. Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda. terá de devolver R$ 1.106.956,98 – R$ 368.985,66 de dano ao erário e R$ 737.971,32 de multa civil. Amarildo Domingos Cardoso terá de devolver R$ 408.560,49 – R$ 136.186,83 de dano ao erário e R$ 272.373,66 de multa civil. (Texto: João Carlos de Faria/Foto: João Sérgio – Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

Condenação por contratação de assessoria contábil e jurídica

0

A condenação refere-se à contratação, em janeiro de 2009, da empresa, pela Câmara, com inexigibilidade de licitação, para assessoria contábil e assessoria jurídica.

O Ministério Público de Goiás (MP-GO), por intermédio da 1ª Promotoria de Justiça de Bela Vista de Goiás, requereu o cumprimento da sentença, proferida em ação civil pública (ACP) por atos de improbidade administrativa, que condenou Eliézer Divino Fernandes Machado Borges, Amarildo Domingos Cardoso e Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda., ao ressarcimento ao erário, entre outras sanções, dos valores pactuados em dois contratos firmados com a Câmara Municipal da cidade. Conforme explica o promotor de Justiça Augusto Henrique Moreno Alves, a condenação refere-se à contratação, em janeiro de 2009, da empresa, pela Câmara, com inexigibilidade de licitação, para assessoria contábil e assessoria jurídica.

Eliézer Divino Fernandes Machado, então presidente da Câmara Municipal de Bela Vista de Goiás, contratou a Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda., para prestação de serviços, por R$ 77.760,00, parcelados em 12 vezes. Já com o advogado Amarildo Domingos Cardoso, o contrato, também por 12 meses, chegou ao valor total de R$ 68.880,00, com pagamento mensal de R$ 5.740,00.

O MP-GO ingressou com a ACP, que foi julgada procedente pelo juiz Paulo Afonso de Amorim Filho em 18 de maio de 2018, condenando os três a devolver os valores pactuados pela prestação de serviços. O magistrado também determinou a nulidade dos contratos, pagamento de multa civil correspondente a duas vezes o valor do dano ao erário, bem como suspensão dos direitos políticos e proibição, pelo período de cinco anos, de contratar ou receber benefícios do poder público.

Valores

O ex-presidente da Câmara Municipal interpôs apelação no Tribunal de Justiça de Goiás, que lhe negou provimento. A decisão transitou em julgado (quando não há mais possibilidade de recorrer) em 10 de agosto de 2020, após a negativa de seguimento do recurso especial.

De acordo com os cálculos apresentados pelo MP-GO, Eliézer Divino Fernandes Machado terá de devolver R$ 1.515.517,47 –, pelos contratos de advocacia e contabilidade anulados; R$ 505.172,49 pelo dano ao erário e R$ 1.010.344,98 de multa civil correspondente a duas vezes o dano ao erário. Marcca Pública – Marcos Contabilidade Comunicação e Assessoria Ltda. terá de devolver R$ 1.106.956,98 – R$ 368.985,66 de dano ao erário e R$ 737.971,32 de multa civil. Amarildo Domingos Cardoso terá de devolver R$ 408.560,49 – R$ 136.186,83 de dano ao erário e R$ 272.373,66 de multa civil. (Texto: João Carlos de Faria/Foto: João Sérgio – Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

Nasa completa teste de foguete que pode levar humanos de volta à Lua

0
Eclipse parcial da lua

Último astronauta a caminhar na Lua foi Eugene Cernan, em 1972

 A Nasa finalizou nesta quinta-feira (18) um teste de oito minutos dos motores de um foguete construído pela Boeing para as missões Artemis, que têm o objetivo de levar de volta astronautas à Lua até 2024, mais de meio século depois da última caminhada lunar.

A Nasa conduziu teste de fogo e calor do núcleo do foguete Sistema de Lançamento Espacial (SLS, na sigla em inglês) para simular um lançamento e disparar os motores enquanto o veículo estava ancorado em uma torre no Centro Espacial Stennis, no Estado norte-americano do Mississippi. 

Os quatro motores RS-25 rugiram e se acenderam pelo tempo de duração do teste e preencheram os arredores e o céu com nuvens de fumaça branca. Depois que os motores foram desligados, foi possível escutar os funcionários da Nasa aplaudindo na transmissão ao vivo em vídeo. 

Um teste anterior em janeiro foi encerrado após cerca de um minuto – tempo muito inferior aos quatro minutos necessários para que os engenheiros coletassem dados suficientes.

A Nasa almeja levar novamente os astronautas norte-americanos até a Lua até 2024, mas o programa SLS está três anos atrasado e com o orçamento estourado em quase 3 bilhões de dólares. O último astronauta a caminhar na Lua foi Eugene Cernan, em dezembro de 1972. 

O Sistema de Lançamento Espacial deve ir agora ao Centro Espacial Kennedy, na Flórida, para integração com a espaçonave Orion, da Lockheed Martin Corp.

Publicado em 18/03/2021 – 22:34 Por Agência Reuters – Chicago (EUA)

Parceria com a Rússia colocará nanossatélite brasileiro em órbita

0

Lançamento será na madrugada deste sábado

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação lançará, na madrugada deste sábado (20), o nanossatélite brasileiro NanoSatC-Br2. O lançamento – feito em parceria com a agência aeroespacial russa Roscosmos – ocorrerá a partir do Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão.

O equipamento brasileiro será posto em órbita por um foguete Soyuz-2.1A – o mesmo usado nos últimos três lançamentos realizados em Baikonur. 

Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o pequeno NanoSatC-Br2 – que pesa apenas 1,7 kg – terá como objetivo estudar o campo magnético da Terra e a influência de partículas de energia sobre o Brasil. O principal foco do NanoSatC-Br2 será o de viabilizar estudos e análises acadêmicas nos campos de engenharia, tecnologia espacial, geofísica e aeronomia (ciência que estuda as camadas superiores da atmosfera).

“Os alunos vão ajudar na operação do nanossatélite. O contato principal é depois deo equipamento lançado. Eles vão obter os dados científicos que estão chegando à Terra. O fato de os alunos terem esse contato na graduação é fantástico porque eles conhecem como funcionam o mercado de satélite e todo o processo que envolve a fabricação e aquisição de equipamentos, lançamento e operação dele no espaço”, afirmou o  professor de engenharia aeroespacial da Universidade Federal de Santa Maria, Eduardo Escobar Bürger.

De acordo com nota publicada pelo Inpe sobre o lançamento do NanoSatC-Br2, o desenvolvimento e o custo do lançamento são considerados baixos em relação a outras missões espaciais, como a que lançou o primeiro satélite 100% desenvolvido por brasileiros, o Amazonia-1, ao espaço.

“O satélite tem quatro objetivos. O científico, o tecnológico, o educacional – que é a participação dos alunos em todas as fases do ciclo de vida [do equipamento] – como também a missão dos radioamadores, que vão enviar sinais para o satélite, que por sua vez repetirá o sinal de volta”, explicou o professor Bürger.

O lançamento do NanoSatC-Br2 ocorrerá às 3h07 deste sábado (20) e terá transmissão ao vivo da TV Brasil e da Agência Brasil, que também poderá ser acompanhada pelas redes sociais da EBC.

Edição: Graça Adjuto

Publicado em 19/03/2021 – 06:00 Por Pedro Ivo de Oliveira – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Com retorno de estrelas, Flamengo enfrenta Resende no Carioca

0
Marcelo Cortes

Rádio Nacional transmite partida ao vivo

O Flamengo recebe o Resende, nesta sexta-feira (19) a partir das 21h (horário de Brasília) no estádio do Maracanã. A partida abre a 4ª rodada no Campeonato Carioca. Vindo de uma derrota no clássico contra o Fluminense por 1 a 0, o Rubro-Negro é o 3º colocado da Taça Guanabara, com seis pontos em três jogos. Enquanto isso, o Gigante do Vale, que vem de um empate em 0 a 0 com o Madureira, é o 7º, com quatro. A Rádio Nacional transmite o confronto ao vivo.

A expectativa da torcida é que o técnico Rogério Ceni coloque em campo uma equipe mais fortalecida, com jogadores que tiveram participação na conquista do título do Brasileiro no final de fevereiro. Atletas como Pedro, Vitinho, Léo Pereira, Renê e Hugo Souza estão entre os relacionados. Também existe a possibilidade de o zagueiro Bruno Viana, contratado por empréstimo junto ao Braga (Portugal), fazer a estreia com a camisa do Flamengo.

Desta forma, a equipe que deve ir a campo é: Hugo Souza; Matheuzinho, Bruno Viana, Léo Pereira e Renê; Hugo Moura, Gomes e Pepê; Michael, Vitinho e Pedro.

Por outro lado, o Resende, do técnico Sandro Sargentim, deve ir a campo com a seguinte formação: Fraga; Thiago Ryan, Grasson, Marcão e Jeanderson; Guioto, Derli, Jean Deretti e Matheus Bastos; Nunes e Jefinho.

Publicado em 19/03/2021 – 09:00 Por Juliano Justo – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

Butantan disponibiliza mais 2 milhões de doses da vacina CoronaVac

0

Esta é terceira entrega do imunizante contra a covid-19 nesta semana

O Instituto Butantan fez hoje (19) a terceira entrega em uma semana de vacinas para combate ao novo coronavírus. O lote enviado ao Ministério da Saúde para ser usado no Programa Nacional de Imunizações tem mais 2 milhões de doses de CoronaVac, a vacina desenvolvida em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

Ao longo da semana, já haviam sido enviados outros 5,3 milhões de doses do imunizante. Até o momento, o Butantan já disponibilizou 24,6 milhões de doses da vacina para ser aplicada em todo o país. O cronograma prevê que até o final de abril o instituto entregue 46 milhões de doses.

O último balanço do governo estadual contabiliza 4,3 milhões de pessoas vacinadas em São Paulo, sendo que quase 1,2 milhões já receberam as duas doses do imunizante. A partir de hoje (19) o estado começa a vacinar os idosos entre 72 e 74 anos.

Publicado em 19/03/2021 – 09:29 Por Daniel Mello – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

Presidente da GoiásFomento será o entrevistado de hoje (17/03) no Jornal da Rio

0

Dr. Hamilton Roseiro e Washington Luiz estarão entrevistando hoje, quarta-feira, (18/03), o Presidente da Goiás Fomento, Rivael Aguiar que também vai responder perguntas de ouvintes e comerciantes de Pires do Rio e região que serão feitas através do telefone e redes sociais da emissora.

A Goiás Fomento tem sido grande aliada dos empreendedores, comerciantes e empresários, são linhas de crédito, empréstimos, orientações e uma série de ações voltadas para fortalecimento e gerencia de negócios que giram nossa economia gerando renda e emprego.

Rivael Aguiar é presidente da GoiásFomento desde  09 de julho de 2019.

É gestor Fazendário. Formado em Matemática pela Universidade Federal de Goiás, com MBA em Mercado de Capitais.

Ocupou a Gerência de Planejamento Financeiro e Captação de Recursos da Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás por sete anos.

Ocupou a Superintendência de Gestão de Resultados da Secretaria de Gestão e Planejamento de Goiás por dois anos e sete meses.

Atuou na Secretaria da Saúde do Estado de Goiás na Assessoria de Gestão das Parcerias com Organizações Sociais em 2014.

Trabalhou na Prefeitura Municipal de Senador Canedo na Assessoria de Planejamento e Gestão.

Ocupou a Superintendência de Gestão, Planejamento e Finanças da Secretaria da Educação do Estado de Goiás por três anos e quatro meses.

Ocupou a Secretaria Executiva do Conselho de Esporte e Lazer da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte por cinco meses.

Ampla experiência em políticas públicas, especialmente nas áreas de finanças públicas, projetos de modernização, análises financeiras e gestão financeira.

Em setembro do ano passado foi eleito diretor da Associação Brasileira de Desenvolvimento (ABDE), para complementação do mandato de 2019-2021 da entidade.

Presidente da GoiásFomento será o entrevistado de hoje (15/03) no Jornal da Rio

0

Dr. Hamilton Roseiro e Washington Luiz estarão entrevistando hoje (15/03), o Presidente da Goiás Fomento, Rivael Aguiar que também vai responder perguntas de ouvintes e comerciantes de Pires do Rio e região que serão feitas através do telefone e redes sociais da emissora.

A Goiás Fomento tem sido grande aliada dos empreendedores, comerciantes e empresários, são linhas de crédito, empréstimos, orientações e uma série de ações voltadas para fortalecimento e gerencia de negócios que giram nossa economia gerando renda e emprego.

Rivael Aguiar é presidente da GoiásFomento desde  09 de julho de 2019.

É gestor Fazendário. Formado em Matemática pela Universidade Federal de Goiás, com MBA em Mercado de Capitais.

Ocupou a Gerência de Planejamento Financeiro e Captação de Recursos da Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás por sete anos.

Ocupou a Superintendência de Gestão de Resultados da Secretaria de Gestão e Planejamento de Goiás por dois anos e sete meses.

Atuou na Secretaria da Saúde do Estado de Goiás na Assessoria de Gestão das Parcerias com Organizações Sociais em 2014.

Trabalhou na Prefeitura Municipal de Senador Canedo na Assessoria de Planejamento e Gestão.

Ocupou a Superintendência de Gestão, Planejamento e Finanças da Secretaria da Educação do Estado de Goiás por três anos e quatro meses.

Ocupou a Secretaria Executiva do Conselho de Esporte e Lazer da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte por cinco meses.

Ampla experiência em políticas públicas, especialmente nas áreas de finanças públicas, projetos de modernização, análises financeiras e gestão financeira.

Em setembro do ano passado foi eleito diretor da Associação Brasileira de Desenvolvimento (ABDE), para complementação do mandato de 2019-2021 da entidade.

STF mantém lei que proíbe reajuste para servidores até dezembro

0
Fachada do edifício sede do Supremo Tribunal Federal - STF

Decisão do plenário da Corte foi unânime, em sessão virtual

Por unanimidade, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) julgou constitucional toda a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, ficou conhecida como Lei de Socorro aos Estados, incluindo o trecho que proíbe o reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro de 2021.

O assunto foi julgado na sessão que se encerrou na noite de sexta-feira (12) do plenário virtual. Nessa modalidade de julgamento, os ministros têm uma janela de tempo para votar somente por escrito, sem debate oral.

O congelamento de salários era questionado no Supremo em três ações diretas de inconstitucionalidade (ADI), abertas por PT, PDT e Podemos, todas relatadas pelo ministro Alexandre de Moraes.

Para os partidos, ao congelar os salários de todos os servidores do país, os artigos 7º e 8º da LC 173/2020 violaram alguns princípios constitucionais, como o de autonomia administrativa dos entes federativos e o de irredutibilidade salarial, bem como prejudicaram a eficiência dos serviços públicos.  

Moraes, contudo, entendeu que nenhum dos argumentos se sustentam. Em seu voto, o relator considerou que a legislação está inteiramente de acordo com a Constituição. Ele negou, por exemplo, que haja violação à irredutibilidade salarial dos servidores públicos.

“No caso, verifica-se que não houve uma redução do valor da remuneração dos servidores públicos, uma vez que apenas proibiu-se, temporariamente, o aumento de despesas com pessoal para possibilitar que os entes federados enfrentem as crises decorrentes da pandemia de Covid-19, buscando sempre a manutenção do equilíbrio fiscal”, escreveu o ministro.

Ele destacou que o objetivo da lei foi evitar a irresponsabilidade fiscal, sobretudo de estados e municípios, que ao receber verbas extras da União para o combate à pandemia, ficam assim impedidos de tomar medidas populistas, usando os recursos para “fazer cortesia com chapéu alheio”.

“A situação fiscal vivenciada pelos Estados e Municípios brasileiros, sobretudo nessa conjuntura de pandemia, demanda uma maior atenção em relação aos gastos públicos e, no particular, ao gasto com o funcionalismo público”, acrescentou Moraes, que foi acompanhado por todos os outros dez ministros do Supremo.

Uma quarta ADI contra outro trecho da LC 173/2020, que impunha condições para a suspensão no pagamento da dívida de estados com a União, também foi rejeitada por unanimidade.

Edição: Denise Griesinger

Publicado em 15/03/2021 – 10:03 Por Felipe Pontes – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Gabigol e MC Gui foram flagrados pela polícia em cassino clandestino na madrugada deste domingo

0

A Polícia Civil de São Paulo fechou, na madrugada deste domingo (14), um cassino clandestino que funcionava na zona sul da capital paulista. Entre as pessoas flagradas no local, estavam o jogador de futebol da equipe do Flamengo Gabigol e o cantor de funk MC Gui.

De acordo com a Polícia Civil (PC) e fiscais que fizeram a abordagem, cerca de 200 pessoas estariam jogando e consumindo bebida no estabelecimento, além de não estarem usando máscara facial e nem cumprindo o distanciamento social seguro para o enfrentamento à covid-19.

O deputado federal pelo estado de São Paulo Alexandre Frota (PSL) participou dessa força-tarefa junto com a Polícia Civil, Polícia Militar, Guarda Civil Municipal, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária, Procon e demais fiscais da prefeitura. Frota disse que no local haviam menores de idade e pessoas de alto poder aquisitivo.

“Nós encontramos aqui, uma casa de jogos de azar, pôquer, menores de idade, as pessoas sem máscara, aglomeradas. As pessoas sem nenhum cuidado, bebendo e compartilhando copos e garrafas”, diz o parlamentar em um vídeo que foi publicado em suas redes sociais.

Ainda segundo o deputado, todas as pessoas foram levadas à Delegacia de Crime Contra a Saúde Pública da cidade de São Paulo para assinarem a documentação necessária em casos como este.

Nem Gabigol e nem MC Gui se posicionaram sobre o assunto até o fechamento deste texto.

Publicado pelo Diário de Goiás

by Thiago Humberto

Fluminense vence Flamengo no Maracanã

0

Equipe conquista primeiro triunfo no Campeonato Carioca

O Fla-Flu 431 terminou com vitória tricolor por 1 a 0, neste domingo à noite (14), no Maracanã. A vitória marcou a estréia do técnico Roger Machado e foi a primeira do clube no Estadual do Rio. Mesmo melhor em campo, a terceira vitória consecutiva dos pupilos de Maurício Souza não se concretizou. O técnico devolve o bastão para Rogério Ceni com duas vitórias e uma derrota em três rodadas.    

O primeiro tempo do clássico foi marcado pelo domínio flamenguista. A equipe SUB-20, reforçada por alguns jogadores do elenco titular, protagonizou as principais ações da partida. Com Paulo Henrique Ganso como atacante, a primeira escalação de Roger Machado à frente do Flu mostrou-se ineficiente e perdida dentro de campo. O primeiro e único chute contra a meta de Gabriel Batista só veio aos 44 minutos. O scout marcou 8 finalizações para o Fla, que teve 61% de posse de bola.

A etapa final parecia igual. Apesar de duas substituições e da visível irritação de Roger Machado, o Fla continuava a ditar o ritmo do jogo. Aos 31, após cobrança de escanteio, Frazan sobe de cabeça e só não abre o placar para os tricolores graças ao goleiro Gabriel Batista. O Fla dá o troco em outra cobrança de córner. Lázaro cruza, Michael desvia e Daniel salva o Flu. Aos 37, Igor Julião ganha a dividida e solta um forte chute da entrada da grande área para estufar as redes. Aos 26 anos, o lateral-direito marcou o primeiro gol em 87 partidas como profissional do Flu

 Na próxima sexta (19), às 21h, o Flamengo retorna ao gramado do Maracanã para encarar o Resende. No mesmo estádio, no sábado (20), às 21h05, o Fluminense vai ter o Bangu pela frente.  

Publicado em 14/03/2021 – 20:17 Por Rodrigo Ricardo – Repórter da Rádio Nacional – Rio de Janeiro

Juros anuais do cartão de crédito chegam a até 875%

0
Cartões de crédito

Especialistas orientam evitar rotativo do cartão

O adiamento do pagamento integral da fatura do cartão de crédito leva à multiplicação da dívida, que pode sair do controle do consumidor. Quem não tem dinheiro para pagar o valor total da fatura, terá a dívida corrigida por taxas anuais de juros superiores a 300% – podendo chegar 875%, segundo a Agência Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste).

Em outros países, a taxa do rotativo do cartão (crédito tomado pelo consumidor quando paga menos que o valor integra) é de apenas 3%. “Essa diferença é o que vemos se compararmos os juros no Brasil com os cobrados pelo mesmo serviço em países europeus e nos Estados Unidos”, argumenta o diretor de estudos e pesquisas econômicas da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel José Ribeiro de Oliveira.

A maior parte das dívidas no Brasil têm uma mesma origem, que é exatamente o meio que cobra as maiores taxas de juros de todo o mercado: os cartões de crédito.

“O cartão é o meio de pagamento que cobra a maior taxa de juros e é a causa número um do endividamento do brasileiro”, afirma o pesquisador da Proteste e especialista de crédito Rodrigo Alexandre.

Juros rotativo e parcelado

Muito do escalonamento que faz a dívida no cartão se transformar em uma bola de neve são os chamados juros compostos – uma fórmula de cálculo que aplica “juro sobre juros”. O valor cobrado vai aumentando cada vez mais porque juros são aplicados seguidamente em cima de um valor que já estava atualizado e corrigido.

“Acontece quando deixamos de pagar a dívida contraída via cartão de crédito”, resume o diretor da Anefac, Miguel José Ribeiro de Oliveira.

Juros compostos são usados em todo o mundo, pondera Oliveira. “O problema é que, como os juros no Brasil são muito altos, essa composição dá uma diferença enorme, na comparação com esses países onde a taxa de juros é de cerca de 3% ao ano”, acrescenta.

“Quando cobrados a partir de faixas mais baixas, os juros compostos têm pouco efeito. O problema é que, no Brasil, onde as faixas são muito mais altas, o resultado final acaba sendo de taxas anuais que podem passar de 300%, e a diferença acaba ficando efetivamente muito grande ao final”, complementa o diretor.

Segundo Oliveira, os juros rotativos médios, no Brasil, estão atualmente na faixa de 12,5% ao mês, o que significa um total de 329,3% ao ano. Em termos práticos, isso significa que, em 30 dias, uma dívida de R$ 1 mil se transforma em R$ 1.125,20.

Em um ano, esse valor aumentaria 329,3%, chegando a quase R$ 4.300. Um levantamento da proteste mostra que os juros cobrados pelos cartões podem chegar a 875,25% ao ano – o que transformaria a dívida de R$ 1 mil em quase R$ 10 mil no acumulado de 12 meses.

“A mesma dívida [de R$ 1 mil], sendo parcelada em 12 meses com taxa de juros média de 8,34% ao mês [taxa média dos juros parcelados, segundo o Banco Central], corresponde a 161,5% ao ano. Nesse caso, o consumidor pagaria 12 parcelas mensais fixas de R$ 235,04, o que totaliza um valor final de R$ 1.620,48”, complementa o diretor da Anefac.

No site do Banco Central, é possível conferir ranking de taxas de juros cobradas por instituições financeiras.

Crédito pessoal ou consignado

“Podendo trocar a dívida contraída no cartão por qualquer financiamento a custos mais baixos, troque. Crédito pessoal tem taxas mais baixas, mas o melhor seria fazer um empréstimo consignado, caso tenha condições. São eles os que têm custo efetivo mais baixo, com a menor taxa do mercado. Faça, o quanto antes, um empréstimo no consignado para quitar a dívida no cartão ou no cheque especial”, sugere o pesquisador da Proteste.

Inicialmente os empréstimos consignados eram oferecidos exclusivamente a servidores públicos e aposentados. No entanto, tem sido comum empresas privadas fazerem convênio com bancos para que o disponibilizem também a empregados da iniciativa privada. “É, inclusive, algo interessante de ser colocado nas mesas de negociação entre empresas e empregados porque possibilita, aos funcionários, obter empréstimos a juros menores”, observa Rodrigo Alexandre.

“Mas, para isso, é fundamental comparar com o que é oferecido no mercado”, pondera. O primeiro passo para trocar para uma dívida com taxas mais baixas é o de fazer um levantamento para identificar quanto é devido e qual é o CET [Custo Efetivo Total] da dívida, para ao compará-lo com o oferecido por outras instituições financeiras, de forma a buscar o de menor percentual”, explica Rodrigo Alexandre, da Proteste.

Custo Efetivo Total

O CET não é apenas taxa de juros, mas o percentual total que é aplicado para atualizar uma dívida, englobando todos os custos do financiamento. Nele incidem elementos como tarifas, impostos e serviços, além da taxa de juros. Ele é a principal referência para que o indivíduo possa se situar com relação ao que terá de pagar a mais, em decorrência da dívida.

O Banco Central determina que essa informação seja disponibilizada de forma clara e acessível nas simulações e nos contratos. “É este o percentual que aponta quem cobra taxas mais baratas, mas infelizmente é uma obrigação que nem todas instituições cumprem, por falta de uma fiscalização mais efetiva do BC”, alerta o advogado e pesquisador da Proteste.

O CET mais caro, como já foi informado, é o cobrado pelas empresas de cartão de crédito. De acordo com a Proteste, em segundo lugar está o cobrado por bancos tradicionais. “E em terceiro lugar vêm surgindo as Fintechs, que são startups que cuidam da parte financeira, como os bancos digitais”, complementa Rodrigo Alexandre.

Anuidade

Outro ponto que a Proteste chama atenção são as ofertas de anuidade gratuita para cartões de crédito, o que nem sempre é verdadeiro porque muitas vezes é uma vantagem que é ofertada apenas por um período limitado.

É comum, nesses casos, a cobrança de tarifas bastante altas depois do período de promoção. O levantamento da Proteste identificou tarifas de R$ 190 até R$ 624 para cartões básicos, e de mais de R$ 1 mil no caso de cartões diferenciados, com programas de recompensas e benefícios como seguro viagem, descontos e ingressos.

Há, no entanto, alguns bancos que não cobram essa taxa, mas condicionam isso a uma movimentação mínima mensal, o que possibilita à operadora do cartão compensar os ganhos por meio das tarifas que são pagas pelas lojas. “De qualquer forma, como hoje a concorrência é maior, há vários bancos – em especial os digitais – oferecendo cartão de crédito sem anuidade. Mas é importante que o consumidor fique atento para saber o que, de fato, está pagando”, informa Miguel Oliveira, da Anefac.

“Sempre consideramos como a melhor opção, o produto livre de anuidade”, complementa Rodrigo Alexandre.

A quem recorrer?

Queixas com relação a taxas ou tarifas cobradas indevidamente por instituições financeiras, ou mesmo relacionadas à falta de clareza para as informações que obrigatoriamente devem ser apresentadas de forma clara e acessível, podem ser apresentadas primeiramente junto ao Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) da própria instituição, a quem cabe dar uma primeira satisfação.

“Caso a resposta não seja satisfatória, o cliente pode acionar tanto o Procon como o Banco Central. Acredito que o Procon é um processo muito mais rápido, mas pode fazer a reclamação também junto ao BC, que tem ferramenta para isso”, informa o diretor da Anefac.

Edição: Kelly Oliveira

Publicado em 14/03/2021 – 17:40 Por Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Primeira cidade a vacinar em massa encerra etapa de imunização

0
Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. A cidade do Rio de Janeiro retoma hoje (25) sua campanha de aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 em idosos da população em geral. Hoje serão vacinados os idosos com 82 anos.

Moradores adultos de Serrana (SP) foram imunizados contra covid-19

Primeira cidade a vacinar os moradores em massa contra a covid-19, Serrana (SP) encerra hoje (14) etapa de imunização. A população participa de estudo clínico do Instituto Butantan para medir a eficácia da CoronaVac contra a disseminação do novo coronavírus.

De acordo com o Instituto Butantan, neste domingo, estão sendo vacinados os últimos moradores do grupo azul, que tem a maior quantidade de moradores. A cidade, de 45,6 mil habitantes, foi dividida em quatro regiões de vacinação (verde, amarela, cinza e azul), dos quais cerca de 30 mil estão aptos a serem imunizados.

Segunda Fase

Na quarta-feira (17), a pesquisa entra em uma nova etapa, quando a população começa a receber a segunda dose da vacina. O cronograma seguirá o processo da primeira dose, começando pelos moradores da região verde e passando para as regiões amarela, cinza e azul.

Segundo o Instituto Butantan, as primeiras conclusões da pesquisa devem começar a ser divulgadas cerca de um mês após o encerramento da aplicação da segunda dose, ou seja, três meses após o início do estudo clínico. Como a vacinação em massa começou em 17 de fevereiro, os resultados devem sair em meados de maio.

Imunização em massa

Diferentemente do restante do país, onde o plano de vacinação imuniza primeiramente os grupos prioritários, em Serrana, toda a população adulta está recebendo a CoronaVac ao mesmo tempo. De acordo com o Butantan, um dos fatores que pesou na escolha da cidade para a realização do estudo foi a proximidade com Ribeirão Preto, onde trabalham diariamente cerca de um quarto dos moradores de Serrana.

A adesão ao estudo clínico foi voluntária. Todo morador com mais de 18 anos estava apto a ser vacinado, com exceção das grávidas, das lactantes e de pessoas com contraindicação médica.

Edição: Kelly Oliveira

Publicado em 14/03/2021 – 16:45 Por Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Farley Mattos responde críticas destrutivas

0

O Bailarino e professor Farley Mattos, um dos mais conceituados, premiados e reconhecidos artistas do Brasil, precisou usar de suas redes sociais para responder críticas de destruidores e desenformados que têm satisfação em tentar denegrir pessoas e trabalhos de valor.

Farley Mattos postou texto e vídeo relatando toda sua indignação com a tentativa de menosprezarem seu trabalho realizado na cidade de Ipamerí-Goiás.

Farley Mattos, em seu gesto nobre e de muita grandeza, conseguiu ir além de uma simples nota de esclarecimento, ele conseguiu dar uma verdadeira aula de civilização, ética, caráter e conscientização.

Farley, fez das críticas, um “palco e dançou com as palavras, fortaleceu a arte e mostrou como se devem comportar as pessoas de moral. Foi mais um show que só um artista reconhecido internacionalmente por méritos alcançados pelo esforço, dedicação,  trabalho árduo  que começou ainda quando era criança  é capaz de realizar”. 

Confira o que disse e o vídeo posado pelo Bailarino Farley Mattos:

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=3816311411767680&id=100001665764107&sfnsn=wiwspwa

Bom dia amigos e amigas de Ipameri!

Peço carinhosamente que assistam este vídeo na íntegra.

“MEIAS VERDADES SÃO INTEIRAS MENTIRAS”. Jamais acreditem em tudo que leem ou ouvem sem antes checar todas as vertentes e, somente a partir daí, obter justas conclusões, baseadas na verdade.

O projeto “Estrelas de Ipameri” beneficia 35 (trinta e cinco) crianças, tendo como parâmetro uma mensalidade de R$ 145,00 (Cento e Quarenta e Cinco Reais) por aluno, totalizando R$ 5.075,00 (Cinco Mil e Setenta e Cinco Reais) por mês. Simplório e destorcido, portanto, fazer mero cálculo aritmético de valor por hora/aula, sem se atentar para essas circunstâncias.

No mais, o valor citado (R$ 50.750,00) se refere ao total do contrato, com duração prevista de 10 (dez) meses.

Cada profissional faz jus ao seu salário; jamais comparei minha profissão à de outros, jamais questionei salários de outros, até porque existem tantas pessoas que – mesmo sem formação – possuem capacidade e estão aptas a auferir rendimentos dignos, nos vários seguimentos profissionais no país.

Trabalho desde os meus 10 anos de idade, lutei e luto diariamente para ter tudo o que tenho e conquistei. Não deixarei de viver a vida que posso proporcionar a minha família porque “A” ou “B” quer ou acha. Este é meu trabalho e, como tal, é tão essencial à minha sobrevivência quanto qualquer outro aos demais profissionais.

A legalidade do contrato é certeira; há aqui, contudo, a discordância raivosa de alguns, com intenções não muito claras – porém, presumíveis.

De novo, é paradoxal sugerir que se trabalhe “de graça” em tempos de pandemia enquanto não se der exemplo, abrindo mão do salário inerente ao cargo público em prol da coletividade que se diz defender. Enfim, a hipocrisia!

No mais, é preciso parar de usar esse momento de dor para a mera promoção pessoal, típica dos autoproclamados “salvadores da pátria”, demagogos e nada mais.

Ao ensejo peço respeito, pois sou ser humano e tenho família como qualquer pessoa, pois até ameaças recebi esta noite, ante a maldade no coração das pessoas. Apesar das discordâncias, o respeito acima de tudo deve ser preservado.

A vida segue e graças a Deus tudo passa, até a maldade de quem a deseja!

Farley Mattos responde críticas destrutivas

0

O Bailarino e professor Farley Mattos, um dos mais conceituados, premiados e reconhecidos artistas do Brasil, precisou usar de suas redes sociais para responder críticas de destruidores e desenformados que têm satisfação em tentar denegrir pessoas e trabalhos de valor.

Farley Mattos postou texto e vídeo relatando toda sua indignação com a tentativa de menosprezarem seu trabalho realizado na cidade de Ipamerí-Goiás.

Farley Mattos, em seu gesto nobre e de muita grandeza, conseguiu ir além de uma simples nota de esclarecimento, ele conseguiu dar uma verdadeira aula de civilização, ética, caráter e conscientização.

Farley, fez das críticas, um “palco e dançou com as palavras, fortaleceu a arte e mostrou como se devem comportar as pessoas de moral. Foi mais um show que só um artista reconhecido internacionalmente por méritos alcançados pelo esforço, dedicação,  trabalho árduo  que começou ainda quando era criança  é capaz de realizar”. 

Confira o que disse e o vídeo posado pelo Bailarino Farley Mattos:

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=3816311411767680&id=100001665764107&sfnsn=wiwspwa

Bom dia amigos e amigas de Ipameri!

Peço carinhosamente que assistam este vídeo na íntegra.

“MEIAS VERDADES SÃO INTEIRAS MENTIRAS”. Jamais acreditem em tudo que leem ou ouvem sem antes checar todas as vertentes e, somente a partir daí, obter justas conclusões, baseadas na verdade.

O projeto “Estrelas de Ipameri” beneficia 35 (trinta e cinco) crianças, tendo como parâmetro uma mensalidade de R$ 145,00 (Cento e Quarenta e Cinco Reais) por aluno, totalizando R$ 5.075,00 (Cinco Mil e Setenta e Cinco Reais) por mês. Simplório e destorcido, portanto, fazer mero cálculo aritmético de valor por hora/aula, sem se atentar para essas circunstâncias.

No mais, o valor citado (R$ 50.750,00) se refere ao total do contrato, com duração prevista de 10 (dez) meses.

Cada profissional faz jus ao seu salário; jamais comparei minha profissão à de outros, jamais questionei salários de outros, até porque existem tantas pessoas que – mesmo sem formação – possuem capacidade e estão aptas a auferir rendimentos dignos, nos vários seguimentos profissionais no país.

Trabalho desde os meus 10 anos de idade, lutei e luto diariamente para ter tudo o que tenho e conquistei. Não deixarei de viver a vida que posso proporcionar a minha família porque “A” ou “B” quer ou acha. Este é meu trabalho e, como tal, é tão essencial à minha sobrevivência quanto qualquer outro aos demais profissionais.

A legalidade do contrato é certeira; há aqui, contudo, a discordância raivosa de alguns, com intenções não muito claras – porém, presumíveis.

De novo, é paradoxal sugerir que se trabalhe “de graça” em tempos de pandemia enquanto não se der exemplo, abrindo mão do salário inerente ao cargo público em prol da coletividade que se diz defender. Enfim, a hipocrisia!

No mais, é preciso parar de usar esse momento de dor para a mera promoção pessoal, típica dos autoproclamados “salvadores da pátria”, demagogos e nada mais.

Ao ensejo peço respeito, pois sou ser humano e tenho família como qualquer pessoa, pois até ameaças recebi esta noite, ante a maldade no coração das pessoas. Apesar das discordâncias, o respeito acima de tudo deve ser preservado.

A vida segue e graças a Deus tudo passa, até a maldade de quem a deseja!

STJ autoriza mulher arrependida a retomar nome de solteira

0
Fachada do edifício sede do Superior Tribunal de Justiça (STJ)

Embora não haja previsão legal, relatora acatou o desejo da mulher

A Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) autorizou uma mulher, que alegou abalo emocional e psicológico, a voltar a usar o nome de solteira por não ter se adaptado ao nome de casada.

Embora não haja previsão legal para o procedimento, a relatora ministra Nancy Andrighi, destacou que, nesse tipo de caso, “deve sobressair, a toda evidência, o direito ao nome enquanto atributo dos direitos da personalidade”.

A relatora destacou que a mudança de nome não necessariamente prejudica a identificação da pessoa, que pode ser feita pelos números de documentos como CPF e RG, por exemplo.

À Justiça, a mulher alegou que a adoção do nome do marido lhe gerou desconforto por ter ocorrido em detrimento ao sobrenome do pai, que se encontra em vias de sumir, pois os últimos familiares que o carregam estão em grave situação de saúde. Por esse motivo, ela desejava retomar o uso do nome de solteira, para que ele não deixe de existir.

A mulher conseguiu uma primeira decisão favorável, mas que depois foi revertida em segunda instância, motivo pelo ela qual recorreu ao STJ.

Conforme o voto da relatora, o STJ reconheceu que as justificativas para a mudança de nome não eram frívolas e que o tribunal tem cada vez mais flexibilizado as regras que disciplinam as trocas de nome, de modo a amoldá-las a uma nova realidade social.

A ministra Nancy Andrighi reconheceu que ainda é comum as mulheres abdicarem de parte significativa de seus direitos de personalidade para incorporar o sobrenome do marido, devido a motivos diversos, entre os quais a histórica dominação patriarcal e o desejo de usufruir do prestígio social do nome. A evolução da sociedade, contudo, tem reduzido a fenômeno, acrescentou ela.

A adoção do nome do marido ao se casar é facultativa no Brasil desde os anos 1960. A partir do Código Civil de 2002, o marido também pode acrescentar o sobrenome da mulher ao seu. A legislação prevê que o nome de solteira pode voltar a ser adotado em alguns casos específicos, entre os quais o divórcio e a condenação do cônjuge na esfera criminal.

Edição: Denise Griesinger

Publicado em 14/03/2021 – 10:17 Por Agência Brasil – Brasília

Farley Mattos responde críticas destrutivas

0

O Bailarino e professor Farley Mattos, um dos mais conceituados, premiados e reconhecidos artistas do Brasil, precisou usar de suas redes sociais para responder críticas de destruidores e desenformados que têm satisfação em tentar denegrir pessoas e trabalhos de valor.

Farley Mattos postou texto e vídeo relatando toda sua indignação com a tentativa de menosprezarem seu trabalho realizado na cidade de Ipamerí-Goiás.

Farley Mattos, em seu gesto nobre e de muita grandeza, conseguiu ir além de uma simples nota de esclarecimento, ele conseguiu dar uma verdadeira aula de civilização, ética, caráter e conscientização.

Farley fez das críticas um “palco e dançou com as palavras, fortaleceu a arte e mostrou como se devem comportar as pessoas de moral. Foi mais um show que só um artista reconhecido internacionalmente por méritos alcançados pelo esforço, dedicação,  trabalho árduo  que começou ainda quando era criança  é capaz de realizar”. Confira o que disse e o vídeo posado pelo Bailarino Farley Mattos:

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=3816311411767680&id=100001665764107&sfnsn=wiwspwa

Bom dia amigos e amigas de Ipameri!

Peço carinhosamente que assistam este vídeo na íntegra.

“MEIAS VERDADES SÃO INTEIRAS MENTIRAS”. Jamais acreditem em tudo que leem ou ouvem sem antes checar todas as vertentes e, somente a partir daí, obter justas conclusões, baseadas na verdade.

O projeto “Estrelas de Ipameri” beneficia 35 (trinta e cinco) crianças, tendo como parâmetro uma mensalidade de R$ 145,00 (Cento e Quarenta e Cinco Reais) por aluno, totalizando R$ 5.075,00 (Cinco Mil e Setenta e Cinco Reais) por mês. Simplório e destorcido, portanto, fazer mero cálculo aritmético de valor por hora/aula, sem se atentar para essas circunstâncias.

No mais, o valor citado (R$ 50.750,00) se refere ao total do contrato, com duração prevista de 10 (dez) meses.

Cada profissional faz jus ao seu salário; jamais comparei minha profissão à de outros, jamais questionei salários de outros, até porque existem tantas pessoas que – mesmo sem formação – possuem capacidade e estão aptas a auferir rendimentos dignos, nos vários seguimentos profissionais no país.

Trabalho desde os meus 10 anos de idade, lutei e luto diariamente para ter tudo o que tenho e conquistei. Não deixarei de viver a vida que posso proporcionar a minha família porque “A” ou “B” quer ou acha. Este é meu trabalho e, como tal, é tão essencial à minha sobrevivência quanto qualquer outro aos demais profissionais.

A legalidade do contrato é certeira; há aqui, contudo, a discordância raivosa de alguns, com intenções não muito claras – porém, presumíveis.

De novo, é paradoxal sugerir que se trabalhe “de graça” em tempos de pandemia enquanto não se der exemplo, abrindo mão do salário inerente ao cargo público em prol da coletividade que se diz defender. Enfim, a hipocrisia!

No mais, é preciso parar de usar esse momento de dor para a mera promoção pessoal, típica dos autoproclamados “salvadores da pátria”, demagogos e nada mais.

Ao ensejo peço respeito, pois sou ser humano e tenho família como qualquer pessoa, pois até ameaças recebi esta noite, ante a maldade no coração das pessoas. Apesar das discordâncias, o respeito acima de tudo deve ser preservado.

A vida segue e graças a Deus tudo passa, até a maldade de quem a deseja!

Farley Mattos responde críticas destrutivas

0

O Bailarino e professor Farley Mattos, um dos mais conceituados, premiados e reconhecidos artistas do Brasil, precisou usar de suas redes sociais para responder críticas de destruidores e desenformados que têm satisfação em tentar denegrir pessoas e trabalhos de valor.

Farley Mattos postou texto e vídeo relatando toda sua indignação com a tentativa de menosprezarem seu trabalho realizado na cidade de Ipamerí-Goiás.

Farley Mattos, em seu gesto nobre e de muita grandeza, conseguiu ir além de uma simples nota de esclarecimento, ele conseguiu dar uma verdadeira aula de civilização, ética, caráter e conscientização.

Farley, fez das críticas, um “palco e dançou com as palavras, fortaleceu a arte e mostrou como se devem comportar as pessoas de moral. Foi mais um show que só um artista reconhecido internacionalmente por méritos alcançados pelo esforço, dedicação,  trabalho árduo  que começou ainda quando era criança  é capaz de realizar”. 

Confira o que disse e o vídeo posado pelo Bailarino Farley Mattos:

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=3816311411767680&id=100001665764107&sfnsn=wiwspwa

Bom dia amigos e amigas de Ipameri!

Peço carinhosamente que assistam este vídeo na íntegra.

“MEIAS VERDADES SÃO INTEIRAS MENTIRAS”. Jamais acreditem em tudo que leem ou ouvem sem antes checar todas as vertentes e, somente a partir daí, obter justas conclusões, baseadas na verdade.

O projeto “Estrelas de Ipameri” beneficia 35 (trinta e cinco) crianças, tendo como parâmetro uma mensalidade de R$ 145,00 (Cento e Quarenta e Cinco Reais) por aluno, totalizando R$ 5.075,00 (Cinco Mil e Setenta e Cinco Reais) por mês. Simplório e destorcido, portanto, fazer mero cálculo aritmético de valor por hora/aula, sem se atentar para essas circunstâncias.

No mais, o valor citado (R$ 50.750,00) se refere ao total do contrato, com duração prevista de 10 (dez) meses.

Cada profissional faz jus ao seu salário; jamais comparei minha profissão à de outros, jamais questionei salários de outros, até porque existem tantas pessoas que – mesmo sem formação – possuem capacidade e estão aptas a auferir rendimentos dignos, nos vários seguimentos profissionais no país.

Trabalho desde os meus 10 anos de idade, lutei e luto diariamente para ter tudo o que tenho e conquistei. Não deixarei de viver a vida que posso proporcionar a minha família porque “A” ou “B” quer ou acha. Este é meu trabalho e, como tal, é tão essencial à minha sobrevivência quanto qualquer outro aos demais profissionais.

A legalidade do contrato é certeira; há aqui, contudo, a discordância raivosa de alguns, com intenções não muito claras – porém, presumíveis.

De novo, é paradoxal sugerir que se trabalhe “de graça” em tempos de pandemia enquanto não se der exemplo, abrindo mão do salário inerente ao cargo público em prol da coletividade que se diz defender. Enfim, a hipocrisia!

No mais, é preciso parar de usar esse momento de dor para a mera promoção pessoal, típica dos autoproclamados “salvadores da pátria”, demagogos e nada mais.

Ao ensejo peço respeito, pois sou ser humano e tenho família como qualquer pessoa, pois até ameaças recebi esta noite, ante a maldade no coração das pessoas. Apesar das discordâncias, o respeito acima de tudo deve ser preservado.

A vida segue e graças a Deus tudo passa, até a maldade de quem a deseja!

Farley Mattos responde críticas destrutivas

0

O Bailarino e professor Farley Mattos, um dos mais conceituados, premiados e reconhecidos artistas do Brasil, precisou usar de suas redes sociais para responder críticas de destruidores e desenformados que têm satisfação em tentar denegrir pessoas e trabalhos de valor.

Farley Mattos postou texto e vídeo relatando toda sua indignação com a tentativa de menosprezarem seu trabalho realizado na cidade de Ipamerí-Goiás.

Farley Mattos, em seu gesto nobre e de muita grandeza, conseguiu ir além de uma simples nota de esclarecimento, ele conseguiu dar uma verdadeira aula de civilização, ética, caráter e conscientização.

Farley, fez das críticas, um “palco e dançou com as palavras, fortaleceu a arte e mostrou como se devem comportar as pessoas de moral. Foi mais um show que só um artista reconhecido internacionalmente por méritos alcançados pelo esforço, dedicação,  trabalho árduo  que começou ainda quando era criança  é capaz de realizar”. 

Confira o que disse e o vídeo posado pelo Bailarino Farley Mattos:

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=3816311411767680&id=100001665764107&sfnsn=wiwspwa

Bom dia amigos e amigas de Ipameri!

Peço carinhosamente que assistam este vídeo na íntegra.

“MEIAS VERDADES SÃO INTEIRAS MENTIRAS”. Jamais acreditem em tudo que leem ou ouvem sem antes checar todas as vertentes e, somente a partir daí, obter justas conclusões, baseadas na verdade.

O projeto “Estrelas de Ipameri” beneficia 35 (trinta e cinco) crianças, tendo como parâmetro uma mensalidade de R$ 145,00 (Cento e Quarenta e Cinco Reais) por aluno, totalizando R$ 5.075,00 (Cinco Mil e Setenta e Cinco Reais) por mês. Simplório e destorcido, portanto, fazer mero cálculo aritmético de valor por hora/aula, sem se atentar para essas circunstâncias.

No mais, o valor citado (R$ 50.750,00) se refere ao total do contrato, com duração prevista de 10 (dez) meses.

Cada profissional faz jus ao seu salário; jamais comparei minha profissão à de outros, jamais questionei salários de outros, até porque existem tantas pessoas que – mesmo sem formação – possuem capacidade e estão aptas a auferir rendimentos dignos, nos vários seguimentos profissionais no país.

Trabalho desde os meus 10 anos de idade, lutei e luto diariamente para ter tudo o que tenho e conquistei. Não deixarei de viver a vida que posso proporcionar a minha família porque “A” ou “B” quer ou acha. Este é meu trabalho e, como tal, é tão essencial à minha sobrevivência quanto qualquer outro aos demais profissionais.

A legalidade do contrato é certeira; há aqui, contudo, a discordância raivosa de alguns, com intenções não muito claras – porém, presumíveis.

De novo, é paradoxal sugerir que se trabalhe “de graça” em tempos de pandemia enquanto não se der exemplo, abrindo mão do salário inerente ao cargo público em prol da coletividade que se diz defender. Enfim, a hipocrisia!

No mais, é preciso parar de usar esse momento de dor para a mera promoção pessoal, típica dos autoproclamados “salvadores da pátria”, demagogos e nada mais.

Ao ensejo peço respeito, pois sou ser humano e tenho família como qualquer pessoa, pois até ameaças recebi esta noite, ante a maldade no coração das pessoas. Apesar das discordâncias, o respeito acima de tudo deve ser preservado.

A vida segue e graças a Deus tudo passa, até a maldade de quem a deseja!

Senador publicou texto que fala de nova esperança no combate ao Covid-19

0

Em suas redes sociais o Senador Álvaro Dias publicou texto de uma nova esperança no combate ao vírus.

Ele disse “Um estudo brasileiro testou o medicamento proxalutamida, usado no tratamento de câncer, em pacientes hospitalizados com a covid-19.

Liderado pelo médico, mestre e doutor em Endocrinologia Clínica pela Unifesp/EPM Flavio Cadegiani, o estudo atendeu ao “padrão ouro” da ciência, foi randomizado, duplo-cego e controlado por placebo.

“Por mais cético que eu seja, ainda é difícil acreditar em nossos próprios resultados. A redução da mortalidade acima de 90% parece boa demais para ser verdade. Mas esses são os números”, afirmou Cadegiani sobre seu estudo. ”

Até onde sabemos, a proxalutamida é o primeiro medicamento a demonstrar eficácia contra a nova variante P.1 Sars-CoV-2, altamente transmissível e patogênica”, acrescentou.”

Ministérios Públicos manifestam preocupação com fake news e avanço da epidemia

0

Reunião entre os diversos ramos do Ministério Público em Goiás, realizada na tarde desta sexta-feira (12), deixou clara a preocupação das instituições com o avanço da Covid-19 em Goiânia. O Município – a exemplo da maioria absoluta do Estado – está, pela terceira vez seguida, na classificação de “situação de calamidade” no mapa de calor emitido semanalmente pela Secretaria de Estado da Saúde.

Integrantes do Ministério Público de Goiás (MP-GO), do Ministério Público do Trabalho em Goiás (MPT-GO) e do Ministério Público de Contas (MPC) manifestaram preocupação com a disseminação de notícias falsas e reforçaram a necessidade de atuação conjunta no sentido de conter medidas que promovam aglomerações e transmissão da doença.

Participaram da reunião, realizada por meio de videoconferência, a coordenadora da Área da Saúde do Centro de Apoio Operacional do MP-GO, Karina D’Abruzzo; e os promotores de Justiça Heliana Godói de Sousa Abrão; Marcus Antônio Ferreira; Marlene Nunes Freitas; o chefe do MPT, Tiago Ranieri, além de procuradores da instituição; e membros do Ministério Público de Contas junto ao Tribunal de Contas dos Municípios (MPC-TCM-GO). (Texto: Pedro Palazzo /Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

Positivo Saúde: Dra. Ângela Xavier ensina baixar glicemia

0

Importante orientação aos diabéticos.

Em vídeo postado em suas redes sociais, Dra. Ângela Xavier ensina baixar glicemia naturalmente.

Em uma de suas publicações ela disse: “Olá tudo bem com você? Aqui é Ângela Xavier e vamos conversar sobre: Como baixe a glicemia naturalmente”.

Nesse vídeo eu vou te mostrar vários alimentos que ajudam baixar a glicemia, caso você tenha problema com ela e mesmo que você não tenha, este vídeo te ajudará a não desenvolver o diabetes.

Veja o vídeo na íntegra:

Mais detalhes nas redes sociais da Dra. Ângela

E-book 5 erros → https://bit.ly/axebook5erros​ Acompanhe Ângela Xavier em outras redes sociais: Site → https://bit.ly/axsiteoficial​ Facebook → https://bit.ly/fbangelaxavier​ Instagram → https://bit.ly/angelaxavierinsta

Brasil será maior exportador de grãos do mundo

0
Plantação, Colheita de Soja

Embrapa: Brasil será maior exportador de grãos do mundo em cinco anos.

Ranking é liderado pelos Estados Unidos. Brasil é 2ª maior exportador

Responsável por produzir uma quantidade de alimentos que atende a 800 milhões de pessoas em todo o mundo, o Brasil deve continuar ampliando sua contribuição para o abastecimento mundial a ponto de se tornar, nos próximos cinco anos, o maior exportador de grãos do planeta, superando os Estados Unidos. A informação está em levantamento feito pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa),

De acordo com a Embrapa, em apenas dez anos a participação do Brasil no mercado mundial de alimentos saltou de US$ 20,6 bilhões para US$ 100 bilhões, tendo como destaque carne, soja, milho, algodão e produtos florestais.

“Olhando os dados dos últimos 20 anos (2000 a 2020), a produção brasileira de grãos cresceu 210%, enquanto a mundial aumentou 60%, O Brasil é o quarto produtor mundial, mas o segundo exportador de grãos, basicamente de soja e milho”, disse à Agência Brasil o pesquisador Científico e Gerente de Inteligência da Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas da Embrapa, Elisio Contini.

O maior exportador de grãos em 2020 foram os Estados Unidos com 138 milhões de toneladas. O Brasil está em segundo lugar com 122 milhões de toneladas. “Nos próximos 5 anos o Brasil deverá superar os Estados Unidos em exportação. Com base neste histórico e com os elevados preços internacionais dos produtos, a produção do Brasil deverá atingir a 3% de crescimento mundial”, disse.

“E até 2050 a produção brasileira de grãos poderá superar os 500 milhões de toneladas, sendo ainda mais importante para a segurança alimentar do mundo”, acrescentou.

A afirmação tem por base o estudo “O Agro brasileiro alimenta 800 milhões de pessoas”, divulgado recentemente pela Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas da Embrapa, tendo como autores Elisio Contini e Adalberto Aragão.

Contini lembra que a contribuição brasileira para a alimentação das pessoas é expressa de forma direta e indireta, uma vez que parte da produção de soja e milho tem como destino a alimentação de gado e, consequentemente, a produção de carnes e leite.

“A produção de grãos, de 2011 a 2020, cresceu no Brasil 5,33% ao ano, enquanto a do mundo em 2,03% ao ano. Isto significa que o Brasil cresceu mais do que o dobro do mundo”, disse.

Dessa forma, acrescenta o pesquisador, o Brasil tem uma “janela de oportunidades de negócios” por, pelo menos, 20 anos, que deve ser aproveitada. “Afinal, estamos nos tornando uma economia de recursos naturais”.

A situação privilegiada do país se deve, entre outros fatores, à grande quantidade de terras aráveis que se encontram no país. “Parte dos 160 milhões de hectares de pastagens pode ser convertida para a produção de grãos, tem regime de chuvas regulares como nos cerrados, líderes mundiais em tecnologia tropical e agricultores competentes”, argumentou, ao lembrar que as terras disponíveis para agricultura em outros países, como os Estados Unidos, estão praticamente esgotadas.

Além disso, acrescenta ele, já há algumas tecnologias com potencial de aumentar ainda mais a produção nacional, como sementes melhoradas, insumos eficientes, maquinaria da melhor qualidade no mundo e sistemas de produção eficientes como o plantio direto, integração lavoura-pecuária.

“Falta-nos melhoria na infra-estrutura e marketing dos nossos produtos. A solução para a questão ambiental é vital para as nossas exportações”, complementa.

Edição: Aline Leal

Publicado em 13/03/2021 – 18:25 Por Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Estudo aponta eficácia de uma dose da vacina em quem já teve covid-19

0
30/10/2020 REUTERS/Dado Ruvic

Estudo é feito nos EUA com as vacinas da Pfizer e da Moderna

Pesquisadores da Escola de Medicina Icahn em Nova Iorque, nos Estados Unidos, desenvolveram um estudo publicado no periódico acadêmico New England Journal of Medicine apontando a eficácia da aplicação de uma dose das vacinas da Pfizer e da Moderna em pacientes que já tiveram covid-19.

O estudo, publicado na forma de carta e não como artigo revisado, analisou 110 participantes de um teste clínico, sendo que um grupo já havia tido diagnóstico positivo de covid-19 e outro que ainda não havia sido contaminada pelo vírus.

Os participantes que já haviam tido covid-19 desenvolveram mais rapidamente anticorpos com uma dose. Já os não infectados previamente tiveram baixa resposta na criação de anticorpos até o 12º dia depois da vacinação, a sua maioria após este período.

O desempenho dos previamente infectados foi superior também ao de pessoas que receberam duas doses das vacinas adotadas na pesquisa. Neste grupo, a aplicação da 2ª dose não revelou mudanças significativas no sistema imunológico contra o vírus.

Os pesquisadores também avaliaram os efeitos colaterais. Eles foram maiores nos participantes que já haviam contraído covid-19, mas em nenhum dos casos houve eventos adversos que levassem à hospitalização.

“Nós descobrimos que uma dose das vacinas gerou rápida resposta em participantes soropositivos [do novo coronavírus], com níveis de anticorpos similares ou superiores a participantes soronegativos que receberam duas doses. Mas se uma dose destas vacinas provê proteção efetiva em soropositivos ainda requer investigação”, concluem os autores.

Edição: Aline Leal

Publicado em 13/03/2021 – 13:12 Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil – Brasília

Aprovado remédio para tratamento da covid-19

0

Rendesivir:  Autorização foi dada para uso hospitalar em pacientes internados

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou ontem (12) a aprovação do rendesivir para tratamento da covid-19. Este é o primeiro remédio aprovado para uso contra o novo coronavírus. A autorização foi dada apenas para uso hospitalar e para pacientes com mais de 12 anos, com quadro de pneumonia e que precisam de oxigênio. Estudos com o fármaco mostraram recuperação mais rápida dos pacientes internados.

Com nome registrado de Veklury, o remédio é produzido pelo laboratório Gilead e é um antiviral desenvolvido para vírus como Ebola, mas que passou a ser considerado para o tratamento da covid-19.

Segundo a Anvisa, o remédio já foi autorizado por autoridades sanitárias em mais de 20 países, entre eles, Argentina, Estados Unidos, Índia, Israel, Japão, Rússia, Coreia do Sul e Canadá, além de ter recebido a permissão da agência europeia.  

Entre fevereiro e maio de 2020, foram realizados estudos clínicos (nas fases 1, 2 e 3) com 6.283 pacientes, entre homens e mulheres com infecção pelo novo coronavírus comprovada por exames laboratoriais. Os testes clínicos foram realizados em 10 países, não no Brasil.

No estudo, os participantes que receberam o remédio tiveram um tempo de recuperação menor, de dez dias, contra 15 dias daqueles que não receberam a substância. Os eventos adversos não foram maiores no grupo que recebeu o rendesivir do que entre os que não tiveram o remédio aplicado.

Segundo a Anvisa, os estudos demonstram que “o tratamento com rendesivir pode prevenir uma progressão da doença causada pelo coronavírus de 2019 (COVID-19) em adultos e adolescentes (com idade igual ou superior a 12 anos e com peso corporal de, pelo menos, 40 kg) com pneumonia que requerem administração suplementar de oxigênio (oxigênio de baixo ou alto fluxo, ou outra ventilação não invasiva no início do tratamento), como demonstrado nos estudos, através do menor tempo de recuperação no grupo rendesivir”.

O tratamento deve ser realizado por, pelo menos, cinco dias e não mais do que dez. Para obter êxito, o remédio deve ter aplicação inicial de 200g no primeiro dia e outras doses de 100 mg nos dias seguintes. A forma de aplicação é intravenosa.

Polêmica e OMS

Em novembro de 2020, a Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou uma recomendação contra o uso do rendesivir para o tratamento da covid-19. O comunicado foi emitido a partir da avaliação de que não havia evidências da eficácia do remédio no tratamento da doença.

A posição foi feita por um grupo internacional de desenvolvimento de diretrizes, com médicos e outros profissionais da saúde. O grupo analisou quatro estudos que envolveram o impacto do rendesivir em 7 mil pacientes.

Apesar da recomendação contrária da OMS, a Anvisa esclareceu que avaliou aspectos diferentes ao liberar o medicamento no Brasil. Além disso, a situação crítica da pandemia no país e o colapso do sistema de saúde em vários lugares contaram para a avaliação.

“O estudo da OMS avaliou mais a ocorrência de mortalidade e pacientes com perfil um pouco diferente dos avaliados nos outros estudos que consideramos para liberar o remédio. O estudo que consideramos válido focou na redução do tempo de hospitalização dos pacientes e vimos que houve uma redução na hospitalização”, disse a gerente de avaliação de segurança e eficácia da Anvisa, Renata Soares.

Edição: Lílian Beraldo

Publicado em 13/03/2021 – 11:41 Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil – Brasília

Bolsonaro critica novamente restrições impostas por governadores

0
O presidente Jair Bolsonaro durante cerimônia para sanção dos projetos de lei que ampliam a aquisição de vacinas pelo Governo Federal.

Para presidente, vírus e desemprego são problemas que se agravam

O presidente Jair Bolsonaro criticou novamente, hoje (11), as medidas restritivas impostas por governadores como prevenção à disseminação do novo coronavírus no país. Para Bolsonaro, “lockdown não é remédio” para o combate ao vírus e pode agravar situações, como o desemprego e a saúde mental da população.

“Sou preocupado com vidas”, disse o presidente. “Mas, como sempre disse, a economia e a vida tem que andar de mãos dadas. Temos dois problemas que se agravam, o vírus e o desemprego”.

Bolsonaro participou nesta quinta-feira, por videoconferência, de encontro da Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa. O ministro da Economia, Paulo Guedes, também discursou no evento.

De acordo com o presidente, somando com auxilio emergencial, foi gasto no ano passado por volta de R$ 700 bilhões para enfrentamento à pandemia de covid-19. “Lá atrás quando se decidiu pela política de lockdown, do confinamento, do ‘fica em casa’, o objetivo era dar tempo dos hospitais se aparelharem, para que fossem feitos hospitais de campanha, para que fizessem leitos de UTIs, se comprassem respiradores. E não faltou dinheiro por parte do governo federal”, disse.

Edição: Fábio Massalli

Publicado em 11/03/2021 – 16:37 Por Agência Brasil – Brasília 

Pires do Rio deve entrar em lockdown nesta sexta, 12 de março

0

Prefeitura irá comunicar sobre as regras em entrevista à Rádio Rio 92,1 FM

A Prefeitura de Pires do Rio deve divulgar amanhã (12) nova nota técnica decretando lockdown na cidade, com o funcionamento apenas de serviços essenciais, como farmácias, hospitais, centros de saúde, mercados, supermercados e afins. A decisão deve valer pelos próximos oito dias e segue uma recomendação do Governo Estadual, em virtude do colapso na rede hospitalar pública e privada.

No boletim epidemiológico divulgado na quarta-feira, dia 10 de março, Pires do Rio contabilizou 1.808 casos de Covid-19 confirmados, sendo que duas pessoas estão internadas em UTI e outras nove em enfermarias. Outras 67 pessoas testaram positivo para o coronavírus e estão em isolamento em casa. Além disso, 88 pessoas, também em isolamento domiciliar, aguardam o resultado do teste de Covid.

O maior problema do município é que os doentes mais graves precisam ser encaminhados para municípios vizinhos que possuam leitos de UTI e enfermaria específicos para pacientes com Covid ou para a capital. Em Goiânia, a maioria dos hospitais está operando no limite superior a 80% de ocupação.

A prefeita Cida Tomazini participa amanhã (12) do Jornal da Rio, às 7h, na Rádio Rio 92,1 FM, para esclarecer como vai funcionar o novo decreto e as novas restrições no município. E entre 9h e 11h, o secretário municipal de Saúde, Bruno Jefferson Lopes Maia, reforça as informações e vai tirar dúvidas da população e de comerciantes durante entrevista ao Bispo Wanderley.

Publicado por Rio-FM

Projeto que define igrejas como atividade essencial aguarda sanção da Prefeitura de Pires do Rio

0

A Lei Ordinária 09/21, que torna as atividades religiosas de todas as denominações em serviço essencial, ainda aguarda análise do Departamento Jurídico da Prefeitura de Pires do Rio.

Segundo informações do Executivo Municipal, a prefeita Cida Tomazini só vai tomar a decisão de sancionar ou vetar a lei após o parecer jurídico. A Lei Ordinária, de autoria da vereadora Adriana do Salão, foi aprovada por unanimidade na sessão ordinária do dia 2 de março.

Entre os argumentos utilizados na justificativa, a vereadora Adriana do Salão, reconhece que a fé está em cada um e isto é que faz a igreja, seja ela de qualquer denominação. “Mas a palavra de Deus manda congregar. Refleti muito sobre o fato de sair todos os dias para trabalhar e, quando você quer congregar, a porta da igreja está fechada, pois é a Palavra que nos sustenta”, argumenta a vereadora.

Adriana do Salão ressalta que mesmo passando a ser atividade essencial, as atividades religiosas devem seguir as regras sanitárias determinadas pelos poderes municipal, estadual e federal. “As igrejas devem exigir o uso de máscara, promover o distanciamento social e ter a disposição de todos os frequentadores meios para a higienização das mãos”, explica.

A Lei Ordinária, de autoria da vereadora Adriana do Salão, foi aprovada por unanimidade na sessão ordinária do dia 2 de março

Publicado por Rio-FM

Esportes coletivos estão suspensos por 15 dias no estado de São Paulo

0

Federação de futebol se reúne com clubes para ajustes nos torneios

O governo do estado de São Paulo anunciou hoje (11) a suspensão completa de atividades esportivas coletivas por 15 dias, a partir da próxima segunda-feira (15), como forma de conter a disseminação do novo coronavírus (covid-19) em meio à alta de casos e de internações. Minutos depois da coletiva de autoridades estaduais, a Federação Paulista de Futebol (FPF) disse, por meio de nota, que se reunirá na tarde desta quinta com representantes dos clubes do Campeonato Paulista a fim de discutir o futuro das competições.

Segundo dados do Centro de Contingência do Coronavírus a taxa de ocupação da unidades de terapia intensiva (UTIs) chegou a 87,6% no estado, com uma média de 150 novas admissões por dia. O número é 47% superior ao registrado na primeira onda da covid-19.

“Estamos atendendo a um ofício, uma recomendação, do Ministério Público [MP] estadual, que recomendou [a paralisação]”, resumiu, em entrevista coletiva, o nefrologista José Medina Pestana, professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e membro do Centro de Contingência do Coronavírus no estado. “Estamos em uma fase emergencial, então tem prejuízo para todos os setores”, completou.

A recomendação do Ministério Público (MPSP) foi feita na última terça (9). Em nota, o procurador-geral Mario Sarrubbo afirmou que “o recrudescimento da situação causada pela covid-19, com o aumento do número diário de pessoas infectadas, de internações e de mortes” torna “imprescindível” a suspensão das atividades esportivas.

https://t.co/4nLZXzK4UC?amp=1

A FPF reagiu contrária à paralisação. A entidade afirmou ter um protocolo de saúde “rigoroso”, citando países onde o lockdown não interrompeu as competições e afirmando que não há “qualquer argumento científico que sustente a tese de que o futebol profissional gere aumento no número de casos”.

A argumentação da FPF segue a da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O presidente Rogério Caboclo disse ontem (10), em nota, que o protocolo das competições nacionais oferece “ambiente seguro e controlado”. Ainda segundo a entidade, em caso de “restrição de poderes públicos locais por conta do quadro da pandemia” em torneios por ela organizados, “a alternativa será a transferência da referida partida para outra cidade do mesmo ou de outro estado”.

Além do futebol, São Paulo recebe competições profissionais de outras modalidades, como as Superligas Masculina e Feminina de vôlei, o Novo Basquete Brasil (NBB) – que tem cinco dos sete ginásios-sede do segundo turno situados no estado – e a Liga de Basquete Feminino (LBF), na qual cinco dos oito participantes são clubes paulistas. A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), a Liga Nacional de Basquete (LNB) e a LBF ainda não se pronunciaram.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Publicado em 11/03/2021 – 15:07 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional – São Paulo

Comitê Olímpico da China oferece vacinas para a Olimpíada de Tóquio

0

Anúncio foi feito nesta quinta pelo presidente do COI Thomas Bach

O Comitê Olímpico da China está oferecendo doses de vacina contra o novo coronavírus (covid-19) para os participantes da Olimpíada de Tóquio deste ano e para os Jogos de Inverno de Pequim de 2022, informou o Comitê Olímpico Internacional (COI) nesta quinta-feira (11).

A Olimpíada de Tóquio foi adiada por causa da pandemia de covid-19, mas foi remarcada para o período de 23 de julho a 8 de agosto deste ano.

Devido ao atraso, agora os Jogos de Pequim ocorrerão só seis meses depois de Tóquio.

“O COI recebeu um tipo de oferta do Comitê Olímpico Chinês, anfitrião dos Jogos de Inverno de Pequim de 2022, de disponibilizar doses adicionais de vacina aos participantes das duas edições dos Jogos Olímpicos, Tóquio-2020 e Pequim-2022”, disse o presidente do COI, Thomas Bach, em sessão virtual da entidade.

Ele não deu detalhes sobre o número de doses. A Olimpíada envolve mais de 10 mil atletas, ao mesmo tempo que, geralmente, dezenas de milhares de outras pessoas também estão envolvidas nos Jogos, como treinadores, imprensa, voluntários e autoridades.

Bach tratava da apresentação digital da nova chefe da Olimpíada de Tóquio, Seiko Hashimoto, sua primeira ao COI desde que tomou posse, mais de três semanas atrás.

“O Comitê Olímpico Chinês está pronto para, em cooperação com o COI, tornar essas doses adicionais disponíveis… seja via colaboração com parceiros internacionais ou diretamente nos países que têm acordos relacionados com vacinas chinesas”, disse Bach.

Os Jogos de Tóquio serão realizados com medidas de saúde rígidas e a ausência provável de visitantes estrangeiros, e o COI exortou os Comitês Olímpicos nacionais a vacinarem os atletas.

“O COI vai pagar pelas doses adicionas de vacinas, não somente para as equipes olímpicas, mas também para as equipes paralímpicas”, disse Bach.

O presidente executivo da Tóquio-2020, Toshiro Muto, disse estar ciente do que Bach havia dito, mas se recusou a fazer comentários, alegando aos repórteres que não estava “em posição de fazer um comentário sobre isso”.

Quando indagado sobre como a Tóquio-2020 responderia a uma oferta chinesa de doses de vacinas, Muto disse que “o processo de vacinação é gerenciado pelo governo japonês, então nós no comitê organizador Tóquio-2020 não estamos em posição de comentar”.

Publicado em 11/03/2021 – 13:08 Por Karolos Grohmann – Berlim

MP é contra a reabertura das igrejas autorizadas pelo decreto da prefeitura de Goiânia

0

O Ministério Público de Goiás (MP-GO) impetrou uma ação civil pública com a finalidade de anular parte do decreto nº1.757 da prefeitura de Goiânia (que trata da prorrogação de fechamento de atividades não essenciais). Os promotores responsáveis pelo pedido de nulidade de trecho do documento são Heliana Godói de Sousa, Marcus Antônio Ferreira e Marlene Nunes Freitas. Para os membros do MP, o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos), tomou uma decisão errada que ignora a situação epidemiológica do município neste momento.

“A decisão do Prefeito é destituída de fundamento e não se revela consentânea com a situação epidemiológica do Município de Goiânia, haja vista que a abertura parcial de templos religiosos contribui para a disseminação da contaminação pelo coronavírus e para a ocorrência de mortes, porquanto há fila de espera para acesso a leitos, notadamente leitos de UTI”, diz trecho do pedido.

Os promotores usam, ainda, como argumentos de defesa deste pedido o crescimento de casos de covid-19 em Goiânia e observa que o que deveria ser feito era buscar meios de conter as aglomerações e incentivando a população a aderir ao isolamento social.

“Diante desse quadro crítico, não se pode pretender flexibilizar reuniões em templos religiosos. Antes, pelo contrário, a toda evidência todos os
esforços têm de ser empregados para estimular e exigir que a sociedade adira ao isolamento social, a fim de que se consiga reduzir a contaminação e a pressão sobre a rede de assistência”, diz.

De acordo com os promotores, o prefeito Rogério Cruz tomou a decisão equivocada e paradoxal ao que se espera ante essa pandemia e, sobretudo, pelo número de casos que estão aumentando nos últimos dias. Portanto, segundo o despacho, o recomendável seria impedir que as igrejas fossem abertas aos fiéis, já que aumenta a circulação de pessoas e com isso aumenta o risco de disseminação do vírus.

“Em vez disso, optou o gestor local por permitir a maior circulação e aglomeração de pessoas ao autorizar a realização de atividades coletivas em
organizações religiosas – missas, cultos e reuniões similares. Inexistiu, portanto, pressuposto fático técnico-científico idôneo a sustentar a decisão em referência, fato que enseja a invalidação do ato por vício de legalidade, por violação à norma geral que dispõe sobre o enfrentamento da pandemia de COVID-19 (Lei Federal nº 13.979/2020) e, ainda, por ofensa a decisão do Supremo Tribunal Federal em controle concentrado de constitucionalidade”, pontua.

Além do pedido de veto ao trecho que se refere à flexibilização dos templos religiosos, os procuradores destacam também que neste momento é “inconcebível” implementar o retorno das atividades econômicas em Goiânia.

“Do mesmo modo, também à luz dos princípios da razoabilidade e da proporcionalidade, é inconcebível que se pretenda, neste momento, a
implementação do retorno das atividades econômicas no Município de Goiânia, ainda que gradual, tal como disposto na Nota Técnica nº
03/2021/SUPVIG”, destaca.

O decreto, objeto desta ação, foi publicado pela prefeitura de Goiânia no dia sete de março e tem validade por sete dias podendo ser prorrogado por igual período.

À reportagem do Diário de Goiás, a vereadora Gabriela Rodart (DC) disse que vê com estranheza esta ação do MP já que não teria sido pautada em estudos que liguem o aumento de casos à abertura das igrejas.

“Vejo com estranheza o empenho destes 3 promotores do MPGO em fechar Igrejas sem mostrar estudos que associem a abertura delas com o aumento de casos. Gostaria de ver essa mesma dedicação na fiscalização dos recursos do governo federal e na criação de UTIs para combater o vírus”, disse a parlamentar.

Publicado por Diário de Goiás

by Thiago Humberto

Lula coloca Bolsonaro para trabalhar e reconhecer gravidade da pandemia

0

Lula coloca Bolsonaro para trabalhar e reconhecer gravidade da pandemia

A decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin que praticamente coloca o ex-presidente Luíz Inácio Lula da Silva de volta ao páreo eleitoral, fez com que o presidente Jair Bolsonaro abandonasse momentaneamente os discursos fantasiosos que vinha criando e caísse na real: há uma pandemia em curso no Brasil que já ceifou mais de 270 mil vidas. 

Ainda na segunda-feira (08/03), pouco depois da decisão de Fachin, Bolsonaro mudou o discurso em relação às vacinas e elogiou a Pfizer ponderou sobre a “agressividade das novas variantes”. Agora, o presidente quer acelerar o processo de compra e se colocar como protagonista na busca pelo imunizante. Suavizou até o discurso em torno do tratamento precoce, hidroxicloroquina e ivermectina… Agora é “tratamento opcional”.

Ontem, o filho do presidente da República, o senador Flávio Bolsonaro deu o tom de como será a nova fase do governo federal na condução da pandemia no Brasil. Como tudo na gestão do presidente se resume à analogias militares e matrimônios, o lema não poderia ser outro: Vacina para gerar empregos. “Nossa arma é a vacina”, com uma frase atribuída ao pai.

https://twitter.com/FlavioBolsonaro/status/1369720112169836544/photo/1?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1369720112169836544%7Ctwgr%5E%7Ctwcon%5Es1_&ref_url=https%3A%2F%2Fdiariodegoias.com.br%2Fem-dois-dias-lula-coloca-bolsonaro-para-trabalhar-e-faz-presidente-reconhecer-gravidade-da-pandemia%2F

Nesta quarta-feira (10), Lula convocou a imprensa para uma coletiva e fez um discurso efervescente. De máscara, pediu autorização para um médico para retirar enquanto falava. Lembrou que estava respeitando o distanciamento social necessário para retirar o acessório. Horas depois, Bolsonaro e toda a sua equipe ministerial, apareciam usando máscara, em evento que sancionou projetos de lei e que ampliavam a capacidade de aquisição de vacinas pelo Governo Federal. Em seu discurso, lembrou que sua mãe com 91 anos, havia se imunizado contra a Covid-19. Bolsonaro nem parecia Jair. Não teve críticas à imprensa, nem menção a cloroquina ou ivermectina.

Sequer sabemos se Lula de fato vai se candidatar, mas estando ele, no rastro político de Bolsonaro o presidente liga seu alerta e acelera o trabalho, esquecendo-se momentaneamente fantasias que cria entre seus seguidores mais apaixonados. Também passa a reconhecer, que de fato, existe uma pandemia em curso. Que tem ceifado vidas. E não é com “mimimi” que irá conduzi-la.

Publicado por Diário de Goiás

by Domingos Ketelbey

É fake que Brasil tenha registrado óbitos por reações à vacina contra Covid-19

0
syringe with vial

Em tempos de pandemias do coronavírus e da informação, brotam fake news em torno do imunizante. Reptilianos, alterações no DNA e outras teses conspiratórias mirabolantes que extrapolam a criatividade, mas que acabam colando entre algumas pessoas. Em meio a tudo isso, surge a notícia que o Brasil registrou 26 óbitos por reação à vacina contra a Covid-19.

A afirmação não é verdadeira e trata-se de uma fake news. Até o momento, não há qualquer relato de eventos adversos graves ou óbitos causados por qualquer uma das vacinas contra a Covid-19, aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), como é o caso da vacina do Butantan, ou da AstraZeneca/Oxford. 

No entanto, com variantes e mutações sendo reproduzidas em todo o canto, é possível que mesmo imunizado, a pessoa possa contrair a Covid-19. Até o momento, quando isso aconteceu, os pacientes conseguiram se recuperar sem avançar para quadros mais graves. Neste caso, a vacina cumpriu sua função de minimizar os danos causados pelo vírus.

Publicado por Diário de Goiás

by Domingos Ketelbey

IBGE: previsão da safra 2021 é de 263,1 milhões de toneladas

0
Reservatórios de pivôs centrais de irrigação em Itaí (SP)

Soja teve aumento e continua batendo recordes

O total de cereais, leguminosas e oleaginosas produzido no país este ano deve atingir 263,1 milhões de toneladas. A safra nacional de grãos para 2021 deve ficar 9 milhões de toneladas acima da safra de 2020, com crescimento de 3,5% em relação ao ano passado, que já havia sido recorde na série histórica da pesquisa que teve início na década de 70.

As informações constam do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola, divulgado hoje (11) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em relação à estimativa de janeiro, a soja teve ligeiro aumento (0,1%) e continua batendo recordes, devendo alcançar 130,4 milhões de toneladas. O milho caiu um pouco (-0,2%), mas continua em patamares recordes em relação aos anos anteriores, devendo chegar a 103,5 milhões de toneladas.

Em relação a 2020, a produção de soja deve ser 7,3% maior, com aumento de 3,1% na área a ser colhida; e a de milho 0,3% maior, com aumento de 3,4% na área a ser colhida.

“Embora o plantio da soja tenha atrasado este ano em função da estiagem, a partir de dezembro, com a volta das chuvas as lavouras se recuperaram na maior parte do país e a produtividade da leguminosa deve ser elevada. Os preços estão bastante favoráveis no mercado internacional e a demanda continua alta, por isso os produtores continuam ampliando as áreas de plantio dessa commodity pelo país”, disse, em nota, o gerente da pesquisa, Carlos Barradas.

Segundo ele, os produtores estão preocupados com as condições climáticas, pois estão previstos grandes volumes de chuvas em importantes regiões produtoras, o que pode atrasar ainda mais a colheita e comprometer a qualidade dos grãos.

“As reduções nas estimativas do milho estão associadas à menor produtividade estimada para a cultura, devido à falta de chuvas no decorrer do ciclo da 1ª safra. A produção do milho vem, a cada ano, dependendo mais da produção de 2ª safra, mas essa vem crescendo à medida que a tecnologia de produção avança no campo. Atualmente, em alguns estabelecimentos agropecuários, já é comum o plantio do cereal concomitante à colheita, otimizando, assim, a janela de plantio da safra e possibilitando maior segurança climática durante o ciclo da cultura”, disse Barradas.

Em relação a janeiro, houve aumentos ainda nas estimativas da produção do trigo (16,8% ou 965,8 mil toneladas), do café canephora (12,1% ou 98,1 mil toneladas), da cevada (9,0% ou 32,9 mil toneladas), da aveia (2,2% ou 21,3 mil toneladas), do café arábica (1,6% ou 30,6 mil toneladas), do milho de 2ª safra (0,3% ou 262,8 mil toneladas) e da soja (0,1% ou 117,2 mil toneladas).

Segundo o IBGE, são esperadas quedas na produção do arroz (-0,1% ou 8,8 mil toneladas), do feijão 3ª safra (-0,1% ou 810 toneladas), do feijão 2ª safra (-0,7% ou 8,6 mil toneladas), do tomate (-1,2% ou 46,0 mil toneladas), do milho 1ª safra (-1,7% ou 441,3 mil toneladas) e do feijão 1ª safra (-3,6% ou 46,8 mil toneladas).

As  regiões Sul e Nordeste tiveram acréscimos em suas estimativas de 14,1% e 0,9%, respectivamente. A primeira deve produzir 31,7% do total de grãos do país e a segunda, 8,7% do total. Já o Centro-Oeste, maior região produtora do país, que responde por 45,8% da safra nacional, teve decréscimo em sua estimativa (-0,9%), bem como o Sudeste (-0,6%) e o Norte (-2,2%)”, afirmou o IBGE.

Edição: Graça Adjuto

Publicado em 11/03/2021 – 09:42 Por Ana Cristina Campos – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Nova Lei de Licitações segue para sanção presidencial

0
Plenário do Senado Federal durante sessão deliberativa ordinária semipresencial.

Faltava a aprovação da redação final do Senado

O Senado aprovou hoje (10) a redação final do projeto da nova Lei de Licitações (PL 4.253/2020). O projeto foi votado e aprovado ainda em dezembro, mas faltava a aprovação da redação final. Nessa fase não são feitas mudanças no conteúdo do projeto, apenas ajustes de terminologias, clareza e precisão no texto. O projeto segue para sanção presidencial.

A nova lei deve substituir a atual Lei das Licitações, a Lei do Pregão e o Regime Diferenciado de Contratações, modificando as normas referentes aos sistemas de contratação da administração pública. O novo texto cria modalidades de contratação, tipifica crimes relacionados a licitações e disciplina itens do assunto em relação às três esferas de governo: União, estados e municípios.

Entre outras mudanças, o texto permite seguro-garantia nas licitações, o que poderá contribuir para a redução de obras inacabadas e cria um portal nacional de contratações públicas para centralizar os procedimentos licitatórios dos entes federados por meio de um banco de dados unificado.

* Com informações da Agência Senado

Edição: Fábio Massalli

Publicado em 10/03/2021 – 22:44 Por Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil* – Brasília

Congresso do México aprova lei que legaliza a maconha

0

Serão permitidos usos recreativo, científico, médico e industrial

A Câmara dos Deputados do México aprovou nessa quarta-feira (10) lei que descriminaliza a maconha no país para uso recreativo, científico, médico e industrial,. A medida é considerada um marco em um país que enfrenta a violência ligada aos cartéis de drogas.

A legislação, que deve retornar ao Senado para revisão e aprovação final, pode criar o maior mercado de cannabis do mundo em população.

Nos próximos dias, o Senado deverá aprovar a lei, que entrará em vigor assim que for publicada no Diário Oficial. Porém, para seu pleno funcionamento, o Executivo ainda precisa publicar o regulamento em um prazo máximo de 180 dias.

“Com isso, fica para trás a falsa avaliação de que cannabis é parte dos graves problemas de saúde pública do México. Ao contrário, a regulamentação proibicionista só conseguiu agravar o problema e gerou um aumento do tráfico de drogas e das mortes”, disse a deputada Simey Olvera, do partido governista Morena.

“Hoje estamos fazendo história”, acrescentou a deputada, usando uma máscara de folhas de maconha.

Em novembro, o Senado aprovou a lei sobre a maconha. No entanto, a Câmara adiou a discussão da medida polêmica, argumentando que precisava de mais tempo para analisá-la.

No final de 2013, o Uruguai se tornou o primeiro país do mundo a legalizar a produção e a venda de maconha. Outros países da região como a Argentina, o Chile, a Colômbia e o Peru permitem o uso de cannabis medicinal.

Publicado em 11/03/2021 – 06:00 Por Diego Oré – Repórter da Reuters – Cidade do México

Covid-19: há um ano, OMS declarava pandemia

0

Declaração de pandemia ocorreu 3 meses depois do 1º caso em Wuhan

O vírus já se tinha espalhado, em Portugal já existiam casos, mas só em março de 2020 é que a Organização Mundial da Saúde  (OMS) declarou a pandemia, praticamente três meses depois de ter sido anunciado o primeiro caso em Wuhan, na China. Tinham morrido pouco mais de 4 mil pessoas. Um ano depois, a covid-19 já tirou a vida de mais de 2,6 milhões.

Em uma quarta-feira, 11 de março de 2020, quando o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, declarou que o que até então era considerada uma epidemia, tinha a força de pandemia. Ao justificar a declaração, ele afirmou que os casos fora da China tinham se  “multiplicado por 13”. 

Tedros Adhanoms disse, à época, que cabia a cada um dos países mudar o curso dessa pandemia se detectarem (casos), testarem, tratarem, isolarem, rastrearem e mobilizarem as pessoas na resposta. “Estamos nisto juntos e precisamos fazer com calma aquilo que é necessário”. Ele também já alertava para a necessidade de uma resposta mais agressiva.

O representante da OMS para situações de emergência, Mike Ryan, destacava que a utilização da palavra “pandemia” era meramente descritiva da situação e não alterava, “em nada, aquilo” que já estava sendo feito, “nem aquilo que os países deveriam fazer”.

A OMS alertava para os níveis alarmantes de propagação e gravidade do vírus e também para os “níveis alarmantes de falta de ação”. 

Dois países em particular preocupavam a OMS naquele momento: o Irã e a Itália. O número de mortes crescia de forma assustadora. Mike Ryan avisava que outros países estariam muito em breve nessa situação, o que se confirmou. 

O novo coronavírus, que começou na China, se alastrou pelo mundo inteiro. Matou pessoas, superlotou hospitais, quebrou muitas vezes a solidariedade e a economia. Paralisou a indústria, impediu aviões de levantar voo, fechou escolas e adiou ou cancelou eventos desportivos e espetáculos. Mudou toda a vida.

Os últimos dados, neste 11 de março de 2021, precisamente um ano depois da declaração de pandemia pela OMS indicam quase 120 milhões de pessoas infectadas pelo vírus e mais de 2,6 milhões de mortes.

* Com informações de Alexandre Brito – Repórter da RTP – Rádio e Televisão de Portugal

Edição: Graça Adjuto

Publicado em 11/03/2021 – 09:20 Por *Agência Brasil – Brasília

Diretora da OMC pede ação para aumentar produção de vacinas

0

Ela sugeriu que unidades de produção sejam construídas

A diretora-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC) pediu nessa terça-feira (9) uma ação urgente para aumentar a produção de vacinas contra a covid-19 nos países em desenvolvimento. Afirmou que unidades de produção poderiam ser construídas em seis a sete meses ou menos da metade do tempo anteriormente imaginado.

Ngozi Okonjo-Iweala, ex-ministra de Finanças da Nigéria que até recentemente era presidente do conselho da coalizão global GAVI – para o acesso igualitário ao número limitado de vacinas – assumiu o principal cargo do órgão de fiscalização do comércio global na semana passada. Ela disse que a saúde e o acesso às vacinas constituirão prioridade.

“O fato é que cada dia a mais em que a escassez das vacinas continuar, as pessoas pagarão com suas vidas”, disse Okonjo-Iweala em uma cúpula de dois dias focada na produção de imunizantes contra a covid-19, acrescentando que cerca de 130 países ainda aguardam pelas vacinas.

Os membros da OMC devem discutir uma possível renúncia aos direitos de propriedade intelectual para medicamentos contra a covid-19 nesta quarta-feira (10), medida que pode permitir que os produtores em mais países comecem a fabricar doses dos imunizantes.

No entanto, atualmente as negociações estão sob impasse, com vários países ricos opondo-se à renúncia, afirmando que isso prejudicará a custosa pesquisa que permitiu, primeiramente, a produção de vacinas contra a doença.

Okonjo-Iweala disse que as restrições à exportação relacionadas à pandemia têm caído nos últimos meses. Ela apelou aos países para que retirem ou reduzam as restrições remanescentes, ou definam prazos para sua eliminação, a fim de ajudar a minimizar os problemas na cadeia de suprimentos de vacina.

Publicado em 10/03/2021 – 07:22 Por Emma Farge – Repórter da Reuters – Genebra

Ceni antecipa retorno ao trabalho no Fla mirando pré-temporada de 2021

0

Mesmo no descanso após Brasileirão, técnico acompanhou o Estadual

Enquanto a maior parte do elenco principal do Flamengo só se reapresenta na próxima segunda-feira (15), o técnico Rogério Ceni antecipou seu retorno às atividades e já acompanha o time no Ninho do Urubu. Depois da última rodada do Campeonato Brasileiro, o treinador aproveitou o período de descanso, mas não deixou de trabalhar, uma vez que o Rubro-Negro tem confrontos decisivos logo no início da temporada de 2021.

“Primeiramente, eu acompanhei os dois jogos do Campeonato Carioca, as duas vitórias do Flamengo, à distância, logicamente. Aproveitei cinco dias para descansar, visitar meu pai. Eu achei que, por bem, deveria voltar um pouco mais cedo para tentar já reorganizar a parte de pré-temporada, treinamentos, desenhar novos treinamentos para que a gente faça uma pré-temporada adequada, porque nós temos jogos importantes, decisivos, como a Supercopa do Brasil, no dia 11 de abril e depois tem a estreia na Libertadores da América”.

Mesmo preocupado com as partidas decisivas da Supercopa do Brasil e a estreia na Libertadores, Rogério Ceni quer auxiliar a equipe que está disputando o Campeonato Carioca.

“Voltei para poder acompanhar também um pouco dos treinamentos, tentar ajustar algumas coisas nos treinamentos com alguns garotos que muitos eu já conheço, que trabalham comigo. Outros ainda estão na categoria de base, o que serve também como observação. Então eu já vou participar dessa semana inteira de treinamentos, olhar treinamentos, acompanhar o treinamento que o Mauricio [Mauricio Souza, técnico do Sub-20] vem fazendo e poder, como hoje, já discutir alguma situação de jogo. Mas o principal é preparar a pré-temporada que reinicia na próxima segunda-feira, às 9h da manhã”.

Antes da reapresentação do elenco principal do Flamengo na segunda (15), o Rubro-Negro entra em campo no próximo domingo (14), às 18h (horário de Brasília), no Maracanã, no clássico contra o Fluminense, pela terceira rodada da Taça Guanabara. O Rubro-Negro é o vice-líder, com seis pontos marcados em dois jogos, ficando atrás da Portuguesa pelo saldo de gols.

Publicado em 09/03/2021 – 15:19 Por Maurício Costa – Repórter da Rádio Nacional – São Paulo

Procurador-geral do MP recomenda suspensão do futebol em São Paulo

0

Mario Sarrubbo cita avanço de casos, internações e mortes por covid-19

O procurador-geral de Justiça do Ministério Público de São Paulo (MP-SP), Mario Sarrubbo, recomendou ao governo paulista a suspensão de eventos esportivos, inclusive partidas de futebol, na Fase Vermelha do Plano São Paulo. Mais restritiva, a fase autoriza somente o funcionamento de serviços essenciais, visando conter o avanço do novo coronavírus (covid 19).

Segundo nota divulgada pelo MP, a recomendação foi assinada nesta terça-feira (9), será publicada no Diário Oficial de quarta-feira (10) e ainda inclui “cultos, missas e demais atividades religiosas de caráter coletivo” entre os eventos a serem suspensos. Para entrar em vigência, ela precisa ser referendada pelo governador João Doria ou pela Justiça.

O governo estadual ainda não se pronunciou. No último dia 3, quando anunciou que o estado seria inserido na Fase Vermelha a partir do dia 6, o Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo informou que o futebol não precisaria ser interrompido e seguiria o modelo adotado na Europa, onde vários países decretaram lockdown, mas mantiveram as atividades esportivas sem presença de público.

A Federação Paulista de Futebol (FPF) se manifestou contrária à recomendação. Em nota, afirma ter um “rigoroso protocolo de saúde”, aprovado pelo Centro de Contingência e pelo próprio Ministério Público; menciona Alemanha e Estados Unidos como países onde o lockdown não interrompeu as competições, “sob o correto conceito técnico de que os jogos de futebol não são, sob nenhuma hipótese, locais que sugerem qualquer tipo de contaminação”; e destaca que a modalidade “é um importante entretenimento à população neste trágico momento que vivemos”.

A entidade encerra o comunicado afirmando que “não há qualquer argumento científico que sustente a tese de que o futebol profissional gere aumento no número de casos” e diz que a paralisação “deixaria expostos milhares de atletas, que não mais passariam a ter o controle médico diário e de testagem que o futebol oferece”.

Além do futebol, São Paulo recebe competições de outras modalidades. Caso das Superligas Masculina e Feminina de vôlei, que iniciam nesta semana o mata-mata; do Novo Basquete Brasil (NBB), que tem cinco dos sete ginásios-sede do segundo turno situados no estado; e da Liga de Basquete Feminino (LBF), onde cinco dos oito participantes são clubes paulistas.

Na recomendação, de acordo com a nota do MP, Sarrubbo afirma que “o recrudescimento da situação causada pela covid-19, com o aumento do número diário de pessoas infectadas, de internações e de mortes” torna “imprescindível” a suspensão das atividades esportivas. Ainda segundo o comunicado, os médicos que integram o gabinete de crise da Procuradoria-Geral de Justiça alertaram para a taxa de ocupação de leitos das unidades de terapia intensiva (UTIs) no estado e “o maior índice de transmissibilidade das novas cepas do coronavírus”.

Na segunda-feira (8), o governo paulista registrou que a taxa de ocupação das UTIs está em 80% no estado e em 81,2% na Grande São Paulo. O total de pacientes internados por conta da covid-19 é de quase 20 mil, sendo 11 mil em enfermaria e 8,6 mil nas unidades de terapia intensiva.

Edição: Gustavo Faria

Publicado Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

5G: mais de 8 milhões de lares terão troca de parabólica custeada

0

Troca será motivada por mudança de faixa de frequência

Depois de mais de um ano de intensos debates, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) definiu as regras do leilão para a oferta de banda larga móvel na tecnologia 5G. Uma delas implicará que mais de 9 milhões de famílias arquem com a compra de novos equipamentos de TV por parabólicas. Outras 8,3 milhões de famílias de baixa renda terão a migração custeada com recursos arrecadados pelo leilão.

Em razão de interferências no serviço de transmissão para parabólicas (TVRO) por redes de 5G em uma das faixas (3,5 GHz), a Anatel decidiu que esse serviço audiovisual não poderá mais ser prestado como é hoje.

Outra opção discutida era a possibilidade de instalar filtros nas antenas para tentar mitigar a interferência. Essa solução acabou não sendo acolhida pela maioria dos integrantes do conselho da agência. 

“Fizemos testes com 5G, um serviço adjacente do TVRO [transmissão por parabólicas], que usam entre 3,7 e 4,2 GHz. Constatou-se interferência do 5G no serviço de TVRO. O 5G respeita seus limites de transmissão, mesmo assim os receptores das parabólicas são muito ruins”, explica o superintendente de Outorgas e Recursos à Prestação da Anatel, Vinícius Karam.

Com isso, as transmissões deverão migrar para outra faixa, denominada banda KU. As faixas são as “avenidas no céu” por onde passam os sinais de radiodifusão, como TV, rádio, satélite e telefonia celular.

Hoje, a Anatel estima 20,7 milhões de lares que têm TV por parabólica, sendo 17 milhões de parabólica por sinal aberto (o restante tem TV por assinatura).

Desses, 8,3 milhões estão no Cadastro Único e terão a migração custeada a partir dos recursos arrecadados com o leilão. Outros 9,2 milhões terão de trocar os equipamentos com seus recursos. A previsão da Anatel é que o kit instalado custe R$ 250.

A distribuição dos kits será feita por uma entidade a ser criada com essa finalidade. O custeio inclui também a instalação dos novos equipamentos. O procedimento foi semelhante quando do leilão da faixa de 700 MHz para o 4G, que desalojou parte das emissoras.

“A entidade vai ser constituída, terá plano de comunicação. Todos serão informados para retirar o seu kit ou solicitar instalação de novo kit. Uma preservação para todos que assistem ao TVRO, só que distribuído gratuitamente para cadastro único e sendo informado”, acrescenta Karam.

Até 2025, haverá uma transmissão concomitante tanto na faixa atual (banda C) quanto na nov (KU). Neste ano, será feito o desligamento, e só poderão continuar assistindo à TV por parabólica quem tiver adquirido os novos aparelhos.

Empresas

Para o diretor-geral da Associação Brasileira de Rádio e Televisão (Abratel), Samir Nobre, a solução de migração para uma nova faixa do serviço de TV aberta por parabólicas adotada pela Anatel foi acertada.

“Foi a única alternativa que concilia os fatores técnicos, econômicos e de planejamento de espectro, além de proteger a população socialmente carente que faz uso desse serviço para ter acesso à televisão aberta, gratuita e de qualidade”, diz.

Matéria atualizada às 9h04

Edição: Graça Adjuto

Publicado em 09/03/2021 – 06:00 Por Jonas Valente – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Fiocruz prevê produção 1 milhão de vacinas por dia até final do mês

0
Fiocruz inicia envase do primeiro lote de IFA da vacina Covid-19

Ministro da Saúde fez visita técnica à fundação nesta segunda-feira

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) espera produzir um milhão de doses da vacina contra a covid-19 por dia até o final de março. A estimativa foi divulgada nesta segunda-feira (8), durante a visita técnica do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, quando foi anunciado o início da produção em larga escala.

Durante o encontro, representantes da Fiocruz previram a entrega de 3,8 milhões de doses para o mês de março. A produção dos lotes de pré-validação e validação foram finalizadas no último domingo (7), com testes de consistência e estabilidade dentro dos parâmetros desejados. Esses lotes poderão ser incorporados ao Programa Nacional de Imunização (PNI), mediante aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Com o início da operação dessa primeira linha nesta segunda-feira, a Fiocruz iniciará o escalonamento gradual da produção.

“A primeira linha em funcionamento hoje está produzindo cerca de 300 mil doses por dia. Ainda esta semana, caso a produção ocorra dentro do previsto, uma segunda linha de produção deverá entrar em operação para aumentar a capacidade produtiva. A expectativa é chegar, até o final de março, com as duas linhas em funcionamento, com uma produção de cerca de um milhão de doses por dia”, informou a Fiocruz em nota publicada em sua página na internet..

Assista na TV Brasil:

Anvisa

Nesta segunda-feira também foram enviados à Anvisa os documentos restantes para a obtenção do registro definitivo da vacina. A expectativa é de que o registro possa ser concedido ainda esta semana.

“A Fiocruz se mantém ativa na busca por alternativas para o fornecimento de vacinas ao PNI. Até o momento, já foram fornecidas quatro milhões de doses produzidas pelo Instituto Serum e preparadas para distribuição pelo Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz), das 12 milhões de doses já acordadas com a AstraZeneca. Além disso, a Fiocruz irá também apoiar tecnicamente o recebimento das vacinas da iniciativa do Covax Facility, o que poderá representar cerca de 2,9 milhões de doses de vacinas prontas ainda em março”, informou a Fiocruz.

Segundo a fundação, cada lote de vacinas precisa passar por testes de controle de qualidade, que verificam a estabilidade e a esterilidade. Esses testes levam de 15 a 20 dias. Desta forma, as vacinas que serão produzidas esta semana serão liberadas em até 20 dias, a depender da conclusão dos testes.

Até 31 de março, só poderão ser consideradas aptas para entrega ao PNI a produção realizada, no mínimo, 15 dias antes. As demais doses produzidas em março só serão entregues no mês seguinte. Em abril, já vai haver um fluxo contínuo de produção e entregas semanais das doses produzidas duas semanas antes.

Edição: Aline Leal

Publicado em 08/03/2021 – 21:56 Por Vladimir Platonow – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Decisão de Fachin anula condenações de Lula na Lava Jato e deixa ex-presidente elegível

0

As condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva relacionadas às investigações da Operação Lava Jato foram anuladas por decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF).

O magistrado determinou, nesta segunda-feira (8), que todas as sentenças da Justiça Federal no Paraná perdessem efeito.

Destarte, Lula tem seus direitos políticos restabelecidos e se torna elegível para qualquer cargo público.

Segundo Fachin, a 13ª Vara Federal de Curitiba não tinha a competência para julgar casos como do triplex do Guarujá, do sítio de Atibaia e das doações ao Instituto Lula. “Embora a questão da competência já tenha sido suscitada indiretamente, é a primeira vez que o argumento reúne condições processuais de ser examinado, diante do aprofundamento e aperfeiçoamento da matéria pelo Supremo Tribunal Federal”, diz a nota.

Os processos serão remetidos à Justiça Federal do Distrito Federal.

Pesquisa eleitoral

Uma pesquisa divulgada neste domingo (7) pelo Inteligência em Pesquisa e Consultoria (Ipec) mostrou que Lula tem o maior capital político para derrotar o presidente Jair Bolsonaro numa eventual disputa em 2022.

No levantamento, divulgado pelo jornal O Estado de S. Paulo, 50% dos entrevistados disseram que votariam com certeza ou poderiam votar em Lula se ele se candidatasse novamente à Presidência, e 44% afirmaram que não o escolheriam de jeito nenhum.

Bolsonaro aparece com 12 pontos porcentuais a menos no potencial de voto (38%), e 12 a mais na rejeição (56%).

FONTE: Diário de Goiás

by Redação / Diário de Goiás

Petrobras aumenta preços da gasolina e do diesel nas refinarias

0
Esferas de armazenamento de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) da Refinaria Duque de Caxias - REDUC

Sexto aumento da gasolina do ano é da ordem de 9,2% para R$ 2,84

A Petrobras anunciou hoje (8) um novo aumento dos preços da gasolina e do diesel que são cobrados em suas refinarias. No caso da gasolina, o aumento é o sexto do ano, e o preço médio do litro passará de R$ 2,60 para R$ 2,84, em uma alta de cerca de 9,2%.

Para o litro do diesel, o reajuste anunciado é de R$ 2,71 para R$ 2,86, um encarecimento de cerca de 5,5%. No caso desse combustível, o aumento é o quinto no ano.

O último reajuste havia sido anunciado pela Petrobras em 1° de março e, antes disso, houve aumentos em 18 de fevereiro, 8 de fevereiro, 26 de janeiro e 18 de janeiro, dia em que apenas o preço da gasolina foi reajustado. No fim do ano passado, o litro de combustível custava R$ 1,84 nas refinarias, R$ 1 a menos que o preço alcançado hoje.

Política de preços

A política de preços da Petrobras busca o alinhamento do preço das refinarias aos do mercado internacional, o que também torna o preço sensível ao valor do real perante o dólar, moeda em que as negociações ocorrem no exterior.

Segundo a estatal, manter esse alinhamento é fundamental para garantir que o mercado brasileiro seja suprido sem risco de desabastecimento. A empresa afirma que, assim como o preço sobe quando há encarecimento no mercado internacional, ele também cai quando a alta da oferta no mundo desvaloriza esses combustíveis.

A Petrobras destaca ainda que essas variações do mercado internacional e do câmbio “têm influência limitada” no preço final que os consumidores encontram nos postos de combustíveis. “Até chegar ao consumidor são acrescidos tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biocombustíveis, além das margens brutas das companhias distribuidoras e dos postos revendedores de combustíveis”.

Edição: Denise Griesinger

Publicado em 08/03/2021 – 14:13 Por Vinícius Lisboa – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Valor médio de auxílio emergencial será de R$ 250, diz Guedes

0
O ministro da Economia, Paulo Guedes, durante entrevista coletiva no Palácio do Planalto.

Expectativa é que benefício comece a ser pago ainda neste mês

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse hoje (8) que o valor médio do novo auxílio emergencial deve ser de R$ 250 por pessoa. A declaração foi dada em entrevista à imprensa no Palácio do Planalto, após reunião com o presidente Jair Bolsonaro para tratar da compra da vacinas contra covid-19. “É vacina, e justamente manter a economia em movimento, esta é a prioridade do governo”, disse.

A expectativa é que o valor comece a ser pago ainda neste mês, com a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição 186/2019, a chamada PEC Emergencial. O texto possibilita o pagamento do auxílio com créditos extraordinários sem ferir o teto de gastos públicos.

De acordo com Guedes, a decisão sobre a amplitude do auxílio emergencial é do Ministério da Cidadania. “Nós [Ministério da Economia] só fornecemos os parâmetros básicos”, disse o ministro. Segundo ele, o valor para mulher chefe de família monoparental deve ser de R$ 375 e, no caso de homem, de R$ 175. “Se for casal, já são R$ 250”, informou.

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo governo federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Tiveram direito aos repasses, obedecendo a uma série de critérios econômicos e sociais, integrantes do Bolsa Família, cidadãos incluídos no Cadastro Único (CadÚnico), além de trabalhadores informais, contribuintes individuais do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e microempreendedores individuais que solicitaram o benefício por meio de plataformas digitais ou aplicativo da Caixa Econômica Federal.

Edição: Nádia Franco

Publicado em 08/03/2021 – 13:59 Por Andreia Verdélio – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Vereador Denilson, Presidente da Câmara, presta contas a população

0

O Vereador Denilson, Presidente da Câmara de Pires do Rio, prestou contas à população através de suas redes sociais.

Ele disse: Comunicado a população: sempre trabalhei com responsabilidade. E quem me conhece sabe do meu caráter e seriedade.

Vou fazer uma prestação de contas até o presente momento: continuação e regularização das casas do Dr. Wilson, cobrança constante das diversas coisas ruas da cidade e zona rural e acompanhando os trabalhos, continuação do trabalho e termino da quadra da escola Dr. João Natal, apresentação de representantes do Banco Santander para viável abertura de Agência em Pires do Rio.

Como presidente da Câmara: ajuste na parte administrativa para redução de despesa, orientação e curso para os novos vereadores, caixa de sugestões implantadas em órgãos públicos.

E com projeto para Concurso Público. E mais ações virão. E nossos vereadores estão sempre em ação, buscando e fazendo pela população.

Estudante brasileira descobre asteroide e é reconhecida pela Nasa

0

Uma estudante brasileira de escola pública descobriu, em 9 de janeiro, um asteroide que ainda não havia sido identificado pela Nasa (Agência Espa